Ex-deputado federal sergipano condenado e cassado, recebe quase 20 mil mês

Redação, 20 de Setembro , 2021 - Atualizado em 20 de Setembro, 2021


Cassado e condenado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por improbidade administrativa, o ex-deputado federal Jerônimo Reis (MDB) recebe mensalmente uma aposentadoria de R$ 18.690,24, paga pelo Congresso, segundo informações divulgadas pelo portal de notícias Metrópoles.

 

Segundo o Metrópoles, a Câmara Federal cassou o mandato de Jerônimo Reis (MDB-SE) em agosto de 2010, atendendo ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que condenou o ex-deputado por improbidade administrativa por nomear funcionários fantasmas quando era prefeito do município de Lagarto, em Sergipe.

Veja os deputados que foram condenados:

Roberto Jefferson (PTB-RJ) – R$ 23.344,70;

Pedro Corrêa (PP-PE) – R$ 22.380,05;   

Jerônimo Reis (MDB-SE) – R$ 18.690,24;

Juvenil Alves (PRTB-MG) – R$ 17.556,76;

Carlos Benevides (MDB-CE) – R$ 12.070,27;

Raquel Cândido (PTB-RO) – R$ 12.070,27;

José Dirceu (PT-SP) – R$ 9.646,57;

José Geraldo (MDB-MG) – R$ 8.778,38;

Narciso Mendes (PP-AC) – R$ 8.778,38.

Com informações de Metropolis

Matéria publicada 

O que você está buscando?