Problemas enfrentados por João Alves Filho * não foram resolvidos por Edvaldo Nogueira

Habacuque, 15 de Maio, 2024

(*) In Memoriam

 

Ainda sobre a polêmica em torno das falas do prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), e do que fora publicado por setores da imprensa sobre a última gestão do ex-governador João Alves Filho (in memoriam) na Prefeitura de Aracaju, este colunista registra que se o atual gestor da capital exalta seu trabalho em alguns aspectos, é importante dizer que quando ele (Edvaldo) insiste em tentar comparar as gestões, não é exagero afirmar que muitos dos problemas crônicos enfrentados por João Alves até hoje não foram solucionados por Edvaldo!

Um deles, por exemplo, a questão do transporte coletivo, se passaram longos oito anos da gestão de Edvaldo Nogueira e o sistema continua desfasado, deficitário e sem servir bem aos contribuintes, à sociedade que paga com muito suor a excessiva carga tributária. Talvez o setor de transporte coletivo esteja enfrentando sua pior crise e (PASMEM) não está sendo na gestão tão criticada de João Alves Filho, mas na atual de Edvaldo Nogueira que, na campanha eleitoral de 2016, prometeu que faria a licitação do setor que, até agora, não saiu do papel.

Tem sido comum ver críticas de aliados de Edvaldo sobre a gestão do ex-prefeito com relação à Saúde Municipal. O engraçado é que, após oito anos, os problemas na Pasta se acumulam, com muita insatisfação por parte dos servidores após uma dura experiência sob a gestão de Waneska Barboza; a demora para a realização de exames, consultas e procedimentos cirúrgicos é de uma gravidade. Chega a ser desumano um cidadão correr o risco de vim à óbito sem ser atendido pelo poder público. Para se ter uma dimensão das carências, o município ficou mais de um ano sem fonoaudiólogo para crianças!

Na gestão de João Alves Filho, por exemplo, foram realizadas dezenas de audiências públicas para discutir a revisão do plano diretor, em diversos bairros da nossa capital; por pressões de alguns setores empresariais, Aracaju tem um Plano Diretor defasado desde 2010 e segue crescendo de maneira desordenada e irregular, como no caso da zona de expansão por exemplo. Quando assumiu a PMA em 2017, Edvaldo Nogueira e sua equipe desconsideraram todo o trabalho técnico feito pela gestão anterior e todo material colhido nas audiências públicas se perdeu por politicagem.

O grande “modelo de gestão” de Edvaldo, que sonha com Luís Roberto (PDT) na PMA para dar continuidade, não demonstra preocupação alguma com o patrimônio histórico da capital; primeiro que a guarda municipal, que foi muito bem valorizada por João Alves, hoje parece esquecida; a antiga sede do Executivo, o Palácio Olímpio Campos, continua abandonado, tão quanto a região central da cidade, sem atrativos, com comércios fechando as portas e postos de trabalho prejudicados, aumentando a violência, a prostituição e o consumo de drogas.

Aracaju não tem uma política social eficiente, a cidade é carente de creches, a cada dia fica mais difícil dirigir no trânsito sem mobilidade e, diga-se de passagem: nos dias de chuva é preciso muita oração para que as zonas de alagamentos sejam contidas. Não custa lembrar que, diferente de João Alves, Edvaldo e sua equipe “competente” retiraram as árvores centenárias de toda a extensão das Avenidas Hermes Fontes e Adélia Franco, além de parte da Heráclito Rollemberg. Antes de fazer “comparações covardes”, que tal começar a “olhar para o próprio umbigo”?

 

Veja essa!

Falas do prefeito Edvaldo Nogueira na entrevista que concedeu ao JORNAL DA CIDADE comparando suas gestões com a do ex-governador João Alves Filho (in memoriam) pegaram muito mal e a repercussão nas redes sociais e nos programas de rádio foi bastante negativa. Não bastasse isso, ainda alguns setores da imprensa “se somaram” nas críticas “ácidas”, devidamente replicadas pelo pré-candidato a prefeito, Luís Roberto.

 

E essa!

Irmã do ex-governador, a professora Marlene Alves Calumby não se intimidou com as “comparações” e saiu em defesa expressa de João Alves Filho. “Ah Sr. Edvaldo Nogueira! Cuidado com os revezes da vida! Aprendizagem é eterna, procure ler e estudar com a obra do Visionário, Político, Imortal, Empreendedor, Literato João Alves Filho. A inveja não nos eleva, só empobrece”.

 

Fala Marlene!

“Lembre-se da forma cortês e educada com que lhe recebi como Coordenadora da Equipe de Transição após sua vitória para Prefeito de Aracaju, orientada pelo meu Chefe Maior. Respeito é mister pela memória do grande sergipano João Alves Filho”, pontuou Marlene Alves Calumby, que além de movimentar sua posição nas redes sociais, também foi entrevistada por Luís Carlos Focca nessa terça-feira (14).

 

João é Patrimônio!

Gostando ou não dele, tendo sido eleitor e aliado ou adversário, o povo sergipano, através dos seus formadores de opinião, tem, por obrigação, o respeito e o reconhecimento do homem público João Alves Filho, que fez muito pelo nosso Estado. João é um patrimônio da nossa gente e conduziu uma trajetória política vitoriosa e de muito respeito em todo o País. Atacá-lo ou fazer qualquer tipo de comparação hoje em dia é desrespeitar a nossa própria história e trata-se de uma covardia já que o ex-governador não tem como se defender.

 

Bomba!

Mudando de assunto, uma para movimentar os bastidores da política sergipana: em viagem oficial pelo exterior, o governador Fábio Mitidieri já começa a ser assediado por sua vaga de vice em 2026. De um lado, quem parece disposto a chegar a um entendimento pela vaga é o prefeito Edvaldo Nogueira, que poderia parar um projeto pessoal em troca de outro. Será?

 

Exclusiva!

Para botar ainda mais um “tempero” sobre o que vem por aí em 2026: a informação é que agora o senador Laércio Oliveira (PP) é outro que está “pronto, preparado e querendo” fazer a indicação da vaga de vice de Mitidieri. Seria a única forma de “conter o ímpeto” do líder dos Progressistas...

 

Foi dito aqui!

Como tem uma turma que costuma anunciar as coisas sem olhar para o passado, este colunista vai reforçar algo que já foi dito aqui neste espaço: os bolsonaristas em Sergipe não vão abrir mão de terem um palanque aqui no Estado em 2026, inclusive dando sustentação à campanha presidencial. Hoje o bloco teria dois nomes para o governo: Valmir de Francisquinho (PL) e Laércio Oliveira, que no caso de não ser eleito, ainda teria mais quatro anos de mandato no Congresso.

 

Falando nele!

Laércio Oliveira apresentou um projeto de lei que altera esse artigo permitindo que em casos excepcionais e justificáveis, a antecedência das férias poderá ser reduzida. O parlamentar informa que muitas vezes o trabalhador não pode esperar os 30 dias de aviso prévio e por isso ele apresentou o projeto.

 

Pauta positiva

É que, muitas vezes, por um acontecimento inesperado como o falecimento de um familiar, um acidente ou até mesmo a necessidade de uma viagem, o trabalhador precisa que as férias sejam concedidas de uma forma rápida. Mas, o artigo 135 da Consolidação das Leis do Trabalho, de 1º de maio de 1943, determina que a comunicação tem que ter uma antecedência mínima de 30 dias.

 

Laércio Oliveira

“Em razão disso, e ainda devido ao avanço tecnológico, os registros de concessão, pagamento e apontamentos de férias são todos realizados eletronicamente via eSocial, de forma prévia e legal, inclusive na CTPS digital, hoje presente na vida de todos os trabalhadores, não sendo razoável exigir-se que estes mesmos registros sejam também impressos, o que afronta até o meio ambiente e representa uma burocracia desnecessária”, explicou o senador.

 

Yandra & Belivaldo I

Na próxima sexta-feira (17), acontece o lançamento da pré-candidatura da deputada federal Yandra Moura à prefeitura de Aracaju e da pré-candidatura do ex-governador Belivaldo Chagas (Podemos) para vice-prefeito. O evento será no Colégio Bom Pastor, no Bairro 18 do Forte, Zona Norte da capital e marca um novo capítulo na política sergipana, refletindo um anseio que partiu da sociedade, através dos diversos diálogos promovidos pelo Projeto ‘Novos Caminhos para Aracaju’.

 

Yandra & Belivaldo II

Yandra traz vigor e renovação, defendendo a maior participação das mulheres na política. Em seu primeiro ano de mandato na Câmara dos Deputados, ela alcançou importantes conquistas, conseguiu aprovar quatro Projetos de Lei no Plenário, feito jamais alcançado por outro parlamentar na história, é vice-líder do União Brasil na Câmara, e foi eleita coordenadora do Observatório Nacional da Mulher na Política e membro do Parlasul.

 

 

Yandra & Belivaldo III

A escolha pela Zona Norte para o lançamento da pré-candidatura quebra paradigmas e demonstra o afeto e carinho que Yandra tem pelas comunidades mais carentes. “O lançamento da nossa pré-candidatura representa muito para nossa cidade, que nunca elegeu uma mulher. Me preparei bastante para este momento, estudei a cidade, ouvi as pessoas de cada bairro da nossa capital e conheço de perto os principais anseios delas”, afirmou Yandra.

 

Presenças confirmadas

O evento também marca o lançamento oficial das 162 pré-candidaturas a vereador dos partidos que compõem o projeto até o momento. São eles: União Brasil, Podemos, PRD, Mobiliza, DC e Avante. Está garantida a presença do presidente nacional do União Brasil, Antônio Rueda, do líder do União na Câmara, do deputado federal Elmar Nascimento, da presidente nacional do Podemos, Renata Abreu, e diversas outras lideranças que apoiarão Yandra Moura em sua jornada rumo à prefeitura de Aracaju. 

 

Zezinho fiscaliza!

Nesta quarta-feira (15), o governador em exercício de Sergipe, Zezinho Sobral, visitará municípios da Grande Aracaju e do leste sergipano que foram afetados pelas chuvas da última semana. As visitas serão iniciadas a partir das 9 horas, em Laranjeiras, seguindo para Riachuelo, a partir das 10 horas, e encerrando às 11 horas, em Maruim.

 

Alese/SGM

A Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe, por meio da Secretaria Geral da Mesa Diretora (Alese/SGM) anunciou o lançamento do edital da Revista de Informação Legislativa (RIL/Alese) com foco na submissão de artigos- edição 2024. A iniciativa tem por finalidade divulgar artigos científicos inéditos reunindo temas relevantes em face do Poder Legislativo e Políticas Públicas de interesse da população sergipana.

 

Prazos estabelecidos

O novo periódico integra as ações definidas pelo Conselho Editorial da Editora da Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe (CE/Alese Editora) e o acesso para o Edital está disponível na página oficial (al.se.leg.br/ril). A revista será anual e o prazo para submissão dos artigos acontece no período de 03 de junho a 30 de agosto. As normas de publicação, procedimentos de avaliação e outras informações seguem reunidas na página oficial.

 

Jeferson Andrade

O presidente da Alese, deputado Jeferson Andrade, destaca o protagonismo e a contribuição na análise de diversos temas. “Trata-se de mais um compromisso do Poder Legislativo no fomento do conhecimento permitindo ainda, análises e discussões de grandes temas que serão apresentados para a sociedade”, enfatizou.

 

Igor Albuquerque

De acordo com o secretário-geral da Mesa Diretora da Alese, Igor Albuquerque, a RIL enaltece a interação do Poder Público com o ambiente acadêmico. “Pela primeira vez, a Alese produz e divulga um periódico de caráter acadêmico com pautas que somam com os trabalhos e debates da Casa Legislativa. As expectativas são as melhores e acreditamos em produções de alto nível que farão parte da história da Alese e poderão contribuir com o desenvolvimento de Sergipe”, concluiu.

 

Adaílton Martins I

O deputado estadual Adailton Martins (PSD) realizará na segunda-feira, 27 de maio, às 9h30, no plenário da Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe (Alese), uma audiência pública para discutir o tema 'Zoneamento Territorial e os Rumos do Desenvolvimento Sergipano'.

 

Adaílton Martins II

Com a presença de autoridades, especialistas, representantes da sociedade civil e empresarial, a audiência pública tem como objetivo debater as implicações do zoneamento na atração de empresas, na geração de empregos e impostos nos municípios sergipanos. A audiência pública será um espaço democrático para a troca de ideias e propostas, visando contribuir para a elaboração de políticas públicas eficientes e alinhadas com as necessidades e potencialidades de Sergipe.

 

Adaílton Martins III

O zoneamento territorial é um instrumento importante para o planejamento e ordenamento do uso do solo, que impacta diretamente no desenvolvimento econômico e social de Sergipe. A discussão busca trazer à tona questões fundamentais para o crescimento sustentável do estado, como a preservação ambiental, a ocupação urbana e rural, além da atração de investimentos que impulsionem a economia local.

 

Gedalva com Ludwig

Pré-candidato a vereador de Aracaju, o amigo Ludwig Oliveira (Avante) segue conquistando apoios para seu projeto político este ano. Gedalva Umbaubá, pré-candidata a vice-prefeita de São Cristóvão, promete recorrer aos amigos para ajudar Ludwig na capital. Diversos artistas sergipanos já declararam apoio para que ele chegue à CMA a partir de 2025.

 

Georgeo Passos I

A Lei Estadual nº 8.930, aprovada em 2021, instituiu em Sergipe a emissão da Carteira Nacional de Habilitação Social (CNH Social). O projeto foi lançado em 2022 com a previsão de emitir, somente no primeiro ano, um total de 600 habilitações para pessoas em situação de vulnerabilidade social. Porém, os números estão bastante aquém daquilo que foi prometido. 

 

Georgeo Passos II

Segundo informações do Departamento Estadual de Trânsito de Sergipe (Detran/SE), até o momento, apenas 72 CNHs foram expedidas através do programa. Os dados foram fornecidos através de ofício ao deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania). O parlamentar estranhou que um número tão baixo de pessoas tenha sido contemplado pela ação após quase 2 anos de projeto.

 

Georgeo Passos III

“Isso precisa ser verificado. Se somarmos, de um montante de 600 pessoas que poderiam ser beneficiadas em 2022, outras 600 em 2023 e mais 600 em 2024, teríamos quase duas mil CNHs Sociais expedidas. Como pode haver apenas 72 em três anos? Qual a justificativa para um número tão baixo de pessoas contempladas?”, questionou o deputado.

 

Georgeo Passos IV

“Nós sabemos hoje o quanto é caro para um jovem, para um pai ou mãe de família, conseguir tirar esse documento. Afinal, o custo hoje é alto, sendo necessário um gasto entre R$ 2 mil a R$ 3 mil. Ainda mais para as pessoas mais carentes. É por isso que esse programa é importante e lamentamos que, após três anos, ele tenha beneficiado tão poucas pessoas”, completou.

 

Georgeo Passos V

No ofício enviado ao parlamentar, o Detran coloca como justificativa para um número tão baixo “a intricada natureza do processo de obtenção de habilitação, o qual, por sua natureza, é complexo e demorado”. Porém, para Georgeo, falta um esforço maior da própria instituição e do Poder Executivo para fazer com que a CNH Social alcance suas metas e objetivos. 

 

Olha a Defensoria!

A Defensoria Pública do Estado de Sergipe realiza no sábado (18), das 8h às 13h, o Mutirão em Defesa da Cidadania. A ação, comemorativa ao Dia da Defensoria Pública e da Defensora e do Defensor Público – que será celebrado em 19 de maio – acontecerá na Central de Atendimento Defensora Diva Costa Lima, localizada na Avenida Ministro Geraldo Barreto Sobral, nº 1436, Bairro Jardins, em Aracaju. Para ter acesso aos serviços, o cidadão ou cidadã precisará levar os documentos básicos como: RG, CPF e comprovante de residência.  

 

Mutirão

Durante o mutirão, serão ofertados serviços de emissão de carteira de identidade (RG); gratuidade para segunda via de certidão de nascimento, casamento e óbito; orientações para obtenção de procedimentos médicos (cirurgias, exames, medicamentos, próteses, internamentos, etc...); orientações e consultas sobre aposentadoria e benefícios previdenciários (BPC/LOAS) disponibilizados pela Defensoria Pública da União e INSS; orientações sobre processos criminais, divórcio, pensão alimentícia, dissolução de união estável, guarda, regulamentação de visitas, inventário, usucapião, possessória, revisão de contratos, juros abusivos de cartão de crédito e empréstimos, entre outras questões de direito do consumidor, família e sucessões; aferição de pressão arterial e glicemia, e brinquedoteca para a criançada.

 

Joaquim da Janelinha I

O vereador Joaquim da Janelinha (PDT) citou na Câmara Municipal de Aracaju, que já saiu no Diário Oficial sobre o recebimento de quase R$ 32 milhões em investimento através da Prefeitura de Aracaju, já previsto para a comunidade Paraíso do Sul, localizado no bairro Santa Maria. 

 

Joaquim da Janelinha II

“Que alegria saber que o nosso Paraíso do Sul vai receber quase R$ 32 milhões em obras de infraestrutura, melhorando desta forma a vidas não só daquelas pessoas que moram na segunda etapa, mas praticamente, a de todo o Paraíso. Tenho essa comunidade como a minha segunda casa, e eu sempre vou lutar para levar melhorias para aquele povo que me acolheu tão bem, afinal, esse foi o meu compromisso com eles”, disse Joaquim, que também explicou que a obra será ampliada. 

 

Joaquim da Janelinha III

“O que seria apenas para a segunda etapa se estendeu para a terceira e quarta também; ou seja, teremos uma grande obra. Além disso, o tão sonhado muro de contenção, e reivindicado também pelos meus colegas de parlamento, está em estudo na Emurb. Será contratada uma empresa para o processo de licitação, e nessa gestão do prefeito Edvaldo Nogueira será construído o muro sim”, afirmou Joaquim que ainda complementou.

 

Lançamento de Livro

“Eu Barco” é a próxima obra da escritora sergipana Vera Lúcia dos Santos. O livro se trata de uma coletânea de poesias escritas em momentos reais ou pretensas realizações da autora, onde a mesma descreve-as “como frutos de amor, de imaginação e de ilusão, acerca de momentos onde o velejar num barco à deriva e o florir de um jardim primaveril podem ter a mesma conotação”.

 

A autora

Vera Lúcia dos Santos nasceu no dia 28 de março de 1963, em São Cristóvão (SE). É filha de Josefa Tereza de jesus (tecelã) e de Lourival José dos Santos (marceneiro). Cursou o ensino fundamental e médio em escola pública e formou-se em Letras pela Faculdade Atlântico, pós-graduada em Recursos Humanos e Gestão Escolar pela Faculdade de Ensino Regional Alternativa (FERA). Dentre tantas atividades da sua vida, vale destacar que Vera Lúcia é funcionária pública municipal, técnica do controle interno da Controladoria Geral do Município

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

O que você está buscando?

mgid.com, 539646, DIRECT, d4c29acad76ce94f amxrtb.com, 105199704, DIRECT