Governo Federal anuncia construção da Ponte Penedo (AL) / Neópolis (SE)

Redação, 19 de Julho , 2023

 

Foto: digital da obra

 


Uma semana após o Governo Federal intensificar a atuação emergencial conjunta para auxiliar a população atingida pelas chuvas em Alagoas, o ministro dos Transportes, Renan Filho, reforçou que a pasta continua monitorando de perto a situação dos municípios afetados. “Tivemos uma rede muito ágil e efetiva, com apoio do governo do estado e alinhados a outros ministérios, e conseguimos garantir as condições rodoviárias nas cidades atingidas”, declarou o ministro, em entrevista nesta segunda-feira (17).

Como parte dessa integração, Alagoas foi incluída na medida provisória editada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que permitiu o repasse de R$ 280 milhões para os estados que registraram prejuízos – Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Pernambuco completam a lista. “Os recursos já estão chegando aos municípios, conforme determinado pelo presidente Lula, o que representa uma diferença muito grande em relação às últimas enchentes que ocorreram no estado, quando a União se afastou da população”, avaliou Renan Filho.

No segmento de transportes, as equipes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) atuaram prontamente para que não houvesse bloqueio nos trechos das BR-101/AL, BR-104/AL, BR-316/AL, garantindo, dessa forma, que as comunidades afetadas continuassem recebendo insumos e atendimento. Além disso, o DNIT e o Departamento de Estradas de Rodagem de Alagoas firmaram acordo de cooperação técnica para recuperação de 130,6 km de rodovias estaduais que foram danificadas por absorverem o fluxo de tráfego: o recurso para a ação soma R$ 42 milhões.

Obras fundamentais
O desafio para garantir o melhor funcionamento da malha viária de Alagoas está em dar continuidade a obras estruturantes que ocorrem no estado, conforme explicou o ministro dos Transportes. No total, serão R$ 429 milhões destinados pelo Ministério dos Transportes somente em 2023, orçamento 3,3 vezes maior do que o aplicado em Alagoas no ano passado. Toda a malha viária está coberta por contratos de manutenção.

Projeto de grande relevância para a população alagoana e prioridade federal no estado é o Arco Metropolitano de Maceió, fundamental para desviar o tráfego de veículos pesados da área urbana da capital, garantindo maior fluidez viária e mais segurança, por conta da duplicação do trecho na BR-316/AL e na BR-424/AL. A duplicação da BR-104/AL, que faz divisa com Pernambuco, também contribuirá com a conectividade no Nordeste, fomentando o desenvolvimento nos municípios do interior.

Outro destaque é a construção da ponte que ligará os municípios de Penedo (AL) e Neópolis (SE), na região do Baixo São Francisco. Com mais de um quilômetro de extensão e mais 12,5 quilômetros de acessos, a construção facilitará o escoamento dos produtos e aumentará o fluxo de turistas na região. Assim, a obra terá como consequência um estímulo à economia local, diversificando também os serviços ligados ao turismo. O investimento total previsto no projeto é de R$ 320 milhões.

“Estamos trabalhando ativamente nessas obras porque acreditamos que elas são importantíssimas para criar uma conexão entre os estados do Nordeste, fomentando o desenvolvimento de todos eles. Essas medidas serão possíveis se somarmos os nossos esforços aos do governo do estado e da bancada federal”, concluiu Renan Filho.

 

Por: Ministério dos Transportes


Siga os canais do Portal 93 Notícias: YouTube, Instagram, Facebook, Threads e TikTok

Participe da comunidade da 93 Notícias no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

O que você está buscando?

google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc