Atividades da II Semana Salvando Salvadores chegam ao fim

Marcos Nunes, 26 de Otubro, 2019

Foram realizadas palestras acerca dos cuidados principalmente relacionados à saúde mental, tanto dos bombeiros quanto dos demais profissionais da área de segurança pública


Ergonomia nas atividades do bombeiro militar e educação financeira familiar foram os temas debatidos nesta sexta-feira (25), último dia de programação da II Semana Salvando Salvadores. O evento, realizado durante quatro dias pelo Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE), reuniu profissionais de diversas unidades da corporação para discutir e propor soluções voltadas à promoção da saúde da tropa. 

Durante toda a semana, foram realizadas palestras acerca dos cuidados principalmente relacionados à saúde mental, tanto dos bombeiros quanto dos demais profissionais da área de segurança pública. Para enriquecer os debates deste dia de encerramento, a sargento BM Roberta Amora explanou sobre as lombalgias e patologias da coluna na realidade do bombeiro. “Os temas abordados estão dispostos para que todos entendam o bombeiro na sua multiprofissão enquanto ser social, cultural, físico e mental. Abordamos também sobre posturas ideais e inadequadas, situações que podem deter de riscos menores ou maiores. Costumo dizer que nós bombeiros, somos verdadeiros atletas, que precisam ficar preparados para qualquer tipo de situação, e com isso, temos que nos preocupar com o nosso físico,” ressaltou a 2º Sgt Amora.

Para finalizar o ciclo de palestras, a educadora financeira e consultora de negócios, Ariane Cedraz, comenta sobre a importância da educação financeira para produtividade do ser humano como um todo. “O fato de levar a vida financeira muito restrita, causa mais estresse na vida profissional e social, isso traz mais peso na tomada de decisões no ambiente institucional. Quando se trabalha com a educação financeira, entende informações práticas para se controlar, para planejar melhor, realizar sonhos e a investir, aliviando um pouco a tensão que as finanças são na vida das pessoas,” frisa Ariane.

O encerramento das atividades contou com sorteios de kits, capacetes e uma bota. O comandante geral do CBMSE, coronel Gilfran Mateus, comenta que a semana correspondeu às expectativas da corporação e garante que o evento só tende a melhorar a cada ano. “Enquanto comando da instituição, estamos muito satisfeitos com a II Semana Salvando Salvadores, pois as metas que foram estabelecidas foram atingidas.

Nós conseguimos  passar tudo aquilo que foi planejado, e a partir de agora aguardar o relatório feito pela comissão com sugestões tanto da visão dos organizadores como de quem participou, para que a gente possa desenvolver ainda mais a corporação no sentido de estar com o olhar diferenciado para nosso público interno, nossos militares e nossos colaboradores civis, para assim ter um local de trabalho melhor e mais leve rendendo mais para todos,” finaliza o comandante.

Fonte: CBM/SE

O que você está buscando?