Na “ditadura” de Bolsonaro, Lula preso faz política e critica coberturas da Globo!

Habacuque, 18 de Junho, 2019

Condenado e preso na sede da Polícia Federal em Curitiba (PR) por corrupção e lavagem de dinheiro, o ex-presidente Lula (PT), mantido em cela especial desde abril de 2018, tem uma “rotina” diferenciada da maioria dos demais presos brasileiros: recebe visitas sem prévios agendamentos, conta com o apoio de uma dedicada militância petista, de líderes sindicais e partidários de esquerda, além de uma busca incessante por alguns setores da imprensa.

No “ápice” da celeuma em torno dos recentes vazamentos de conversas mantidas por autoridades que como o coordenador da força-tarefa da Lava-Jato, Deltan Dallagnol, e o então juiz e hoje ministro da Justiça, Sergio Moro, Lula fortaleceu o “coro” pelo Brasil de “injustiçado”, de que havia um “esquema” para retirá-lo da disputa presidencial, para que ele não concorresse aquele pleito, que culminou com a vitória de Jair Bolsonaro (PSL).

Por enquanto não se tem comprovação de como o site The Intercept teve acesso ao conteúdo das conversas e até se elas não foram manipuladas. Entretanto, por se tratarem de informações provavelmente obtidas por meio “criminoso”, o mais provável é que o conteúdo do material não tenha valor jurídico e que, dificilmente, vão resultar na nulidade dos processos que tramitam ou tramitaram na 13ª Vara Federal, em Curitiba. Ou seja, com base nesses “vazamentos”, Lula tende a continuar preso...

Mas indo um pouco adiante da discussão que setores da imprensa insistem em não tratar, por mais que tenha existido um equivocado direcionamento do juiz federal em relação aos procuradores, até agora não veio a tona nenhuma informação de prova manipulada ou de que o ex-presidente fora condenado injustamente. É sim um “jogo de fumaça” que Lula e o Partido dos Trabalhadores se agarram para tentar pressionar as autoridades constituídas contra a opinião pública.

É a estratégia do “vitimismo”, de se criar uma espécie de “caos social”, onde a população em geral ficaria desacreditada com as instituições. Por enquanto, as investigações estão em curso, o ministro Moro parece continuar com o respaldo de boa parte da sociedade e do próprio governo que é parte, e a Operação Lava Jato manteve seu perfil intacto. Mesmo que tenha havia uma espécie de “conluio” entre as partes, o brasileiro ainda opta em ficar do lado da Justiça.

Agora chama a atenção que os mesmos segmentos de esquerda e a própria imprensa que tanto propagou o retorno da “ditadura militar” com o governo Bolsonaro, não reconhece que em pleno “regime de exceção”, um “preso político” como Lula, condenado como qualquer um outro detento, mantém uma estrutura política em andamento, concedendo entrevistas, atacando o governo e as instituições e criticando as coberturas feitas pela Rede Globo, como no caso recente envolvendo o jogador Neymar, da Seleção Brasileira e do PSG. Talvez até Lula se sinta “constrangido” com essa “ditadura de direita”...

 

Veja essa!

Sem o devido planejamento prévio, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), confirmou que só vai realizar o Forró Caju em 2019 porque o deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) conseguiu os recursos juntos ao Ministério do Turismo. Agora, terá outra tarefa dura: convencer os guardas municipais a trabalharem durante a festa.

 

E essa!

O Sindicato dos Guardas Municipais, em assembleia geral extraordinária, decidiu não trabalhar no próximo Forró Caju. A informação é que mais de 70% dos guardas que poderiam ser escalados já aderiram ao movimento. Alegam a falta de diálogo de Edvaldo com a categoria. A categoria promete se manifestar durante o evento.

 

Com João!

Não custa lembrar que, mesmo bastante contestada, a gestão do ex-prefeito João Alves Filho (DEM) tratou de priorizar a Guarda Municipal que jamais havia recebido tantos investimentos de uma gestão em Aracaju. Pelo visto o prefeito vai tocar (a zabumba), a insegurança vai “cantar” e o povão, literalmente, vai “dançar”. Vôte!

 

PC pode parar!

Além da Guarda Municipal, quem também promete paralisar as atividades durante os festejos juninos é a Polícia Civil. Agentes e escrivães devem decidir algo neste sentido nesta quarta-feira (19). Aí a bronca é com o “galeguinho” Belivaldo Chagas, que chegou com todo o “gás”, mas não dialoga com quase ninguém...

 

Olha o G4!

A turma nova não deixa o “galeguinho” descansar! Os deputados estaduais Georgeo Passos (Cidadania), Rodrigo Valadares (PTB), Samuel Carvalho (Cidadania) e Kitty Lima (Cidadania) “caíram da cama” nesta terça-feira (18) e fizeram uma inspeção de surpresa no Hospital de Urgência e Emergência (HUSE).

 

Dentro do HUSE!

Os deputados percorreram as Alas Azul, Verde, Vermelha, UTI, parte Oncológica e Pediatria. “Queremos debater com ele uma melhoria para aquela unidade de saúde”, disse Georgeo, antecipando que a Ala Azul permanece superlotada.  

 

Pediatria

Georgeo destacou alguns pontos como a questão da pediatria, principalmente sobre a troca de turno dos médicos. “Lá tinha uma criança desde ontem sentada em uma cadeira tomando soro porque não tem onde ficar melhor acomodada e o médico plantonista daquele horário ainda não tinha chegado”, lamentou.

 

Capela véia doida!

Do município chega a informação que os grupos de whatsapp se transformaram em uma espécie de “negócio rentável” para administradores e de censura por parte de alguns administradores. O comentário na cidade é de um administrador que teria sido pressionado a manter adversários políticos afastados do grupo mediante o pagamento de R$ 2 mil/mês.

 

A casa caiu!

Como tudo na vida tem um “começo, meio e fim”, quando os interesses entraram em conflito, e quando a oposição a este agrupamento passou a ter vez e voz na cidade e no grupo, o administrador passou a ser ameaçado com mensagens de áudio onde uma parte revela ter comprovantes de depósitos bancários, gravações e até filmagens da distribuição farta de dinheiro que, supostamente, deve ser público. Tem jeito?

 

Paulinho Filho I

 

 

O ex-deputado estadual Paulo Hagenbeck Filho, o Paulinho da Varzinhas, se apresentou nessa terça-feira (18), para cumprir a determinação de iniciar o uso de tornozeleira eletrônica. Acompanhado de seu advogado, o ex-deputado se apresentou à Central de Monitoramento Eletrônico de Presos (CEMEP), no bairro América, para a instalação do equipamento.

 

Paulinho Filho II

O ex-deputado ficará em casa, em Aracaju, monitorado eletronicamente, podendo comparecer apenas em juízo ou a postos de saúde ou hospital, até avaliação que será feita pela junta médica do Tribunal de Justiça. Paulinho recebeu o benefício de prisão domiciliar em decorrência de problemas de saúde, comprovados por atestados médico.

 

Augusto Bezerra

Por sua vez, o ex-deputado Augusto Bezerra, que tem até às 17 horas dessa quarta-feira (18) para se apresentar voluntariamente ao presídio militar onde ficará custodiado, tenta junto com sua assessoria jurídica reverter a ordem de prisão expedida.

 

Passa bem

O conselheiro Luiz Augusto Ribeiro, do TCE/SE, se submeteu nessa segunda-feira (17), no Hospital Albert Einstein (SP), a uma cirurgia de revascularização do miocárdio, popularmente conhecida como ponte de safena. A operação conduzida pelo cardiologista Fabio Jatene foi considerada bem sucedida. O conselheiro passa bem e permanece no hospital paulista acompanhado por equipe médica e familiares.

 

CPI em Canindé

Vereadores de Canindé devem votar pedido de CPI e cassação do prefeito. Pedido foi de iniciativa popular, protocolada na Câmara de Vereadores de Canindé, apresentando denúncias contra o prefeito do município e solicitando abertura de CPI e processo de cassação do mandato. O responsável pela denúncia foi Edmilson Balbino Santos Filho (Missinho Balbino).

 

Fábio Henrique

O presidente Jair Bolsonaro vetou o trecho da medida provisória que isentava cobrança de bagagens em voos domésticos. Isso fez com que o deputado federal Fábio Henrique (PDT) usasse a tribuna da Câmara Federal em defesa dos consumidores, para pedir que os demais deputados votem pela derrubada do veto e impeçam essa cobrança.

 

Redução

Fábio Henrique destacou que as companhias aéreas alegavam que a cobrança das bagagens traria redução nos custos das passagens e que isso não aconteceu. “Eu mesmo trouxe a comprovação disso para essa Casa, por meio de uma passagem da empresa Azul, com destinos Aracaju-Salvador e Salvador-Aracaju, ao preço de R$ 12 mil. Portanto, os absurdos das companhias aéreas não foram reduzidos em nada”, defendeu o deputado sergipano.   

 

Aeroporto

O deputado federal Laércio Oliveira esteve com a presidente da Infraero, Martha Seillier, para questionar se o aeroporto Santa Maria, de Aracaju, sofreria um rebaixamento de categoria, deixando de ser aeroporto internacional para se tornar doméstico e explicou que essa opção seria muito ruim para o turismo de Sergipe.

 

Segue internacional

A presidente informou que houve um movimento nesse sentido, mas não vai mais acontecer. O parlamentar discutiu ainda a importância de se ter mais voos para o estado, que atualmente são muito poucos e caros, dificultando o acesso do turista.

 

Investimentos

A presidente informou que a estatal espanhola Aena que venceu a disputa para administrar seis aeroportos no Nordeste tem muita experiência com turismo e grande capacidade de investimentos. A previsão de investimentos no aeroporto de Aracaju é de 70 milhões de dólares e grande parte desses recursos serão aplicados nos primeiros 5 anos.

 

Aeroporto de Xingó

O deputado questionou a presidente da Infraero ainda se havia planos de construção de aeroportos regionais e sugeriu que a área de Xingó tivesse esse investimento, por ser uma região turística muito importante de Sergipe, mas que ainda precisa de uma melhor infraestrutura. “Basta a gente lembrar o caso de Porto Seguro que é muito distante de Salvador e de Vitória, mas o turismo ganhou um grande impulso com a construção do aeroporto”, explicou o parlamentar. A presidente disse que é um caso a ser estudado porque Sergipe ainda não tem nenhum aeroporto regional.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

 

O que você está buscando?