Morre delegado Marcelo Hercus após passar mais de 20 dias internado

Redação, 17 de Outubro , 2021 - Atualizado em 17 de Outubro, 2021


Morreu na madrugada deste domingo (17) o delegado Marcelo Hercos Lyrio, de 42 anos, no Hospital São Lucas, onde estava internado. As informações são de que ele morreu por volta das 02h30.

O delegado foi baleado num posto de combustível na Avenida Melício Machado no dia 21 de setembro, enquanto fazia compra em uma loja de conveniência, quando tomou conhecimento de que marginais estariam passando cédulas falsas no estabelecimento comercial e resolveu atuar, tendo um dos elementos reagido e atirado no Marcelo Hercos.

Após os disparos o delegado foi socorrido para a UPA Fernando Franco e posteriormente para o HUSE, onde ficou por alguns dias até o quadro ser estabilizado, e em seguida transferido para o Hospital São Lucas, onde permaneceu internado lutando pela vida.

SSP Lamenta morte do delegado

O secretário de Segurança Pública, João Eloy de Menezes, e o Delegado-geral, Thiago Leandro, lamentam profundamente o falecimento do Delegado Marcelo Hercos Lyrio, 42 anos. Ele faleceu por volta de 3h20 da manhã deste domingo (17), no Hospital São Lucas, em Aracaju. Hercos estava internado desde o dia 21 de setembro, mas não resistiu aos ferimentos causados por disparos de arma de fogo durante sua intervenção em uma ocorrência policial no bairro Aruana, Zona de Expansão da capital.

Marcelo Hercos Lyrio era casado, ingressou na Polícia Civil de Sergipe no dia 26 de dezembro de 2006. Era formado em Direito e com especializações em Direito Penal e Processual Penal e Gestão Estratégica de Segurança Pública. Ele era o titular da 7ª Delegacia Metropolitana, sediada no conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro.

Durante sua trajetória profissional de mais de 16 anos, Marcelo Hercos ocupou os cargos de Delegado Regional de Itabaiana e das cidades de Boquim, Pedrinhas, Porto da Folha, Japaratuba, Pirambu e 9ª Delegacia Metropolitana, no bairro Santa Maria, em Aracaju. O jovem delegado também atuava em apoio a Delegacia de Proteção Animal e Meio Ambiente (Depama) nos municípios do interior de Sergipe.

Profissional empenhado, Marcelo participou de diversos cursos de aperfeiçoamento no Brasil e no exterior ao longo da carreira, tais como: Estágio de Aplicações Táticas, promovido pelo BOPE da PM do Rio de Janeiro, Curso de Táticas Defensivas, Course Negotiations and Hostage Rescue, Cati Tactical Training, Capacitação no Emprego da Carabina Armalite 5,56 MM, modelo m15, entre outros.

O Delegado-geral, Thiago Leandro, ressalta que a partida do jovem e talentoso delegado deixa uma lacuna na Polícia Civil, mas que sua história de coragem, destemor e de grandes serviços prestados ao povo de Sergipe jamais serão esquecidos.

As informações sobre o local do velório e sepultamento serão repassadas pela família no decorrer da manhã deste domingo.

Com informações do bolg Espaço Militar

O que você está buscando?