Ranking dos Políticos comprova: Sergipe perdeu representatividade em BSB!

Habacuque, 10 de Dezembro, 2019 - Atualizado em 10 de Dezembro, 2019

Que o momento político de Sergipe é muito difícil, isso já não é novidade para ninguém! Temos uma gestão sofrível a frente do Executivo, com o governador Belivaldo Chagas (PSD) e a vice-governadora Eliane Aquino (PT) cassados pela Justiça Eleitoral e com futuro incerto: estão na expectativa do julgamento de seus recursos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para saber se continuam ou não a frente do Estado. Mas ainda pior é a representação política dos sergipanos no Congresso Nacional. Um ano após a eleição de 2018, não é exagero dizer que perdemos em representação!

O PORTAL NE NOTÍCIAS externou nessa segunda-feira (9) o resultado do “Ranking dos Políticos” com a posição dos oito deputados sergipanos entre os 513 com mandato na Câmara Federal. Os senadores foram preservados pelo site, mas, curioso, este colunista decidiu pesquisar a posição de todos os 11 sergipanos em BSB. O mais bem colocado é o “novato” senador Alessandro Vieira (Cidadania) que entre os 594 parlamentares em Brasília (513 deputados e 81 senadores) ocupa a 35ª posição atualmente.

O resultado foi positivo para o delegado, mas, justiça seja feita, seu “retorno” para o povo sergipano ao longo desse primeiro ano de mandato ficou muito abaixo da expectativa nele depositada em 2018, ainda mais pela expressiva votação que teve na eleição. Em seguida vem a sempre muito contestada, a senadora Maria do Carmo (DEM). Seus adversários em Sergipe fazem “memes” com a democrata, criticam suas ausências em momentos importantes do parlamento, mas na 262ª posição ela está a frente de todos os oito deputados federais!

Para se ter uma ideia, dos 594 congressistas, o “melhor” deputado sergipano é Fábio Mitidieri (PSD) que figura apenas na 363ª posição, seguido de Gustinho Ribeiro (SD –  376º), Bosco Costa (PL – 437º), Laércio Oliveira (PP – 439º), Fábio Henrique (PDT – 474º), Fábio Reis (MDB – 480º), o senador Rogério Carvalho (PT – 530º), Valdevan Noventa (PSC –538º) e João Daniel (PT – 586º). Em síntese, entre os 350 melhores do Congresso Nacional, segundo o Ranking dos Políticos, apenas os senadores Alessandro Vieira e Maria do Carmo estão posicionados.

Este resultado nos leva a uma reflexão: o sergipano está bem representado no Congresso Nacional? O volume de recursos conquistados junto ao Governo Federal tem sido compensador para os municípios? Olhando para esses deputados federais, que podem até tentar responsabilizar o governo de Jair Bolsonaro (PSL), o que dizer da atuação do ex-deputado André Moura (PSC), que na legislatura anterior trouxe mais de R$ 1,5 bilhão em recursos para Sergipe? Quantas obras estão sendo realizadas em Aracaju com recursos conquistados por ele?

O ex-deputado federal Valadares Filho (PSB) até hoje participa de inaugurações de obras e entrega de maquinários no interior conquistados por seu mandato ainda no governo de Michel Temer (MDB). Quem não se recorda da atuação dos ex-senadores Eduardo Amorim (PSC) e Valadares (PSB) pelo Hospital do Câncer e pelo Canal de Xingó, respectivamente? E o que os nossos deputados federais trouxeram, de volumoso, até agora? Apostando em renovação, o sergipano acreditou em muitos discursos no ano passado. Agora conta o tempo para superar tamanha decepção...

 

Veja essa!

O vazamento de áudios entre um suposto servidor da Prefeitura de Lagarto e um secretário da administração da prefeita Hilda Ribeiro (SD) pode virar “caso de polícia”. O assunto que está circulando nas redes sociais e vem sendo reproduzido pela imprensa insinua uma “negociação” para o então prefeito afastado Valmir Monteiro (PSC), que estava afastado do cargo pela Justiça, perder o mandato para a vice assumir a cadeira em definitivo.

 

E essa!

Nos áudios vazados vem a tona uma suposta “conspiração” onde o deputado federal Gustinho Ribeiro (SD) estaria trabalhando para afastar Valmir Monteiro e teria buscado o apoio do presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM). Em um dos áudios um dos envolvidos chega a citar a cifra de R$ 10 milhões. Nas conversas revela-se ainda que o mês de fevereiro é o prazo para tudo se concretizar.

 

Mera coincidência

Não custa lembrar ao leitor que foi no final de fevereiro de 2019 que o então prefeito Valmir Monteiro foi afastado da administração de Lagarto e se apresentou à Polícia, quando foi preso e passou a cumprir sua pena. Em um dos áudios, o secretário chega a dizer que “Gustinho está muito firme no que ele quer” e que “Rodrigo (Maia) liga para ele toda hora”.

 

Já em BSB!

A coluna tomou conhecimento que os áudios vazados em Sergipe já tiveram repercussão nos bastidores do Congresso Nacional. O deputado federal Rodrigo Maia já teria sido informado sobre os comentários em torno de seu nome no Estado. O assunto pode ganhar repercussão nacional...

 

Ibrain Monteiro

Em entrevistas às emissoras de rádio, o deputado estadual Ibrain Monteiro (PSC) revelou que os áudios vazados deixaram seus familiares estarrecidos. Para ele são cada vez mais fortes os rumores de que seu pai foi prejudicado e vítima de uma “conspiração” e confirmou que as conversas foram encaminhadas para seus advogados tomarem as providências. “Eu confio plenamente na Justiça de Sergipe”.

 

PT terá candidato

Segundo informação do PORTAL FAXAJU o Partido dos Trabalhadores realizou reunião de líderes no sábado (7) para discutir posse dos presidentes dos diretórios municipais e estadual, além de discutir as eleições municipais do próximo ano. Ficou definido que no dia 10 de janeiro haverá outra reunião para lançamento de candidatura própria a prefeito de Aracaju.

 

Márcio à disposição

Ainda segundo o Portal, o vice-presidente nacional do PT, Marcio Macedo, já colocou o seu nome à disposição e é, no momento, o único que o PT tem para apresentar como pré-candidato, para ser definido através de Congresso do partido, para oficialização. Márcio Macedo vem trabalhando a sua pré-candidatura já há algum tempo e tem conversado com lideranças partidárias de Aracaju e demonstra interesse em tentar o mandato.

 

Eliane em silêncio

Por fim, o FAXAJU diz que existem comentários sobre a candidatura da vice-governadora Eliane Aquino à prefeita da Capital, mas até o momento ela não se manifestou sobre a disposição de disputar a sucessão de Edvaldo Nogueira, mas ainda há tempo para que isso aconteça, mesmo depois do anunciou do nome de Márcio Macedo. Também em janeiro o Partido dos Trabalhadores vai reunir lideranças de todo o Estado, para definir candidaturas às Prefeituras do interior, em cidade onde a sigla não fará aliança.

 

Privatização da Sergás

O governo enviará para a Assembleia Legislativa projeto pedindo autorização para vender sua parte acionária na Sergas, empresa que tem o monopólio da prestação e exploração de gás em Sergipe. O anúncio foi feito pelo governador Belivaldo Chagas, ontem, durante o Fórum Sergipano de Petróleo e Gás, realizado no Teatro Tobias Barreto. O governador também anunciou que ocorrerá a interiorização do gás que será produzido em um navio terminal e transportado em cilindros para os municípios de Lagarto, Nossa Senhora da Glória e Itabaiana.

 

Georgeo Passos I

O deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) criticou a posição da Comissão Mista de Orçamento da Câmara Federal que votou e aprovou uma emenda que determinou o valor de R$ 3,8 bilhões para o Fundo Eleitoral do próximo ano. Inicialmente a previsão era de destinar R$ 2,5 bilhões para o fundo, mas o relator, deputado Domingos Neto (PSD) propôs esse aumento. Georgeo vê a alteração como um absurdo, ainda mais pelo momento de dificuldades financeiras que o Brasil vem enfrentando.

 

Georgeo Passos II

“Vão cortar recursos da saúde, da educação. É um absurdo! Pretendem retirar dinheiro de áreas que já sentem muitas dificuldades para se manter. E isso com o objetivo de injetar esses recursos para serem utilizados nas eleições municipais do próximo ano. Não podemos concordar com isso”, critica o deputado. Depois de ser aprovada na Comissão Mista do Orçamento, o texto será analisado e votado pelo Congresso nos próximos dias. Georgeo lembra que o próprio presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM), demostrou cautela com esse aumento. “Ele dá a entender que é contrário a essa medida”, analisa.

 

Destaque nacional I

Para o presidente da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), conselheiro Fábio Túlio Filgueiras Nogueira (TCE/PB), ao conduzir o TCE/SE, o conselheiro Ulices Andrade, foi “um parceiro de todas as horas da Atricon e, consequentemente, do Sistema Tribunais de Contas do Brasil".

 

Destaque nacional II

Fábio Túlio enviou mensagem de cumprimento a Ulices, que deixa a presidência da Corte neste final de ano, sendo sucedido, no biênio 2020/2021, pelo conselheiro Luiz Augusto Ribeiro. “Quero transmitir não só a nossa gratidão, mas, sobretudo, os nossos cumprimentos a Ulices Andrade pela exitosa gestão à frente do Tribunal de Contas de Sergipe”, afirmou o presidente da Atricon.

 

Fábio Túlio I

Segundo ele, na gestão Ulices Andrade, o TCE/SE esteve em sintonia com importantes ações nacionais desenvolvidas pelas Cortes de Contas. “Foi assim em relação à importante ferramenta que é o Marco de Medição de Desempenho dos Tribunais de Contas (MMD-TC), no seu ciclo 2019, que contou com o imprescindível apoio do Tribunal de Contas de  Sergipe”, colocou.

 

Fábio Túlio II

Outro destaque citado por Fábio Túlio foi “o levantamento de obras inacabadas, a partir de uma parceria estabelecida entre a Atricon, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e o Tribunal de Contas da União (TCU), quando mais uma vez o TCE/SE esteve presente, sob a gestão de Ulices Andrade”.

     

Dispensas de licitação I

A coluna recebeu a denúncia de suposto “festival de dispensas de licitação” na SEDUC! A informação é que enquanto em qualquer licitação por lá, aberta para todos os participantes que assim desejarem, os preços saem de 20% a 30% abaixo do valor máximo estipulado pelo órgão, as “dispensas de licitação” são contratadas pelo maior dos valores possíveis!

 

Dispensas de licitação II

Falando na SEDUC, sob a coordenação do “baixinho ligeiríssimo” (chefe da engenharia), passando pela conivência total do setor de licitações e com o aval irrestrito do diretor administrativo financeiro, tem sido uma constante esse procedimento na Seduc! Abra do olho, galeguinho!

 

Coisas da Seduc I

No início do ano acompanhamos uma publicação no Diário Oficial do Estado, onde uma empresa fundada com menos de 90 dias, foi contemplada com uma dispensa de, aproximadamente, RS 145 mil, ou seja, com o preço lá em cima e sem nenhum histórico de realização de serviços! Se o Ministério Público Estadual e o Tribunal de Contas fiscalizarem isso...

 

Coisas da Seduc II

Já por esses dias, outra dispensa de licitação, com o valor bem maior que a anterior citada na coluna, contratando uma empresa que faz parte de um grupo muito bem aceito pelo “baixinho ligeiro” e pelo setor de licitação da Seduc! Como perguntar não ofende, por que quando essa empresa disputa com outras, como estabelece a lei, ela pratica preços bem inferiores em relação aos apresentados quando é contratada via dispensa? Tem gente gastando além da conta, galeguinho...

 

Bomba!

A informação é que a Procuradoria do município de lagarto está na mira do Ministério Público! Até onde este colunista tomou conhecimento, alguns pareceres estão sendo emitidos e têm gerado muitas discussões entre políticos, juristas e empresários. O comentário é geral: só tem direito adquirido quem vai até Lagarto para conversar, olhando nos olhos dos secretários de finanças e/ou de planejamento. Já existem rumores que “Papai Noel” vem trazendo na mochila uma “megaoperação”...

 

Exclusiva!

Outra “quente” de Lagarto: um fornecedor da Prefeitura estaria em desespero após recente reunião com um auxiliar da administração. A informação é que o empresário, aflito para receber pelo serviço prestado, teve que “antecipar” em “90” minutos a conversa para não esperar por mais “300” dias. Sua fé foi tamanha que para receber os próximos pagamentos já se comprometeu em “pagar o dízimo”. Promessa é promessa cidadão!

 

Olha o IPTU!

Se você não está com seu IPTU em dia, tenha muito cuidado! O prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) está acionando a Justiça para tomar os imóveis do povo aracajuano. A coluna recebeu denuncias de pessoas que devem R$ 9 mi e outra que deve pouco mais de R$ 8 mil. A informação é que a senhora não tem condições de pagar o débito e o único bem que possui é este imóvel, que já estaria penhorado pela PMA. Profundamente lamentável...

 

Alô Itaporanga I

As perguntas que não querem calar em Itaporanga: por que tanta dificuldade em conseguir participar de licitações nesse município? Por que, na grande maioria das vezes, quase todas as empresas são desclassificadas? Por que o município sempre prefere contratar o maior preço?

 

Alô Itaporanga II

E por que os funcionários das empresas contratadas recebem determinações, orientações, acompanhamento, dentre outros benefícios, do secretário de obras e de funcionários de suas empresas particulares? Isso não caberia, exclusivamente, à empresa contratada? Será que o Ministério Público pode responder?

 

Feiras livres I

Está sendo intensificado um verdadeiro “mutirão” para o devido acompanhamento da realização do recém-contrato das feiras livres de Aracaju! Tudo vai começar pela aquisição dos equipamentos que deverá respeitar todas as especificações da licitação, passando pelo prazo para que esses equipamentos estejam disponibilizados para realização das feiras.

 

Feiras livres II

Não custa lembrar que todos os equipamentos deverão ser adquiridos, oficialmente, pela empresa que será contratada pela Prefeitura de Aracaju. É uma boa oportunidade para jovens administradores, e até os mais antigos, aprenderem como uma empresa, fundada em Maio de 2019, conseguiu ser aprovada na avaliação de capacidade para ser contemplada com um contrato extraordinário que se aproxima dos R$ 100 milhões. Resta saber se a empresa vai “cumprir” com todas as exigências contratuais. Isso é a Emsurb quem vai dizer...

 

Dores

Depois dos inúmeros e incessantes problemas ocorridos no hospital Cirurgia, a atual administração do município de Nossa Senhora das Dores, ainda insatisfeita com as “estripulias” da unidade de Saúde, parece que não se cansa! A coluna recebeu a informação da história envolvendo uma secretária e seu ex-subordinado. É coisa viu...

 

Rodrigo Valadares I

O deputado estadual Rodrigo Valadares (PTB) comentou as medidas de infraestrutura, recentemente anunciadas pelo prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), que vai retirar o canteiro central da Avenida Hermes Fontes (e centenas de árvores, consequentemente) para construir corredores do transporte coletivo com a justificativa de promover mais mobilidade urbana à cidade.

 

Rodrigo Valadares II

Antes de iniciar sua fala, Rodrigo Valadares fez uma saudação ao vereador de Aracaju, Cabo Amintas (PTB) e aos profissionais da Segurança Pública que se encontravam nas galerias da Alese em protesto contra o governo do Estado. Em seguida, o deputado fez um comparativo da “Aracaju sustentável” que ele projeta e da que vem sendo desenvolvida pelo prefeito da capital.

 

Rodrigo Valadares III

“Tenho consciência que é um tema polêmico. A Prefeitura de Aracaju quer retirar os canteiros e as árvores para construir corredores de ônibus. Mas a mobilidade urbana sustentável do século XXI, a que as cidades mais modernas do mundo estão utilizando, é diferente desse modelo ultrapassado da nossa capital. Tinha que buscar uma solução sobre trilhos, que é menos poluente e por um custo muito menor, como o VLT, o Trem ou o Metrô”, pontuou o deputado.

 

Fórmula antiga

Em seguida Rodrigo disse que em Aracaju os governantes insistem na fórmula do transporte tradicional que não resolve. Ele colocou que a PMA deveria associar os ônibus com mais ciclovias, visando uma maior mobilidade da cidade, com mais arborização. “Fica mais agradável o clima, fica mais bonito. Já temos pouquíssimas árvores na nossa cidade e ainda querem derrubar centenas para construir corredores?”, questionou.

 

Mobilidade Urbana

O deputado voltou a defender a Mobilidade Urbana Sustentável para Aracaju dizendo que a cidade é plana e sofre sem um problema eficaz de arborização. “A prefeitura usa muito pouco as outras modalidades de transporte que poderia ser uma solução. Bastava investir mais em ciclovias, por exemplo. Isso daria mais agilidade e não esses ‘elefantes brancos’! Gastaram com o BRT que não deu certo e agora com esses corredores sem responsabilidade ambiental!”.

 

Licitação do Transporte

Por fim, Rodrigo Valadares disse que até agora o prefeito de Aracaju não promoveu a licitação do transporte coletivo e que tem a passagem mais cara do Nordeste. “As pessoas não tem uma solução definitiva para o problema. Com mais árvores você consegue baixar em até 5 graus a temperatura ambiente. Mas insistem nas fórmulas antigas e em obras eleitoreiras que não funcionam, a menos que sejam para favorecer algum aliado de campanha. Queremos uma Aracaju moderna e sustentável”.

 

Capitão Samuel I

O deputado estadual Capitão Samuel (PSL) fez um apelo ao presidente da Alese, deputado estadual Luciano Bispo (MDB), no sentido que ele recebesse uma Comissão de Operadores da Segurança Pública que estavam promovendo uma manifestação contrária ao Governo do Estado, reivindicando reajuste salarial ou, pelo menos, a revisão das perdas inflacionária do período.

 

Capitão Samuel II

Samuel saudou os representantes das entidades presentes na Alese e, com conjunto com o deputado Rodrigo Valadares (PTB), fez um apelo no sentido que o presidente da Casa recebesse os servidores. “Esta é uma manifestação de uma pauta específica, que unifica todos os servidores no sentido que se tenha a reposição do índice inflacionário que já acumula mais de 40% de perdas”.

 

Intermediação

O deputado enfatizou que a Alese é uma “Casa Plural” e que todos têm vez e voz. “Esses trabalhadores vieram aqui pedir o nosso apoio para as suas reivindicações e nós apelamos que o presidente busca a intermediação do diálogo junto ao governo do Estado. Este é um movimento democrático, que conta com a participação de todos os sindicatos ligados à Segurança Pública. A união faz a força e que esta luta fortaleça ainda mais as categorias”.

 

Sindicatos

Estavam presentes o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), a Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese), a União da Categoria Associada do Estado de Sergipe (Única), Associação dos Oficiais Militares de Sergipe (Assomise), a Associação de Cabos e Soldados, a Associação Integrada das Mulheres da Segurança Pública, a Associação dos Praças do Estado, além de representantes dos papiloscopistas, dos agentes penitenciários, dos agentes socioeducativos e dos militares e bombeiros da reserva.

 

Luciano Bispo

Ao término da sessão, o deputado Luciano Bispo acatou o pleito dos parlamentares e recebeu os representantes dos Operadores da Segurança Pública assumindo o compromisso de fazer a interlocução junto ao Governo do Estado, da mesma forma que fez com os representantes do Magistério Estadual.

 

Festa beneficente

O Externato São Francisco de Assis vai realizar a partir das 16h, deste sábado (14), na sede da instituição, localizada na Avenida Edesio Vieira de Melo, 585, no Bairro Suíssa em Aracaju, mais uma edição da Quermesse Franciscana. A festa beneficente vai ser comandada por Anderson Dantas, Fábio Lima, Thiago Sol, banda Menina Mariah e a turma do professor Fabiano Oliveira com a turnê ‘O Enem, o Sonho e Você’. O ingresso está sendo vendido por R$ 20 na sede do externato. Outras informações através dos números (79) 3224-3509 ou 99158-6400.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

 

O que você está buscando?