Morre, aos 73 anos, a cantora Marluce, da dupla com Zé Rosendo

Marluce é natural de Monteiro na Paraíba e veio para Sergipe em 1991.

Aparecido Santana, 29 de Maio, 2020 - Atualizado em 30 de Maio, 2020

Morre, aos 73 anos, a cantora Marluce Bezerra da Silva. Ela faleceu em casa enquanto dormia no início da noite desta sexta-feira, 29, em Areia Branca, no agreste do estado. 

Conhecida como a "Rainha do Forró", Marluce junto com o seu esposo e também forrozeiro, Zé Rosendo, por muitos anos levaram o nome do forró e de Areia Branca para todo o país.Uma das músicas de maior sucesso da carreira da dupla foi "quero ver meu bem". 

O prefeito de Areia Branca, Alan de Agripino, se solidariza com a morte e decreta luto oficial de 03 dias. O enterro será na tarde deste sábado (30) no Cemitério São João Batsita em Areia Branca.

Marluce é natural de Arco Verde, Pernambuco, e veio para Sergipe em 1991 onde passou a residir em Areia Branca onde conquistou o título de cidadã areiabranquense. Ela deixa um legado na música nordestina. 

Da redação, com informações da ascom Areia Branca.

O que você está buscando?