Lula vai iniciar “peregrinação” por apoio do PSD nos Estados

Habacuque, 26 de Maio, 2022

A relação política entre o PSD do pré-candidato a governador Fábio Mitidieri e o PT do também pré-candidato Rogério Carvalho, deverá ganhar novos capítulos em breve. Tudo passará por uma “peregrinação” do ex-presidente Lula (PT) que considera estratégico o apoio do PSD de Gilberto Kassab para seu projeto de tentar voltar ao Palácio do Planalto. Por enquanto, o único Diretório Estadual do partido que já formalizou o apoio ao petista foi em Minas Gerais, decisão que já tem gerado alguns conflitos internos naquele Estado.

Setores da “grande mídia” avaliam que o PSD tem, na atualidade, uma “predominância” pró-reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL), sendo que em alguns Estados há uma disposição pelo voto em Lula, como também pela neutralidade. Entre os mineiros, por exemplo, enquanto o pré-candidato a governador declarou apoio a Lula, deputados estaduais da legenda não aceitam a aliança e já se posicionaram, publicamente, a favor do atual presidente.

Em Estados onde Bolsonaro lidera a corrida eleitoral, em especial na região Sul do País, Lula tem a pretensão de conquistar o apoio formal do PSD, e o mesmo deverá ocorrer em várias unidades da Federação. E em Sergipe não deve ser diferente! Até que as conversas prosperem, na avaliação deste colunista, Rogério Carvalho terá que provar ter densidade eleitoral e condições reais de vencer a disputa, no sentido de convencer o líder petista a não subir no palanque governista para falar aos sergipanos.

Por sua vez, Rogério Carvalho deverá demonstrar “inquietação” a partir do momento em que Lula começará a percorrer o apoio dos Diretórios Estaduais do PSD. Esse “movimento”, já deve ser iniciado em meados da próxima semana, e em Sergipe o líder petista é aguardado em meados de junho para o lançamento da pré-candidatura própria ao governo de Sergipe. Este colunista chama a atenção para a mensagem deixada por Kassab, na última segunda (23), não descartando a aliança PT e PSD no Estado.

É possível que antes de anunciar Rogério seu candidato em Sergipe, Lula tente buscar uma acomodação para que PSD e PT voltem a caminhar juntos aqui no Estado. Rogério aposta tudo no “líder petista” para conseguir chegar ao Palácio de Despachos, mas, para este colunista que já viu (e ouviu) muita coisa nos bastidores da política local, tudo pode acontecer, inclusive nada! Aliados de Mitidieri em Sergipe, defendem Lula, outros apostam na neutralidade, e alguns defendem uma composição ao lado de Bolsonaro.

Mitidieri não polemiza sobre assuntos nacionais. Prefere, nitidamente, que haja um entendimento entre as duas Executivas, onde ele garantiria o discurso de acompanhar, como também estaria livre para tomar outra decisão. Além da aposta alta em Lula, Rogério agora tem como “trunfo” a filha do ex-presidente, que também quer disputar a eleição em Sergipe, para um mandato proporcional. Mas é justamente o crescimento de Bolsonaro que valorizará o entendimento entre PT e PSD. Regras do jogo...

 

Veja essa!

Profundamente lamentável e desnecessária a abordagem feita por Policiais Rodoviários Federais contra um cidadão no município de Umbaúba, que findou vindo à óbito. Independente de idade, religião, raça e etnia, a ação foi grosseira, descabida e covarde, e findou sendo letal.

 

E essa!

Esse colunista defende a devida apuração e punição dos responsáveis, considerando que uma vida findou sendo ceifada. Mas não generaliza em relação aos Policiais Rodoviários Federais; não é a má conduta de um ou mais profissionais que descontruirá a credibilidade e a imagem de uma classe.

 

Maria do Carmo I

Ao avaliar números divulgados pelo Ministério da Educação sobre o desempenho de estudantes do ensino médio das redes pública e privada, a senadora Maria do Carmo Alves (PP) destacou a necessidade de ampliar a discussão acerca de um plano de educação focado na qualidade do processo ensino-aprendizagem.

 

Maria do Carmo II

“Devemos considerar que essa pesquisa foi aplicada, ano passado, quando ainda vivíamos no auge da pandemia. Isso, no entanto, não nos exime da responsabilidade de discutirmos o assunto na expectativa de melhorarmos essa performance”, disse a parlamentar, que é autora do Projeto de Lei que institui o Plano Nacional de Enfrentamento dos Efeitos da Pandemia de Covid-19 na Educação.

 

Maria do Carmo III

De acordo com o Ministério, dos 3,2 milhões de estudantes testados, apenas 27% acertaram as questões sobre habilidades básicas em matemática. Já com relação à língua portuguesa, pouco mais de 50% responderam de forma correta os enunciados. “Esse impacto da pandemia na educação vem sendo sentido desde 2020 e terá desdobramentos futuros se não tomarmos medidas enérgicas”, disse a senadora, alertando para a necessidade de união de todas as esferas de poder para auxiliar nesse processo. “O desenvolvimento de uma Nação passa pela educação de qualidade, capaz de transformar realidades”, disse.

 

Kitty Lima I

A notícia de que mais de 1,2 milhão de sergipanos estão em situação de pobreza ou extrema pobreza foi lamentada pela deputada estadual Kitty Lima (Cidadania). Ela criticou a falta de comprometimento da gestão do governador Belivaldo Chagas com o bem-estar dos sergipanos que colocou mais da metade da população do estado em situação de miséria.

 

Kitty Lima II

Os dados partem de um estudo do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio Econômicos (Dieese) que aponta mais de 560 mil famílias inseridas no Cadastro Único do Estado de Sergipe, sendo 352 mil em situação de extrema pobreza e 44 mil de pobreza.



Kitty Lima III

“Enquanto milhares de sergipanos estão ralando para conseguir colocar o que comer dentro de casa, muitos infelizmente passando fome, Belivaldo Chagas está comemorando, ao lado do prefeito Edvaldo Nogueira, as alianças políticas deles que perpetuam as mazelas que castigam os mais necessitados em nosso estado. É mais de um milhão de pessoas em situação de miséria em Sergipe e o governador está fazendo o quê? Absolutamente nada. Aliás, ele está mais preocupado com as eleições do que com a vida dos sergipanos”, critica Kitty.

 

Sexta Cultural

 

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE) voltará a realizar a Sexta Cultural após cinco anos desde a última edição. Aberto ao público, o evento ocorrerá nesta sexta-feira (27), às 10h, no Espaço Cultural do órgão, situado no seu hall de entrada. 

 

Flávio Conceição

“A Sexta Cultural é uma tradição do Tribunal que estamos resgatando para darmos mais visibilidade à produção artística do nosso estado; a ideia é que façamos ao menos um encontro a cada mês”, destaca o presidente do TCE, conselheiro Flávio Conceição. 

 

Programação

A programação contará com a exposição “La Vita è Bella”, com esculturas de Folco Romanelli e pinturas de Cícera Romanelli; além do lançamento do livro “O Termo de Ajustamento de Gestão como Forma de Tutela de Direitos Sociais”, da profa. dra. Patrícia Verônica Sobral de Souza; e apresentação musical da cantora Amorosa.​

 

Seminário Adiado I

O Seminário Interestadual organizado pelos Tribunais de Contas de Sergipe e de Alagoas, previsto para os próximos dias 30 e 31, no município de Piranhas (AL), foi adiado devido às fortes chuvas que atingem a região.  Conforme informação da Defesa Civil alagoana, praticamente 95% dos municípios estão em atenção por causa das chuvas e a previsão é de que a situação pode se agravar. 

 

Seminário Adiado II

A ação pedagógica é organizada pelas Escolas de Contas dos dois Tribunais e tem o objetivo de proporcionar o aperfeiçoamento técnico de gestores e servidores dos municípios. ​As novas datas para realização do evento serão definidas e anunciadas assim que as condições climáticas se normalizarem. ​

 

Gilson será desembargador

O Pleno do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) promoveu, por unanimidade, pelo critério de antiguidade, o Juiz Gilson Felix dos Santos para o cargo de Desembargador. O Juiz, até então titular do 19ª Vara Cível da Comarca de Aracaju, substituirá o Des. Osório de Araújo Ramos Filho, que se aposentou neste mês de maio. A posse do Desembargador será na segunda-feira (6), às 17h, com transmissão pelo Youtube no canal tjsergipe.

 

Currículo I

Formado em Direito pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) na turma de 1980. Exerceu a advocacia de junho de 1980 a dezembro de 1989, sendo Conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Sergipe. Ingressou na magistratura em 1989, atuando inicialmente na Comarca de Nossa Senhora da Glória. Em 1992 foi removido para a Nossa Senhora das Dores e, no mesmo ano, promovido por merecimento, para a Vara Criminal de Itabaiana.

 

Currículo II

Atuou também no Juizado da Infância e Juventude e na Vara Cível de Nossa Senhora do Socorro. Em 2000 foi removido para a então 1ª Vara Privativa de Assistência Judiciária de Aracaju, transformada em 19ª Vara Cível de Aracaju em 2014, unidade onde judicou até o presente momento.

 

Currículo III

O magistrado Gilson Felix dos Santos foi membro da Turma Recursal, Juiz Eleitoral e membro do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Foi Juiz Corregedor nos biênios 2003/2005 e 2011/2013 e Juiz Auxiliar da Presidência nas gestões da Desª Marilza Maynard e Cezário Siqueira Neto e inúmeras vezes convocado para substituir desembargadores.

 

Cidadão areia-branquense

O ex-deputado federal André Moura foi homenageado pela Câmara Municipal de Areia Branca com o título de cidadão areia-branquense. A honraria concedida é um reconhecimento aos cidadãos pelos serviços realizados em benefício do município.

 

Giseldo dos Passos

O autor foi o presidente da Câmara, Giseldo dos Passos e, durante a solenidade, disse que a entrega do título para André Moura é um reconhecimento pela parceria e trabalho feito pelas pessoas de Campo do Brito. “Nada mais justo. Porque você, André, tem sido parceiro e sempre está de braços abertos para o povo de Areia Branca e tenho certeza que irá trazer muito mais para Areia Branca”, destacou.

 

Agradecimento

André Moura agradeceu a homenagem e destacou o carinho pelas pessoas do município, além do compromisso com o desenvolvimento da região. “É muito bom a gente poder voltar hoje recebendo esse título pelos serviços que aqui prestamos. Essa parceria permitiu muitas obras em vários segmentos, melhorando a vida das pessoas e isso é o que importa. Transformação, dignidade e qualidade de vida para as pessoas. Estou muito honrado em poder dizer que também sou um filho de Areia Branca”, finalizou.

 

Iran Barbosa I

No dia 24, pela primeira vez em nosso estado, a Etnia Cigana de Sergipe, formada por cerca de 3.700 membros, pôde celebrar sua identidade cultural e expor as suas tradições de forma oficial, em uma atividade de reconhecimento e valorização da sua existência, referendada pela presença de representantes de poderes e órgãos públicos das esferas municipal, estadual e federal.

 

Iran Barbosa II

Foi assim a realização do lançamento da Primeira Coletânea Cultural do Povo Cigano de Sergipe, que aconteceu na Escola do Legislativo (Elese), em Aracaju, como parte das comemorações pelo Dia Estadual da Etnia Cigana em Sergipe, instituído pela Lei nº 8.881/2021, uma iniciativa do deputado estadual Iran Barbosa, do Psol, construída a partir do diálogo com a própria comunidade cigana.

 

Alô Lagarto!

O deputado federal Gustinho Ribeiro (Republicanos) anunciou a liberação de mais R$ 4 milhões para a Saúde de Lagarto. Os recursos foram garantidos por meio de uma emenda destinada pelo parlamentar lagartense com o intuito de melhorar ainda mais os serviços prestados à população.

 

Gustinho Ribeiro I

“Uma saúde pública de qualidade é essencial, uma vez que a maior parte dos cidadãos dependem do SUS para conseguir assistência médica. Por isso, tenho trabalhado durante todo o nosso mandato no sentido de garantir o máximo de recursos para esta área, especialmente para melhoria e ampliação da atenção básica, que é de responsabilidade dos municípios. Essa emenda de R$ 4 milhões para Lagarto é mais uma demonstração desse nosso compromisso”, afirmou Gustinho.

 

Gustinho Ribeiro II

O parlamentar federal ressaltou ainda que segue atuando em Brasília para a liberação de mais recursos. “Não apenas para Lagarto, mas também para outros municípios sergipanos voltados para as mais diversas áreas. São emendas que vem contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos sergipanos e que dão a certeza do dever cumprido. Fico ainda mais satisfeito por contribuir com o desenvolvimento de Lagarto, minha terra”, salientou o deputado Gustinho Ribeiro.

 

Alô São Cristóvão!

Um Projeto de Lei enviado pela Prefeitura de São Cristóvão para proibir a comercialização de fogos de artifício causou indignação entre os moradores da cidade histórica. Aos gritos de “buscapé”, vendedores e fogueteiros organizaram um manifesto na porta da Câmara Municipal pedindo aos vereadores que não aprovassem a medida do governo local.

 

Reprovado

No fim da votação, o projeto foi reprovado pela maioria dos parlamentares e acalmou os ânimos dos manifestantes. “O povo protestou contra uma iniciativa absurda do prefeito Marcos Santana. Ora, impedir fogos de artifício é um atentado contra a tradição e a economia do município”, desabafou o líder da oposição, vereador Neto Batalha.

 

Economia
Nesta época do ano, a produção e comercialização de fogos de artifício representam um oxigênio para a economia sergipana, e São Cristóvão não é diferente. Fogueteiros, inclusive, já iniciaram o processo de confecção dos produtos que prometem ter grande saída este ano, já que 2020 e 2021 não houve festejos juninos por causa da pandemia.

Tradição
Além da questão econômica, Neto Batalha defendeu em seu discurso a manutenção da tradição junina nos povoados e na cidade histórica. “O povo tem direito de soltar busca-pé, acender fogueira e as crianças de brincar com traque de massa. Esse costume não pode acabar simplesmente porque o prefeito quer”, questionou.

 

Danielle Garcia I

A pré-candidata ao Senado, a delegada Danielle Garcia (Podemos), esteve em Lagarto, e visitou o local onde está sendo construído o Hospital de Amor no município. A pré-candidata destacou a importância da unidade hospitalar para a oncologia em Sergipe. “Vai impactar milhares de vidas, garantindo tratamento mais humano e mais digno para os pacientes com câncer, especialmente para os que dependem do SUS. Já temos a prevenção e o diagnóstico por meio do Instituto Anna Hora Prata e da unidade móvel e, muito em breve, contaremos com o hospital para o tratamento e pesquisa", afirmou.

 

Danielle Garcia II

Danielle Garcia lembrou ainda as estimativas do Instituto Nacional de Câncer - Inca, que apontam seis mil novos casos da doença por ano em Sergipe. "O que reforça a importância não apenas do Hospital de Amor, em Lagarto, mas também do tão prometido Hospital do Câncer de Sergipe, que deve ser construído em Aracaju. Essa é uma pauta que sempre será priorizada, para que tenhamos toda essa estrutura funcionando plenamente em nosso estado", salientou a delegada.

 

Estrutura

Orçado em R$ 150 milhões e uma área total de 450 mil metros quadrados, o futuro complexo oncológico será a maior filial do Hospital de Amor fora de Barretos, com capacidade de realizar 2 mil atendimentos por dia. A estrutura contará com unidade geral e infantil para tratamento, centro de pesquisa e prevenção, além de um complexo com casas de apoio.

 

Goretti Reis I

Como presidente da Comissão de Saúde Higiene, Assistência e Previdência Social da Alese e membro da Secretaria de Saúde da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), a deputada estadual Goretti Reis (PSD) está em viagem a Manaus, onde participará, nesta sexta-feira (27), do 1º Encontro das Comissões de Saúde das Assembleias Legislativas da Amazônia Legal. Na ocasião será realizada a reunião ampliada do colegiado de deputados do Parlamento Amazônico. 

 

Goretti Reis II

O evento é uma realização da Secretaria de Saúde da Unale, presidida pela deputada estadual Dra.Mayara (Republicanos-AM), juntamente com a Associação do Parlamento Amazônico que tem a frente a deputada estadual Edna Auzier (PSD-AP). “Em Sergipe estamos discutindo, com representantes de instituições e autoridades, política pública materno infantil. Estamos engajados na causa e será um evento importante que debaterá a necessidade dos reajustes da tabela que define os valores dos procedimentos de Média e Alta Complexidade (MAC) do Sistema Único de Saúde (SUS), que está defasado e tem estrangulado e dificultado os avanços da saúde pública”.

 

Professor Bittencourt I

O vereador Professor Bittencourt comemorou os resultados positivos e eficazes no avanço da implantação das lâmpadas de LED no município de Aracaju. A nova tecnologia oferece uma iluminação mais potente, representando mais segurança para a população no período noturno.

 

Professor Bittencourt II

“45% dos pontos de iluminação já foram substituídos por lâmpadas de LED. Esse é um projeto ousado que o prefeito Edvaldo Nogueira sonhou, realizou e conseguiu fazer uma Parceria Público Privada (PPP). Em Aracaju, temos algo próximo de 60 mil pontos de luz, e nós já superamos a casa dos 26 mil pontos de iluminação que já foram modernizados”, destacou.

 

Iluminação pública

O processo está sendo executado pela Secretaria Municipal da Infraestrutura (Semifra) e todos os bairros da capital estão sendo modernizados. De acordo com o projeto, em 18 meses a iluminação de Aracaju será completamente composta por lâmpadas de LED.

 

Zezinho Sobral I 

A Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) realiza nesta sexta-feira (27), às 9 horas, uma audiência pública sobre “Emenda Constitucional (EC 120/22) e a valorização dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate a Endemias”. De autoria do deputado estadual Zezinho Sobral (PDT), a iniciativa reunirá profissionais das duas categorias e representantes de entidades sindicais que discutirão sobre os avanços do SUS e a importância desses profissionais no cotidiano da saúde pública.

 

Zezinho Sobral II

Presenças de membros da Federação Nacional de Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate as Endemias (FENASCE), Sindicato dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias do Município de Aracaju (SACEMA), Sindicato dos agentes comunitários de saúde e de combate as endemias do Município da Barra dos Coqueiros (SACEMBA) e Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate as Endemias do Município de Nossa Senhora do Socorro (SACEMS).

 

Zezinho Sobral III

O Congresso Nacional promulgou no início do mês de maio a Emenda Constitucional 120, que trata do piso salarial e da valorização dos agentes comunitários de saúde e de combate a endemias. A emenda decorre da PEC 9/2022, aprovada no Senado no dia 04 de maio, e determina piso de dois salários mínimos, adicional por insalubridade e aposentadoria especial para a categoria. “Vamos discutir políticas públicas para avanços da categoria no desempenho das suas funções. São profissionais imprescindíveis na construção diária do SUS”, explica o deputado.

 

Maria Mendonça I

A deputada estadual Maria Mendonça (PDT) protocolou uma Indicação na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) propondo a implantação de barreiras de contenção na ponte Joel Silveira. “Infelizmente, existem diversos registros de pessoas que cometeram suicídio no local. No último dia 10, um morador de Itabaiana – que comunicou à família que atentaria contra a própria vida - foi resgatado por agentes da Polícia Militar de Sergipe”, explicou.

 

Maria Mendonça II

Na Indicação, Maria destacou o momento difícil que muitos sergipanos vêm enfrentando, com a falta de emprego e até de insegurança alimentar. “Grande parte da população, seja pela pandemia ou seja pela elevada inflação, acabou se endividando e, em atos de desespero, muitas vezes, tomam medidas drásticas. Você ouvir um filho pedindo comida e não ter para oferecê-lo, por exemplo, é algo desesperador, afirmou.

 

Maria Mendonça III

No documento, Maria Mendonça ainda ressaltou que o local pode ser acessado facilmente, e que não há segurança na área de contenção, o que acaba despertando algumas dessas pessoas. “Estamos falando de tentar evitar, prevenir que as pessoas pensem na ponte como um lugar fácil de cometer o suicídio”, argumentou Maria. A propositura será apreciada em plenário nos próximos dias. 

 

Breno Garibalde I

No mês passado, mais precisamente no dia 26 de abril, o vereador Breno Garibalde destacou em sessão plenária na Câmara Municipal de Aracaju, o fato de Aracaju ter apenas um cemitério com licença ambiental. Nesta semana, o parlamentar comemorou a notícia de uma importante conquista sobre o assunto, já que o Conselho Municipal do Meio Ambiente (CMMA) aprovou uma resolução que define critérios para regularização e licenciamento ambiental dos cemitérios localizados na capital. 

 

Breno Garibalde II

A aprovação ocorreu por unanimidade, após discussão e votação durante a segunda reunião promovida pela Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Sema). “Esse é um problema antigo, que precisa ser resolvido o quanto antes. Os cemitérios precisam seguir critérios ambientais, para que o solo não seja afetado com o líquido proveniente da decomposição dos cadáveres, o necrochorume. Então fico feliz em ver que a gestão ouviu essa demanda e já está se movimentando”, declarou o parlamentar.

 

Regras

Com a aprovação da nova resolução, os cemitérios públicos e privados passam a ter regras de regularização e licenciamento ambiental. Os locais serão notificados e terão um prazo de sete a dez anos para realizar as adequações. “É um passo muito importante que vai contribuir, não só com a preservação dos nossos lençóis freáticos, como também com a saúde da população, já que esse líquido pode ir parar nos poços artesianos. Claro que é um processo longo, mas que precisa ocorrer o quanto antes e também deixo aqui a solicitação da construção de mais cemitérios em Aracaju, ”, informou Breno.

 

Diagnóstico

Com as novas regras, os cemitérios também deverão realizar um levantamento dos impactos para identificar quais as melhorias necessárias a serem aplicadas. Assim, vai ser possível traçar um diagnóstico completo da situação dos espaços, de acordo com as particularidades de cada um.

 

TJ/SE & Ages

O Tribunal de Justiça de Sergipe e a Faculdade Ages assinaram um Termo de Cooperação que estabelece ações conjuntas para solução de conflitos. O convênio prevê um número mínimo semestral de 100 sessões de conciliação pré-processual, quantitativo este que deverá aumentar, anualmente, em 10%; com o propósito de viabilizar a experiência prática da mediação e conciliação para alunos de Direito da Ages. Somente na Microrregião 5, que abrange Lagarto (SE), Paripiranga e Tucano (BA), a faculdade tem quase dois mil alunos matriculados no curso de Direito.  

 

Aristhela Amorim

“Estamos muito felizes por esse momento, em especial porque estamos comemorando 40 anos. Nosso maior objetivo é que a instituição atue de dentro para fora, através da extensão. Então, essa parceria com o Tribunal é um grande marco e vai causar esse impacto na vida dos estudantes”, comemorou Aristhela Amorim, diretora da Ages. 

 

Édson Ulisses

“Ao povo é o verdadeiro passo que a Justiça deve buscar atingir, principalmente àquelas pessoas mais carentes. A proposta dessa gestão é ampliar o contato com a população e encontrar formas de legitimar o Judiciário, que só estará legitimado se tiver essa visão de atendimento ao público. Porque o Judiciário não serve a si mesmo. O Judiciário tem que ser uma instituição que sirva ao povo”, salientou o presidente do TJSE, desembargador Edson Ulisses de Melo


CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

O que você está buscando?