Análise do filme: Jojo Rabbit ( Por Gabriel Gomes)

Gabriel Gomes, 09 de Fevereiro, 2020

Quem lê a sinopse desse filme, acha que vai assistir algo ao estilo de filmes que retrata Anne Frank, a judia que se escondeu em um sótão de uma casa na Holanda durante a II guerra mas que depois foi pega e levada a um campo de concentração. Nada disso...

Ao contrário disso, o diretor Taika Waititi consegue transmitir parte do que foi o nazismo, suas propagandas mentirosas, os exageros dos líderes, as diferenças de como viviam a população em geral com os cabeças do regime, de forma extremamente sarcástica, uma crítica muito bem bolada.

Está concorrendo como melhor filme, roteiro adaptado e atriz coadjuvante com Scarlett Johansson, que disputa atriz pricipal em "História de Um Casamento". Apesar do garoto Roman Griffin Davis está muito bem como o pequeno nazista, surpreendeu-me o amigo dele na trama interpretada pelo Archie Yates, muito engraçado. Excelente filme, mas não deve ser o vencedor da principal categoria.

JOJO RABBIT / 2019

O que você está buscando?