Acidente mata cantor sertanejo de 39 anos

Noticias, 22 de Janeiro , 2022

 


O motociclista que morreu vítima de um acidente de trânsito no final da tarde de sexta-feira (21) em Joinville era Robson de Oliveira, de 39 anos. O homem era cantor sertanejo e fazia dupla com o primo Cleverson Lisboa há cinco anos.

A dupla Brayan e Lorenzo nasceu há cinco anos pelo amor que ambos têm pela música e os nomes foram escolhidos em homenagem aos filhos dos cantores — Bryan tem 11 anos e é filho de Robson, já Lorenzo tem seis e é filho 

 
O primo conta que Robson era um apaixonado pela família e não media esforços para trazer a alegria de todos. Na última terça-feira (18), o homem havia comemorado seu aniversário.

“Ele adorava cantar. Tinha um timbre que fazia lembrar o Bruno, da dupla Bruno e Marrone. Encantava o público com sua voz”, afirma Cleverson.

Cleverson, que fazia a segunda voz, é executivo de vendas e Robson trabalhava como vendedor, em uma empresa de bebidas da cidade. Cantar significava uma renda extra para ambos que faziam shows durante o fim de semana. A ideia era que, futuramente, pudessem viver apenas da música.

“Nossa última conversa ontem foi sobre isso. Mas a jornada foi encerrada devido a uma fatalidade”, lamenta.

A última apresentação de Bryan e Lorenzo aconteceu no dia 15 de janeiro.

Robson era natural de Mafra e será velado a partir de partir das 11h30min deste sábado (22) na Capela Mortuária Municipal da cidade neste sábado. Seu corpo também será sepultado no município, no entanto, o horário ainda será definido.

 

O que você está buscando?