Idoso residente em Itabaiana tem corpo trocado no hospital e é enterrado na Bahia

Ele era hipertenso e faleceu por Covid-19

Redação, 07 de Julho, 2020 - Atualizado em 07 de Julho, 2020


Um idoso de 73 anos, residente de Itabaiana, faleceu com Covid-19 no Hospital Cirurgia e teve o seu corpo trocado nesta unidade. Ele faleceu na manhã desta terça-feira (07) e o corpo foi sepultado erroneamente no interior da Bahia.

Os familiares informaram que o corpo foi trocado pelo de uma mulher e que o equívoco só foi percebido quando a equipe da funerária foi a Aracaju buscar para preparar o enterro. “Quando a equipe foi buscar o corpo, perceberam que no lugar estava uma mulher. Ou seja: se o rapaz não abre o saco para saber o que tinha dentro, teríamos enterrado uma mulher no lugar dele”, explicou um familiar.

O Hospital de Cirurgia informou, através de nota, que lamenta profundamente, a troca de corpos ocorrida no necrotério dessa instituição hospitalar na manhã desta terça-feira, entre pacientes acometidos pela Covid-19

Segundo o hospital, imediatamente após tomar conhecimento do ocorrido, a direção entrou em contato com os familiares envolvidos para se desculpar, corrigir o problema e oferecer toda a assistência necessária para atenuar o abalo causado.

Informou, ainda, que foram adotadas todas as medidas administrativas cabíveis para apuração do caso, com consequente aplicação das penalidades pertinentes, para que fato como este, em hipótese alguma, se repita.

O hospital diz que reforçou junto à equipe de colaboradores o procedimento para o manejo dos óbitos de pacientes, conforme previsto no 'Guia para o Manejo de Corpos no Contexto do Novo Coronavírus (Covid-19)' do Ministério da Saúde, inserido no Plano de Contingência adotado pela unidade de saúde.

 

O que você está buscando?