Corpo de Bombeiros recebe três novas viaturas de combate a incêndios em vegetação

Redação, 08 de Janeiro , 2022

 


O Corpo de Bombeiros receberá três viaturas tipo viaturas Auto Bomba Tanque Florestal (ABTF). O valor do investimento é de R$ 2.054.400,00, provenientes do convênio n° 906668/2020 com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) com verbas de Emenda da Bancada Federal do Estado. A previsão é que duas viaturas cheguem até o dia 11 de janeiro e a terceira até o final deste mês.

As viaturas foram adquiridas por meio de processo licitatório de adesão à Ata de Registro de Preço ARP n° 229/2020 – SEGEP/MA (Maranhão), para combate a incêndios em vegetação. As viaturas serão alocadas no Quartel do Comando Geral (QCG), em Aracaju, e em Itabaiana e Estância.

O investimento representa melhorias no atendimento e na conservação dos veículos atuais para o atendimento em área urbana, já que as viaturas utilizadas atualmente nas emergências de incêndio em vegetação são as mesmas que se utilizam no perímetro urbano, desenvolvida para rodovias típicas de cidades. O uso continuado de viaturas urbanas em regiões rurais, com terrenos desprovidos de estradas pavimentadas tem impactado na manutenção dos veículos.

As novas viaturas são específicas para atender esse tipo de ocorrência já que possuem Tração 4 X 4, estruturas tipo quebra galhos e matos, aspersores de proteção, possibilidade de combate ao incêndio em movimento, carretéis traseiros, laterais com 100 metros para combate aos incêndios, tanque de 7.500 litros e bomba com capacidade de 500 galões por minuto.

Os novos veículos levam em consideração a intensidade de um incêndio e a velocidade com que ele avança estão ligados à umidade relativa, a temperatura e à velocidade do vento, dados vitais que os corpos de bombeiros utilizam para o planejamento de prevenção e combate aos incêndios florestais, já que uma das consequências desses incêndios é uma preocupação mundial quando da queima de biomassa vegetal que contribui para o aquecimento global.

Com a aquisição das novas viaturas o Corpo de Bombeiros irá reduzir o tempo de atuação no combate a incêndios em vegetação evitando a propagação do incêndio, reduzir os danos ambientais e diminuir gastos com manutenção de viaturas de salvamento, garantindo também a segurança e a proteção das guarnições de bombeiro militar das unidades atendidas no projeto.

 

Por: ASN

O que você está buscando?