CBF concede auxílio financeiro para alguns clubes sergipanos

Redação, 08 de Abril, 2020

As equipes do Freipaulistano e Itabaiana devem receber ainda nesta semana um auxílio financeiro via Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Os dois clubes são os representantes da Federação Sergipana de Futebol (FSF), no Campeonato Brasileiro da Série D, a CBF padronizou um apoio financeiro de 120 mil reais para cada equipe.

Além disso, a entidade confirmou um apoio ao time do Grêmio Santos Dumont que é o representante da FSF, no Campeonato Brasileiro da Série A2. O auxílio será de 50 mil reais. A FSF ressalta que a quantia financeira será debitada diretamente na conta de cada equipe.

Outra medida utilizada pela CBF para minimizar os problemas neste período foi a antecipação da segunda parcela da cota de transmissão do Campeonato Brasileiro da Série B. A equipe do Confiança vai participar da competição e já teve acesso a cota inicial.

A FSF informa ainda que antecipou junto a CBF a quantia de 120 mil reais. Esse valor foi utilizado na compra de passagens aéreas para atletas das equipes que disputam o quadrangular do estadual, na intenção que os atletas voltassem para seus lares neste momento de pandemia. A entidade pagou todas as taxas de arbitragem do Campeonato Sergipano da Série A1, encargos sociais, salários e férias dos seus colaboradores. Nesse período, sem expediente na sede da FSF, foi necessário conceder férias para os funcionários da entidade. A FSF ressalta que apenas antecipou algumas cotas para evitar que seus colaboradores tenham qualquer tipo de dificuldade financeira neste momento difícil que vive a humanidade.

O presidente da FSF, Milton Dantas, reforça que segue conversando diariamente com os gestores da CBF para obter um auxílio financeiro para o Club Sportivo Sergipe. A equipe disputa o Campeonato Sergipano da Série A1 e não foi incluindo nesse primeiro apoio financeiro da CBF.

Auxílio CBF

A CBF comunicou na tarde da última segunda-feira novas medidas de apoio financeiro aos clubes. A entidade destinará pouco mais de R$ 19 milhões para ajudar equipes que disputam as Séries C e D com valores equivalentes à média de duas folhas salariais dos atletas de cada competição. O mesmo apoio será dado às participantes das Séries A1 e A2 do Campeonato Brasileiro Feminino.

Para os 68 clubes da Série D, o auxílio individual será de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais), num total de R$ 8.160.000,00 (oito milhões, cento e sessenta mil reais).

Para os 20 clubes da Série C, o auxílio individual será de R$ 200.000,00 (duzentos mil reais), num total de R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais).

Para os 16 clubes da Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio individual será de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais), somando R$ 1.920.000,00 (um milhão, novecentos e vinte mil reais).

Para os 36 clubes da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio por clube será de 50.000,00 (cinquenta mil reais), com o desembolso total, pela CBF, de R$ 1.800.000,00 (um milhão e oitocentos mil reais).

Fonte: FSF

O que você está buscando?