O “Sergipe do Futuro” vai precisar de gestores visionários como João Alves Filho

Habacuque, 03 de Julho, 2020 - Atualizado em 03 de Julho, 2020

Estamos sofrendo com essa pandemia do novo coronavírus (COVID-19) e não há qualquer previsão de quando tudo isso vai passar. Muitas pessoas sendo infectadas, algumas conseguindo superar o vírus, outras “sucumbindo” e vindo à óbito, infelizmente. Mas não podemos ser “pessimistas” ao ponto de não refletirmos sobre o futuro, sobre o mundo no pós-pandemia. Uma hora, em alguns meses, a vacina será uma realidade e tudo isso vai passar. Será um momento de reconstrução de vidas, de famílias e da retomada de postos de trabalho.

Aqui em Sergipe, por exemplo, as dificuldades que já eram enormes antes da pandemia, com os reflexos das políticas de isolamento social, com a paralisação de várias atividades do setor produtivo, tendem a ficar ainda piores em alguns meses com o desemprego em excesso e o fechamento de diversas micro e pequenas empresas. O Estado, por exemplo, já não tinha recursos próprios para contrapartidas em obras públicas e agora, se não fossem as reposições e ajudas do governo federal, a folha de pagamento dos servidores, ativos e inativos, estaria comprometida.

Mas e o “Sergipe do Futuro”? Estamos sendo governados pelo mesmo grupo político desde 2007 e pelo Palácio de Despachos já passaram Marcelo Déda (in memoriam), Jackson Barreto e o “galeguinho” Belivaldo Chagas, este até os dias atuais. Houve avanço nesses quase 14 anos sim, mas há de se reconhecer que em alguns setores nosso Estado retrocedeu consideravelmente. Somos carentes de muitas coisas, em especial, de grandes obras públicas. Algumas, que ainda temos, se “arrastam” por anos. Vejam o CIC e a rodovia que liga Itabaiana a Itaporanga, por exemplo!

E quando essa pandemia acabar, no período de reconstrução que vamos viver, será preciso ter a consciência que vamos demorar mais do que dois, quatro ou até oito anos para Sergipe voltar a viver seus “tempos áureos”, de grandes obras e investimentos. E para atravessarmos este momento “futuro” vamos precisar de gestores com visão futurista, verdadeiros estadistas, homens públicos como o ex-governador João Alves Filho (DEM). Enquanto teve saúde, o “Negão” fez muito pelo povo sergipano, deu vasta contribuição para a capital e o Estado como um todo!

Em todos os cantos de Sergipe, após décadas de vida pública, há uma marca, uma obra, uma ação do ex-governador. Não é justo lembrar-se dele apenas por sua última passagem pela Prefeitura de Aracaju, quando já não vinha bem de saúde e enfrentou vários problemas. Eis um líder determinado, destemido, perseguido, que jamais será esquecido! O “João da Água, o João do Povo, o João Chapéu de Couro”, da adutora, das rodovias, das escolas, postos de saúde, das pontes, da erradicação das casas de taipa, da Orla, do desfavelamento, do Hospital (HUSE) e da Maternidade (Nossa Senhora de Lourdes) que, diga-se passagem, são “essenciais” até hoje...

Nesta sexta-feira (3), o “Negão de Coragem” completa 79 anos sem poder dar sua tradicional “gargalhada”, infelizmente! Está lutando pela vida, ao lado de sua Maria (do Carmo). Os críticos vão dizer que ele não fez com recursos próprios, que ele errou muito também, e isso ou aquilo. Que digam! Mas não se escreve a história de Sergipe sem seu nome, sem sua participação, sem seu legado! Tem o respeito e a gratidão dos sergipanos! Que a nova geração de políticos se espelhe em sua forma visionária de ver o mundo, de pensar a coisa pública. Sem “picuinhas” ou “mesquinhez”! Viva João! Pelo seu aniversário, e mais ainda pela sua história...

 

Gratidão

Este colunista jamais esconderá o reconhecimento e a gratidão que nutre pela família do ex-governador, pela confiança no trabalho, exercendo ou não cargos públicos. A passagem pelas empresas do grupo impulsionaram a carreira do titular desta coluna e os ensinamentos de João Alves Filho são únicos. Pode faltar muita coisa neste espaço, mas vai sobrar sempre o agradecimento...

 

Aniversário

Nesta sexta-feira (3) João Alves Filho celebra 79 anos. O ex-governador encontra-se em casa, no apartamento em Brasília (DF), atravessando um momento difícil de saúde, ao lado da esposa e senadora Maria do Carmo (DEM). Fica o registro de parabéns e o desejo de força e recuperação.

 

Veja essa!

Este colunista procurou alguém muito especial para a trajetória de João Alves Filho e que foi muito injustiçada por alguns setores da sociedade sergipana: sua irmã Marlene Calumby. “Em minhas orações, sempre peço a Deus por este homem visionário e realizador, que sempre pensou à frente. Um homem culto, amante dos livros, da literatura, das artes”.

 

E essa!

Marlene Calumby ressaltou ainda o orgulho que nutre em ser irmã de João Alves Filho. “Um homem simples e ao mesmo tempo tão importante para o nosso Estado. Coração grande, sorriso largo, que veio de uma família de classe média, com pais que se empenharam pelos seus estudos. Um irmão mais velho, um irmão exemplar, muito responsável e que nunca nos faltou. Tenho sim muito orgulho dele”.

 

José Carlos Machado

Outra figura pública procurada por este colunista, tão importante para Sergipe quanto João Alves Filho, é o ex-deputado federal José Carlos Machado (DEM). “Sem exagero, além de um grande amigo, João é um dos grandes homens públicos deste País. Um estadista, visionário, corajoso e determinado! Deu uma contribuição histórica para seu povo, transformou a realidade desse Estado. É digno do nosso respeito, carinho, reconhecimento e gratidão”.

 

Luciano Bispo

O presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado estadual Luciano Bispo (MDB), durante a sessão virtual dessa quinta-feira (2), fez uma homenagem ao ex-governador, aprovando o voto de congratulações pela passagem do seu aniversário. “São 79 anos de um grande sergipano. Um homem que fez muito por Sergipe”, destacou Luciano, parabenizando João Alves Filho.

 

“Capela veia doida”

O ex-prefeito de Capela, Ezequiel Leite (PSD), vê com extrema preocupação as recentes denúncias que vieram a tona em grupos de redes sociais do município a respeito de que a prefeitura municipal estaria formalizando contratos com empresas supostamente “fantasmas” ou que não exercem os serviços para a finalidade que são contratadas. Ele pede que os órgãos fiscalizadores se atentem para o município.

 

Ezequiel Leite I

Ezequiel também estranhou o fato de pessoas de regiões distantes de Capela estarem na folha de pagamento da prefeitura na gestão atual. “Tomei conhecimento de algumas denúncias e confesso que fiquei muito preocupado. Fala-se em uma empresa que tem contratos com a prefeitura de Capela e Ilha das Flores, mas que ninguém tem conhecimento do que ela realmente faz no nosso município”.

 

Ezequiel Leite II

Para o ex-prefeito pelo “histórico” que já aconteceu em um passado recente no município é importante que o Ministério Público, o Tribunal de Contas e a própria DEOTAP estejam atentos aos contratos de Capela. “Quando fui prefeito, recebi uma prefeitura recheada de problemas. Botaram a quadrilha inteira na cadeia! Mas algumas pessoas não aprendem nunca! Parece que gostam do presídio”.

 

“Porta de cadeia”

Segundo Ezequiel o povo de Capela está cansado de gestores “porta de cadeia”. “As denúncias que estão nos grupos de redes sociais são graves! Não podem ficar impunes! Há a suspeita de empresas e até funcionários fantasmas. Tem servidor da Prefeitura de Capela, que ninguém nunca viu na cidade e que mora em Poço Redondo! Essa turma tem muita coragem de afrontar a Justiça!”.

 

Alô Capela!

“São gestores ‘porta de cadeia’! Talvez seja apostando na impunidade! Eu espero que isso não fique impune, que as provas sejam apresentadas e que tudo seja fiscalizado pelas autoridades competentes. O erário de Capela já sofreu demais! É uma sangria sem fim! Parece um pesadelo para a população! Parece uma ‘maldição’ com tanta corrupção!”, completou o ex-prefeito.

 

Veto ao fake

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) se manifestou nessa quinta-feira (2) a respeito do projeto do senador Alessandro Vieira (Cidadania) das “fake news”, aprovado por maioria no Senado e que segue para tramitação na Câmara Federal. Segundo o presidente, “da forma como foi aprovado, se chegar sem mudanças pelos deputados, tende a ser vetado”.

 

Liberdade de expressão

Jair Bolsonaro externou que este projeto das fake News possivelmente passará por uma consulta popular e ele já antecipa que não acredita que o mesmo seja aprovado pela Câmara dos Deputados. “Representa censura e ataque à liberdade de expressão”.

 

Bicentenário

A Alese promove, por iniciativa do deputado estadual Luciano Bispo, e em mais uma sessão virtual, uma exposição do professor doutor em História e Filosofia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Jorge Carvalho do Nascimento. Ele abordará o Bicentenário da Emancipação Política de Sergipe, dentro das comemorações dos 200 Anos da Decretação da Independência de Sergipe, da Bahia, por D. João VI, em 08 de Julho de 1820. 

 

Defensoria I

Através de uma Ação Civil Pública movida pela Defensoria Pública do Estado de Sergipe por meio do Núcleo do Consumidor, os usuários de planos de saúde inadimplentes no período de pandemia ou fora de carência terão assistência ao tratamento médico e exames de Covid-19. A decisão liminar foi concedida pelo juiz da 6ª Vara Cível da Comarca de Aracaju.

 

Defensoria II

Na decisão, o magistrado deferiu os pedidos da Defensoria Pública, determinando que os planos de saúde Unimed, Plamed e Hapvida garantam aos usuários, nos casos de suspeita e confirmação do contágio do Covid-19, sob pena de multa diária de R$ 10 mil, a liberação dos exames diagnósticos e tratamentos médicos prescritos, pelo tempo necessário e independentemente do prazo de carência;

 

Defensoria III

Como também a realização dos exames laboratoriais de diagnóstico em no máximo três dias úteis; proibição da interrupção da prestação dos serviços em caso de inadimplência durante a pandemia e a utilização de meios alternativos de cobrança dos débitos; criação de um canal de atendimento prioritário junto à Defensoria Pública para resolver, de forma extrajudicial, os casos individuais, entre outros.

 

Augusta Bezerra

 “Foi uma grande vitória para os consumidores. A Defensoria fica muito feliz de poder atuar para que os usuários tenham seus direitos garantidos no momento em que mais precisam, em que seu bem maior, a vida, está colocada em risco”, disse a defensora pública e integrante do Núcleo do Consumidor, Augusta Bezerra.

 

Carlos Pinna I

Para o conselheiro Carlos Pinna, do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), o recebimento indevido do auxílio emergencial do Governo Federal por servidores públicos foi “um dos atos mais lamentáveis” de todas as irregularidades que se tem descoberto nesse período de pandemia da Covid-19. Pinna deu ênfase ao assunto durante a sessão plenária do TCE ocorrida nesta quinta-feira, 2. Apenas em Sergipe, uma ação conjunta do Tribunal com a Controladoria Geral da União (CGU) identificou o suposto pagamento indevido a 8.999 agentes públicos. 

 

Carlos Pinna II

“O que me surpreende é que servidores públicos tiveram o desplante de requerer esse benefício, de se habilitar para receber quando evidentemente não era destinado a quem tenha uma receita, seja servidor ativo ou inativo”, acrescentou. O conselheiro também ressaltou presteza da atual gestão do TCE/SE, que remeteu de forma célere as informações necessárias para que a Controlaria efetuasse o cruzamento de dados.

 

Luiz Augusto Ribeiro

Ao comentar o tema, o conselheiro-presidente, Luiz Augusto Ribeiro, observou que o Tribunal, inclusive, já enviou para todos os gestores públicos sergipanos as listas individualizadas nas quais constam os respectivos servidores que receberam o auxílio.

“Nessa mesma comunicação já solicitamos que seja informado a esses servidores que existe um canal disponibilizado pelo Ministério da Cidadania para a devolução desses valores”, acrescentou o presidente do TCE.

 

Eduardo Amorim I

Entrevistado pelo Hora News TV, o presidente do PSDB Sergipe, o médico Eduardo Amorim, disse que o partido conta hoje com diretórios preparados em diversos municípios sergipanos. “Mas não estaremos em todos os municípios. Primamos pela qualidade e não pela quantidade. Em Aracaju, teremos sim uma chapa para a disputa do parlamento Municipal, com nomes de diversos segmentos. Pessoas capazes de representar os aracajuanos na Câmara de Vereadores.”, enfatizou.

 

Eduardo Amorim II

Ainda sobre as eleições na capital, Eduardo deixou claro que as tratativas continuam. “Estamos conversando com diversos pré-candidatos que entendem a importância do PSDB e da nossa história. Ainda não fechamos com nenhum deles. Verdade que temos dialogado mais com Danielle Garcia, desde o ano passado. Não tive ainda nenhuma conversa com o senador Alessandro e nem com Dr. Emerson. Meu diálogo tem sido com Danielle e Milton Andrade”, afirmou. 

   

Alô Poço Verde!

Não chamem para a mesma mesa o prefeito Iggor Oliveira (PSD) e o magistério da cidade. Os professores cobram o pagamento do piso salarial, reajustado anualmente, Fizeram até uma manifestação em frente à prefeitura. Mas o prefeito assegura que, depois da pandemia, com o retorno das aulas presenciais, ele deve pagar o piso dos trabalhadores. Imagine se não fosse lei...

 

Alô Socorro!

Com a aprovação do Congresso Federal para o adiamento da eleição municipal, que agora será no dia 15 e 29 de novembro, em 1º e 2º turno, respectivamente, o cenário político de Nossa Senhora do Socorro mudou ao ser acrescido na disputa a pré-candidatura do ex-prefeito por três mandatos, Zé Franco (DEM). O político se manifestou e mostrou entusiasmo com seu nome sendo ventilado nas ruas com o slogan ‘Volta Zé’.

 

Zé Franco

Por três mandatos, Zé Franco administrou o município promovendo uma revolução na cidade que foi transformada em um verdadeiro canteiro de obras, impulsionando assim o desenvolvimento. Durante os 12 anos à frente da Prefeitura, Zé construiu o Centro de Abastecimento, Centro Administrativo, Terminal de Integração, Restaurante Popular Frei Miguel, doou o terreno para a construção do Shopping Prêmio, implantou o Centro de Especialidade Odontológicas (CEO), o Serviço de Atendimento de Urgência (SAL), além de construir escolas, postos de saúdes e valorizar os servidores.

 

Agora não!

Sobre a eleição, o gestor desconversa e pede cautela a população durante este período de pandemia. “A minha preocupação é com a pandemia, é salvar vidas. O mundo está passando por um momento dificílimo e sempre quero o melhor para os que AMO, a vida está em primeiro lugar. Peço que todos que cumpram o protocolo de saúde e também me solidarizo com as famílias enlutadas, que só elas sabem o sofrimento que estão passando”, disse.

 

Homenagem

Zé Franco encerrou parabenizando todos que compõem o sistema de saúde de Sergipe, do Brasil e do mundo. “Estes sim são um verdadeiro exército da salvação e já já teremos a vacina que salvará o mundo dessa loucura de pandemia. Deus onipotente nos dará uma vacina feita pelos homens e mulheres do bem”.

 

Gincana Virtual I

Estão abertas as inscrições para a “Gincana Virtual Sergipe 200”, realizada pela Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), por meio da Diretoria de Educação de Aracaju (DEA). A competição faz parte da programação do Bicentenário de Sergipe, quando, em 8 de Julho, o Estado alcança a marca de 200 anos de Emancipação Política. 

 

Gincana Virtual II

Embora a programação tenha sido preparada para ser realizada presencialmente, ela vai ocorrer totalmente online, adaptando-se aos protocolos e recomendações sanitárias. O objetivo da Gincana Sergipe 200 é estimular os estudos, promover trabalhos coletivos, envolver virtualmente a comunidade escolar e valorizar as coisas da nossa terra. As inscrições vão de 1º a 7 de julho através do link bit.ly/GincanaVirtualSE200 e podem participar até duas equipes com 10 estudantes em cada unidade de ensino. 

 

Da Rede Estadual

A equipe deve ter um nome e um professor padrinho para ajudar na coordenação das atividades que ocorrerão até outubro deste ano. Podem se inscrever crianças e adolescentes matriculados nas unidades escolares da Rede Estadual de Ensino, nos anos iniciais e finais do Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos e Ensino Técnico Profissionalizante.

 

Eleições 2020

O Congresso promulgou a Emenda Constitucional 107/2020, adiando as eleições para novembro. Com isso, os interessados em se candidatar nas eleições de 2020 precisam estar ainda mais atentos ao novo contexto eleitoral que se desenha diante da pandemia. Mas, como obter efetividade nas eleições? 

 

Academia de Líderes

Pensando nisso, a Long Life Learners e o Cenário Inteligência idealizaram o evento Academia de Líderes que acontecerá no próximo dia 9, a partir das 19h, via aplicativo Zoom. A ideia é que candidatos às eleições e profissionais da Comunicação que atuam com marketing político e digital participem para aprofundar seus conhecimentos sobre o contexto das eleições em busca da efetividade dos resultados.

 

Adriano Oliveira I

O cientista político, doutor em Ciência Política e professor universitário, professor Adriano Oliveira, falará sobre a importância das pesquisas qualitativas eleitorais. Fugir do ‘mais do mesmo’ das pesquisas de intenção de voto é uma saída estratégica para o sucesso da candidatura.

 

Adriano Oliveira II

“Nesse evento, vamos falar sobre como fazer uma campanha eleitoral bem feita, qual a importância da narrativa eleitoral, qual essência do marketing político, o que significa risco eleitoral, como construir cenários e, claro, é preciso falar sobre estratégia. Afinal, todos buscam vencer as eleições. Mas como construir uma estratégia vencedora é o grande centro da nossa abordagem”, explica Adriano Oliveira.

 

Público

Os candidatos a vereador e profissionais da Comunicação (jornalistas, publicitários, designers e especialistas em marketing) irão entender o novo contexto diante da pandemia com o PhD em Economia e analista político, Maurício Costa Romão, que vai falar sobre as eleições proporcionais.

 

Maurício Costa Romão

“Vou tratar das eleições para vereadores. Recentemente, houve grandes modificações de leis que tratam do assunto, dentre elas, o fim das coligações proporcionais e a abertura para que todos partidos possam disputar sobras de voto mesmo que não tenham atingido a cota eleitoral. Vou apresentar os tópicos de forma didática, com dados das eleições recentes, ou seja, exemplos reais para a compreensão ser a melhor possível”, informa Romão.

 

Das inscrições

Academia de Líderes acontecerá no próximo dia 09, a partir das 19h, de forma virtual, realizado pela Long Life Learners e Cenário Inteligência. As inscrições são limitadas e podem ser feitas pelo Whatsapp: (79) 99611-5629 ou pelo e-mail: academiadelideres@idlearning.com.br.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

O que você está buscando?