PSD de Sergipe contrata escritório de advocacia para tentar cassar pré-candidatura de Valmir de Francisquinho

Noticias, 20 de Junho , 2022 - Atualizado em 20 de Junho, 2022

 


Uma ação, a partir de Sergipe, está em Brasília com o objetivo de inviabilizar a pré-candidatura de Valmir de Francisquinho (PL). Desta vez foi o presidente do PSD sergipano, Jeferson Andrade, que autorizou a contratação pelo seu partido dos escritórios Boverio & Machado Advogados e  Sérgio Victor Advocacia para atuarem como assistentes contra Valmir no processo que pode resultar em sua inelegibilidade.

O julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), iniciado no último dia 2, tem data para ser retomado: dia 23 de junho. E a situação, até este momento, é um voto contra Valmir, do relator Sérgio Banhos. Em seguida, o ministro Carlos Horbach pediu vistas, com o julgamento sendo, então, suspenso, e retornando a pauta do TSE ainda esta semana.

A intenção do PSD de Sergipe é participar, como assistente, da acusação de abuso de poder político originada nas eleições de 2018 e, com isso, tirar um dos principais competidores pelo governo estadual, uma vez que Valmir de Franciquinho lidera todas as pesquisas de intenção de voto até este momento na eleição sergipana.

Essa ação, inegavelmente, favoreceria os demais pré-candidatos, inclusive um dos principais membros do PSD, deputado federal Fábio Mitidieri, que também é um desses pré-candidatos, demonstrando a razão principal do interesse do PSD em participar do julgamento contra Valmir de Francisquinho.

 

Por: Faxaju

O que você está buscando?