Aparecida: suspeito de matar homem com chave de fenda alega legítima defesa em depoimento

O homem suspeito de ser o autor do homicídio que vitimou Lázaro Diego Ferreira, de 35 anos, em Nossa Senhora Aparecida, compareceu à delegacia do município na última quarta-feira, 26, e prestou depoimento. Segundo informações policiais, o suspeito alegou ter agido em legítima defesa.

Lázaro morreu após ser atacado com uma chave de fenda durante uma confusão na área central de Aparecida. A vítima sofreu três perfurações e faleceu no local. Após o crime, as polícias civil e militar iniciaram diligências para investigar o ocorrido.

Durante o depoimento, o suspeito entregou à Polícia Civil a chave de fenda utilizada no crime e reafirmou que agiu em legítima defesa.

“Como o homem estava fora do flagrante, ele foi ouvido e liberado, conforme prevê a lei. Um inquérito policial foi instaurado para apurar completamente o caso”, detalhou a SSP/SE.

O caso está sendo conduzido pelo delegado Gregório Bezerra. Lázaro havia saído recentemente do sistema prisional.

Redes Sociais

Relacionadas

Categorias