Vereadora cobra posicionamento do prefeito de Aracaju sobre denúncia do MPF contra o Hospital de Campanha

Diálogos entre empresário e gestores da prefeitura era de torcida para que o Coronavírurs agisse por muito tempo

Redação, 21 de Setembro , 2021

A denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal – MPF sobre uma possível associação entre agentes públicos e particulares com o intuito de fraudar a licitação do Hospital de Campanha de Aracaju foi o tema do discurso da vereadora Sheyla Galba (Cidadania), na Sessão desta terça-feira, 21, da Câmara Municipal. 

A parlamentar lembrou que o deputado Samuel Carvalho tentou visitar o HCamp, mas foi barrado. “À época eu disse ao deputado que havia algo errado para não o deixarem entrar e ver como estavam as coisas. Isso deixou uma pulga atrás da orelha e infelizmente tudo veio à tona na última quinta-feira (16)”, frisou.

No discurso, Sheyla Galba fez a leitura de alguns trechos dos diálogos entre o empresário e gestores da prefeitura apresentados na denúncia do MPF. “Em um deles, pasmem, há até torcida para que o Coronavírurs agir por muito tempo. Estas frases são estarrecedoras, diálogos que destroem toda uma conjuntura, ditas por pessoas que não têm sentimentos, que não têm amor ao próximo”, enfatizou.

“Quantas vidas se foram? Homens e mulheres que eram pais, mães ou outro familiar. Quantas ainda seguem internadas com Covid-19? Tenho certeza que cada um de nós passamos pela dor da perda ou de um ente querido internado numa UTI”, complementou.

A vereadora cobrou um posicionamento do prefeito de Aracaju sobre a denúncia apresentada pelo MPF. “Até o momento não deu nenhuma explicação sobre essas frases que foram extraídas. Deixamos o apelo para que venha a público falar à população o que está acontecendo. Por que não vem dizer que é mão firme e contra a corrupção e quero que tudo seja investigado? Foram várias vidas perdidas. Estou indignada com toda essa situação que, mesmo grave, parece que colocaram panos quentes”, salientou.

O que você está buscando?