Feira livre de Itabaiana é patrimônio cultural imaterial de Sergipe

Conhecida nacionalmente pela sua pluralidade e pujança, a feira livre de Itabaiana

Redação, 12 de Agosto, 2019

Conhecida nacionalmente pela sua pluralidade e pujança, a feira livre de Itabaiana é patrimônio cultural imaterial de Sergipe. O título está assegurado através do Projeto de Lei 124/2019, de autoria da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB), já aprovado pela Assembleia Legislativa de Sergipe e que, agora, aguarda sanção governamental.

“A feira livre é um fenômeno sociocultural que vai além do caráter comercial”, disse Maria, ressaltando que, no seu município, um local de passagem, semanalmente se transforma em um ambiente convidativo que atrai pessoas de vários lugares pela sua diversidade.

Considerada a maior ao ar livre do gênero em Sergipe, Maria observou que apesar das mudanças culturais e comportamentais do mundo capitalista, a feira de Itabaiana continua sendo um cenário repleto de tradição e histórias curiosas dos seus habitantes, cujas narrativas expressam uma memória coletiva e a grandiosidade do seu povo e do lugar.

“Além de aquecer a economia da cidade há mais de um século, a nossa feira se transforma num ambiente de fortalecimento das relações interpessoais, onde importantes negócios são realizados, contribuindo para o fortalecimento da economia do Estado”, afirmou a deputada, acrescentando que, sem dúvida, a feira de Itabaiana é um importante vetor de desenvolvimento econômico e de inclusão social.

Por: Ascom Maria Mendonça 

O que você está buscando?