Vereadora é expulsa do PT depois de retirar assinatura de Requerimento

Redação, 17 de Setembro , 2021 - Atualizado em 17 de Setembro, 2021

 

A vereadora de Nossa Senhora do Socorro, Jeane do Posto (PT), foi expulsa do Partido dos Trabalhadores no último dia 16 de setembro após retirar assinatura de Requerimento que convocava o prefeito Padre Inaldo (PP) a Câmara de Vereadores para prestar esclarecimentos sobre a solicitação de aumento por parte dos servidores efetivos. A iniciativa da oposição necessitava de uma assinatura para tramitar na Casa Legislativa.

Em uma atitude totalmente antidemocrática e sem respeitar a liberdade de escolha da parlamentar, o diretório municipal da Sigla, comandado por Klewerton Siqueira, emitiu documento comunicando o deslizamento. “O mandato para qual edil fora eleita pelo voto direto é, antes de tudo, do partido que a conduziu a Câmara Municipal, razão pela qual informa que diante dos fatos convocada assembleia extraordinária”, disse o documento.

Apesar de ter sido eleita pelo PT, a vereadora integra a base de sustentação do prefeito na Câmara. No Estado, o PT e o PDT, principal partido que faz oposição a administração municipal, são aliados. O irmão do deputado federal Fábio Henrique, presidente do PDT, trabalha em Brasília em cargo com indicação do senador e presidente do PT, Rogério Carvalho.

O que você está buscando?