Motorista que atropelou policial militar se apresenta à polícia

Redação, 14 de Agosto , 2021


Acompanhado de um advogado, o motorista que dirigia um veículo Fiat, modelo Uno, com placas de Nossa Senhora Aparecida (SE), que provocou o acidente na Rodovia SE - 175 e causou a morte do Sargento PM Marcos Luís Santos Lima de 46 anos, se apresentou na Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Copci) na manhã desta quinta-feira (12).

 O homem de 79 anos, possuidor de Carteira Nacional de Habilitação (CNH), foi ouvido pela autoridade policial e depois liberado. O idoso se evadiu logo após o acidente e por isso deve ser indiciado por não ter prestado assistência ao PM. O carro foi abandonado na cena do ocorrido.

 

Com lesões gravíssimas, o Sargento PM Lima foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) e levado para o Hospital Regional Governador João Alves Filho, em Nossa Senhora da Glória (SE), mas não resistiu aos ferimentos. O caso foi registrado como homicídio culposo e sem socorro à vítima.

 

Sargento PM Lima morava na cidade de São Miguel do Aleixo (SE) e havia entrando na Polícia Militar de Sergipe (PM/SE) em 1998. Com mais de 22 anos de serviços prestados à corporação, ele estava lotado na 3.ª Companhia do 3° Batalhão da Polícia Militar (3.ª CIA/3.ºBPM). (Fotos: Mais Notícias/WhatsApp)

Da Redação: Gilson de Oliveira
Contatos: gilsondeoliveira@gilsondeoliveira.com.br

O que você está buscando?