Jornalistas preferem deixar a ESPN a ter exclusividade com ela

Redação, 03 de Fevereiro , 2021


O comentarista esportivo Jorge Nicola anunciou hoje (1) a sua saída da ESPN. O motivo, assim como de outros jornalistas que deixaram o canal recentemente, foi a cláusula de exclusividade. Até pouco tempo, muitos jornalistas dariam tudo para ter um contrato com a ESPN. Agora, só aceitam estar lá se puderem fazer outras coisas ao mesmo tempo. Este parece ser mais um indício de que a emissora vem perdendo força — algo inimaginável alguns anos atrás.

Desde o início do processo de fusão entre a Fox Sports e a ESPN, o novo contrato, que prevê a exclusividade de trabalho dos profissionais à emissora, tem incomodado grandes nomes como Benjamin Back e Mauro Cezar. Assim como Nicola, os dois também preferiram manter seus contratos e participações em outros veículos a continuar no canal.

Além do trabalho na emissora, Jorge Nicola também possui um blog e um canal no YouTube (no qual foi anunciada a sua saída do Grupo Disney). A proposta da emissora a Nicola incluía a migração de seu blog do Yahoo para o site da ESPN, a participação em transmissões ao vivo e no programa BB debate, além de reajuste de 30% em relação aos vencimentos.

No vídeo, ele afirma que seu contrato terminou no último domingo (31) e que a decisão foi tomada em respeito ao Yahoo — site no qual ele hospeda seu blog desde 2014 — e ao público de seu canal no YouTube.

“Se você esperava frases fortes, reclamações da minha antiga casa, [não vai ter] nada disso. Saio pela porta da frente, muito feliz por tudo que eu conquistei, pelos amigos que consegui e por toda a evolução na carreira que consegui graças à emissora que eu aprendi a gostar desde que era muito pequeno”, declarou no vídeo.

 Por: https://portal.comunique-se.com.br/jornalistas-preferem-deixar-espn/

O que você está buscando?