Nitinho pede cautela nos pronunciamentos dos vereadores

Redação, 29 de Abril , 2021

Na sessão desta quinta-feira, 29, o presidente da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) Nitinho (PSD) pediu cautela nos pronunciamentos dos colegas de parlamento com relação a um o fake news propagado nas redes sociais. De acordo com o presidente, o card publicado e repostado por uma vereadora da Casa, informava que os vereadores teriam votado contra ao Projeto de Lei 49/2019, que veda a nomeação no município de Aracaju para cargos de comissão de pessoas condenadas na Lei Maria da Penha, quando na verdade o Plenário rejeitou o Requerimento de urgência para o PL entrar na pauta.

“Eu fiquei sentido com essa situação, sou presidente e não voto. O que aconteceu foi que o Requerimento veio para pauta e votamos. A vereadora envolvida já explicou que foi um assessor seu que repostou a notícia falsa, pediu desculpas e reconheceu o erro. Todos nos erramos, quantos erros já cometi? Não sou melhor com ninguém e todos erram. Eu acho que devemos ter prudência nas falas e escutar a explicação pessoal da vereadora”, afirmou.

Nitinho informou que o perfil que criou o card já foi localizado e identificado como falso. “Iremos pedir a Secretaria de Segurança Pública para banir esse perfil. Acredito que quem errou, errou por inocência e assim que percebeu, retirou a postagem do ar do perfil da vereadora. Quantas vezes um assessor meu se antecipou fez uma postagem e eu não gostei. Conhecemos a vereadora como uma pessoa do bem, servindo as pessoas. Precisamos ter a alma boa e perdoar, essa discussão não vai levar a lugar nenhum, ainda temos mais de três anos de mandato e precisamos ter uma boa convivência.

Apartes

O vereador Fabiano Oliveira parabenizou a condução da presidência da Casa no caso, com dever de justiça e tranquilidade. “Assim que vi a publicação liguei para avisar a vereadora, mas ela já estava dormindo e hoje pela manhã ela respondeu e imediatamente tirou a postagem do ar, farei isso com qualquer parlamentar que perceber que está inconveniente”, disse.

No mesmo sentido, o vereador Palhaço Soneca disse que quando viu a postagens nas redes sociais imaginou que seria um equívoco. “Vereadora, já se sinta desculpada porque sei que todos cometem erros, mas é bom conversar com sua assessoria para não cometer mais esse tipo de erro”, afirmou.

Por fim, a vereadora Sheyla Galba se pronunciou. “Eu quero deixar claro que não criei nenhum card, foi minha assessoria que repostou a publicação e assim que o erro foi percebido, foi retirado do ar”, explicou agradecendo aos vereadores que entenderam e que irá fazer um vídeo explicando e pedindo desculpas pelo erro.

Fonte: Ascom CMA

O que você está buscando?