Additive Manufacturer Green Trade Association comissiona seu primeiro projeto de pesquisa de avaliação de ciclo de vida

Redação, 13 de Setembro , 2021

A Additive Manufacturer Green Trade Association (AMGTA), um grupo comercial global criado para promover os benefícios ambientais da manufatura aditiva (additive manufacturing, AM), anunciou hoje no RAPID + TCT 2021 que selecionou o Golisano Institute for Sustainability (GIS) do Rochester Institute of Technology para promover uma avaliação de ciclo de vida (life-cycle assessment, LCA) comparando um componente aeroespacial projetado e manufaturado aditivamente com um componente manufaturado tradicionalmente. O estudo, que terá conformidade ISO 14040, comparará os impactos ambientais do início ao fim de um suporte de uma turbina de motor a jato de baixa pressão (low pressure turbine, LPT) produzido através de métodos tradicionais de manufatura com um produzido via MA.

Este comunicado de imprensa inclui multimédia. Veja o comunicado completo aqui: https://www.businesswire.com/news/home/20210913005800/pt/

Photo courtesy of Sintavia

Photo courtesy of Sintavia

“Este novo estudo incluirá até 18 indicadores ambientais diferentes para quantificar os impactos ambientais que um suporte de motor a jato de LPT causa durante todo seu ciclo de vida – desde extração de material, manufatura, transporte, uso e seu eventual fim de vida”, disse Sherry Handel, diretora executiva da AMGTA. Handel acrescentou: “Esses dados serão comparados com um suporte de LPT projetado e fabricado de maneira tradicional para determinar exatamente onde a fusão da camada de pó da tecnologia de MA resulta em impactos ambientais mais baixos”. Através de sólidos e independentes estudos de pesquisa, a AMGTA continuará publicando relatórios de pesquisa que avançam na sustentabilidade ambiental no setor de manufatura aditiva.

O relatório LCA será analisado por colegas em um painel com três especialistas de LCA para garantir que a metodologia, dados, suposições, resultados e conclusões sejam precisos. O relatório deve ser publicado na primavera de 2022 e as principais descobertas serão anunciadas na RAPID + TCT em maio de 2022.

Sobre a AMGTA. A AMGTA foi fundada em novembro de 2019 para promover os benefícios ambientais da manufatura aditiva (MA) em comparação com os métodos tradicionais de manufatura. A AMGTA é uma organização não comercial e sem vínculos, aberta a qualquer fabricante que adote o método aditivo ou parte interessada do setor que atenda a certos critérios relacionadosàsustentabilidade de produção ou processo.

Sobre a GIS.A GIS é uma organização líder em educação e pesquisa de sustentabilidade do Rochester Institute of Technology. A GIS é composta por um diverso conjunto de programas acadêmicos e centros de pesquisa aplicada focados na otimização de sistemas industriais para maximizar a eficiência de material e energia enquanto minimiza impactos ambientais adversos.

Para outras informações, acesse www.amgta.org.

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.


Contato:

Sherry Handel

+1 954.308.0888


Fonte: BUSINESS WIRE

O que você está buscando?