Pai denuncia genro por manter gestante em situação de cárcere privado

O pai da vítima relatou que o último contato que teve com a filha foi através de uma chamada de vídeo em que a ela apareceu com escoriações no rosto

Redação, 25 de Novembro , 2021

Na manhã desta quinta-feira, 25, equipe de policiais da Delegacia da Mulher realizou a prisão em flagrante de um homem de 30 anos por submeter a companheira gestante à situação de cárcere privado e violência doméstica. A prisão aconteceu na zona norte da cidade de Aracaju.

Segundo informações, o pai da vítima foi o autor do registro do boletim de ocorrência em Nossa Senhora das Dores, em que relatou a dificuldade em conseguir manter contato com a própria filha, residente de Aracaju.

O pai, que estava há uma semana sem notícias, relatou ainda que o último contato que teve com a vítima foi através de uma chamada de vídeo em que a mulher apareceu com escoriações no rosto alegando estar prestes a perder o bebê e que o seu companheiro não a permitia sair de casa.

Após diligência nas investigações, a equipe de policiais da Delegacia da Mulher encontraram a vítima bastante lesionada, e o agressor que já possuía um mandado de prisão definitiva pelo crime de roubo, que também foi cumprido.

O que você está buscando?