Governador convoca 65 aprovados no concurso público para guarda de segurança do Sistema Prisional

Com a nomeação, o Estado preenche, de forma definitiva, o número de vagas do quadro existente de servidores prisionais.

Aparecido Santana, 19 de Março, 2020 - Atualizado em 19 de Março, 2020

O governador Belivaldo Chagas assinou nesta quarta-feira(18), no Palácio dos Despachos, decreto de nomeação de 65 candidatos, aprovados no concurso público de 2017, para o cargo de guarda de segurança do Sistema Prisional.  O ato de assinatura foi acompanhado pelo deputado federal Laércio Oliveira; secretário Geral do Estado, José Carlos Felizola; secretário de Estado da Justiça, do Trabalho e Defesa do Consumidor (Sejuc), Cristiano Barreto. O decreto entra em vigor, a partir de sua publicação no Diário Oficial do Estado.

“Com a nomeação, o Estado preenche, de forma definitiva, o número de vagas do quadro existente de servidores prisionais”, declarou o governador Belivaldo Chagas.

Segundo o secretário da Sejuc, Cristiano Barreto, no concurso público realizado no ano de 2017, para 100 vagas, foram convocados, inicialmente, 50 candidatos. Desses 50, parte não se apresentou para trabalhar e surgiram outras vagas por aposentadorias e afastamento de servidores, demissões. “Nós possuímos agora um número remanescente que é quadro de reserva, que poderá ser utilizado com a desistência ou afastamento de novos servidores e aposentadorias. Com isso, deixamos claro que o quadro da carreira dos guardas prisionais acaba de ser totalmente preenchido”, ressaltou.

Ainda de acordo com o secretário, os nomeados serão convocados pela Secretaria de Estado da Administração, para apresentação dos documentos, em seguida, irão passar pela pericia médica, para poderem ser apresentar para a formação, que será realizada, o mais rápido possível, a fim de estar disponíveis para o exercício da atividade, o quanto antes. 

O que você está buscando?