5 presos por corrupção de menores, tráfico e porte ilegal de arma têm prisão preventiva confirmada

Redação, 12 de Setembro , 2021


Foram convertidos nesta sexta-feira (10) em prisões preventivas, os flagrantes de cinco pessoas pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menores.  Os policiais civis das 1ª e 2ª Divisões da Delegacia Regional de Lagarto prenderam na quinta-feira (09) os suspeitos Fabrício dos Santos Andrade, 25 anos, Mateus Santos Andrade, 26, e Michael Souza dos Santos, 19. Na ação policial, também foi preso Douglas dos Santos, 18, pelos mesmos crimes e também por tráfico de drogas. Um adolescente foi apreendido por ato infracional semelhante ao porte ilegal de arma de fogo.

De acordo com o delegado Allison Lial, a equipe fazia diligências quando se aproximou de um grupo de cinco pessoas, em uma esquina do bairro Pratas, em Lagarto. “Ao perceberam a presença da viatura policial, os indivíduos, demonstrando nervosismo descomunal, aproximaram-se uns dos outros, ao passo que transferiram entre si um objeto escuro, similar a uma arma de fogo. Com a voz de abordagem, eles tentaram fugir, mas foram alcançados e revistados”, detalhou.

Com o grupo foi encontrada uma arma de fogo do tipo revólver, calibre 38, com seis munições intactas, havendo, ainda, em posse de Manoel, 17 buchas contendo substância semelhante à maconha.

O delegado Matheus Cardillo destacou que a ação policial revelou a posse da arma de fogo por mais de uma pessoa, o que também indicou a configuração do crime de corrupção de menores. “Foram lavrados os respectivos procedimentos e encaminhados ao Poder Judiciário”, acrescentou.

O delegado Allison Lial relembrou que, no mês passado, em operação conjunta com militares do 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM), Manoel Douglas havia sido preso em flagrante delito pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas, sendo-lhe aplicadas medidas cautelares diversas de prisão naquela situação.

Fonte e foto SSP

O que você está buscando?