“Política é a ciência de se relacionar e ajudar as pessoas”, diz vereador Eduardo Lima

Redação, 07 de Abril , 2021

A afirmação com o tom de revolta foi uma resposta a algumas informações e notícias que circularam na imprensa sergipana que criticavam ações sociais realizadas pela prefeitura de Aracaju. Durante o discurso no Grande Expediente, o vereador Eduardo Lima (Republicanos) disse que fazer oposição por oposição não vale de nada e que todos devem observar os lados positivos da gestão. “A política é a ciência de se relacionar e de ajudar as pessoas. Se tem algo errado, tem que falar para corrigir. Mas se tem algo certo, vamos parabenizar e valorizar. Quando vejo alguns comentários ofensivos fico triste porque a política tem em seu fundamento ajudar e a oposição as vezes tem uma posição de criticar de forma até desleal”, crítica o vereador.

O parlamentar também lembrou que Aracaju e todo território brasileiro passam por algo atípico, que nunca aconteceu antes, onde todos são atingidos e que não há uma legislação pronta e própria para orientar e que todos em seus poderes sejam Executivo, Legislativo e Judiciário estão trabalhando para dar conta de tudo.

Ainda segundo Eduardo Lima, o empenho da prefeitura em minimizar tem alcançado um número cada vez maior de pessoas em situação vulnerável. Segundo dados da Secretaria Municipal Da Assistência Social, em menos de um ano, mais de 12 mil novas famílias passaram a se enquadrar em situação de pobreza ou pobreza extrema em Aracaju. Todas foram acolhidas pelos programas assistenciais do município. “Tenho andado pela cidade e também nas Secretarias e sei o quanto todos estão empenhados em fazer acontecer. Por isso, não vou ouvir comentários e críticas à gestão do prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) como se não houvesse empenho e trabalho sendo realizados. Nós temos que observar, olhar e entender que está é uma luta de todos”.

Ainda durante o discurso, Eduardo Lima chamou atenção dos vereadores de que a sociedade aracajuana deposita sobre os ombros deles a responsabilidade de legislar pela capital nesse momento e que fazer oposição por oposição não é certo. “Dar atenção e olhar nos olhos não enche barriga, não coloca comida na mesa”, o vereador também parabenizou a ação de alguns vereadores com o Lojão Fasouto e relatou que “no último domingo à tarde eu estava no Alto do Bela Vista distribuindo pão e leite e ouvi de uma pessoa ‘Pastor, essa será a minha primeira refeição porque eu não como desde ontem. Ouvir isso me entristece, muito”, relatou o vereador.

A prefeitura está lutando e enfrentando de forma direta, beneficiando com cestas básicas comunidades em toda a cidade. O vereador que esteve esta semana com a Secretária da Assistência Social, Simone Passos, reafirmou que todos precisam unir forças e ter cuidado com questões que são divulgadas na imprensa para que essas publicações não desgastem apenas um vereador, mas toda Casa legislativa. “Diferente do que disseram não vivemos em uma cidade europeia, Aracaju tem problemas como toda metrópole, mas estamos todos trabalhando, a prefeitura está trabalhando. Distribuição de cesta básica, vacinação solidaria e tantas outras ações são sim atos de amor” diz Eduardo Lima.

Fonte: Valéria Santana, assessoria de Imprensa

O que você está buscando?