Base aliada se “desintegra” na CMA porque Edvaldo não lidera nada!

Habacuque, 25 de Agosto , 2023 - Atualizado em 25 de Agosto, 2023

A falta de liderança do prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), “esquentou” os bastidores da Câmara Municipal nessa quinta-feira (24). Os “conflitos” recentes entre o vereador Josenito Vitale (PSD), o “Nitinho”, e o PDT (legenda comandada pelo prefeito), ganharam “novos capítulos” após um pronunciamento duro feito pelo também vereador Professor Bittencourt (PDT) em defesa de Edvaldo e bastante “ácido” sobre a postura do colega de parlamento que se coloca como pré-candidato a prefeito da capital no próximo ano.

Bittencourt “puxou o coro” de “ingrato” para Nitinho recordando que ele foi presidente da Câmara Municipal “graças o apoio e à intervenção” de Edvaldo; o também vereador Anderson de Tuca (PDT) ratificou algumas falas de Bittencourt e só restou a Nitinho, durante a sessão, se inscrever para a Explicação Pessoal antes do término dos trabalhos. No seu momento, o vereador do PSD rebateu, também de forma dura, as colocações feitas em plenário pelo pedetista, mas ainda “direcionou sua artilharia” para o vereador Vinícius Porto (PDT).

Nitinho falou dos compromissos assumidos e cumpridos com Edvaldo, deu ênfase a sua amizade e lealdade ao governador Fábio Mitidieri (PSD) e trouxe fatos políticos do passado mais distante e de um passado bem recente para rebater as narrativas de Bittencourt e de Vinícius Porto. Não fosse a intervenção do presidente da Casa impedindo novas inscrições na Explicação Pessoal, talvez os embates persistissem e ficassem ainda mais “acalorados”! Mas o que mais chama a atenção deste colunista é que, entre os “divergentes” não existem adversários do prefeito.

Ou seja, o impasse que tem “aquecido” o ambiente nos bastidores da CMA é fruto, exclusivamente, de membros da base aliada do prefeito de Aracaju! Não envolveu vereadores da oposição! Mas componentes de um agrupamento que não têm um denominador comum sobre a escolha do nome para representa-los nas eleições do próximo ano. Como não tem direito à reeleição e como já não lidera quase mais nada, Edvaldo só “assiste a tudo, em cima do muro”, permitindo a “desintegração” do seu grupo e, inclusive, dificultando sua sucessão.

O governador Fábio Mitidieri é a maior liderança do agrupamento, é verdade, mas é preciso sim iniciar um pouco de tratativas políticas, envolvendo, inclusive, todos os pré-candidatos a prefeito de Aracaju, como o “galeguinho” Belivaldo Chagas e o secretário de Estado Luiz Roberto Dantas, por exemplo. Edvaldo tem que ser ouvido, mas deixa-lo no comando desse processo pode findar prejudicando o projeto de grupo como um todo! Sua falta de articulação política gerou todo esse “conflito” em sua base na CMA. E isso tem reflexos negativos para o bloco de situação. É chamar o feito à ordem...

 

Veja essa!

A fala do vereador Nitinho em relação ao colega Vinícius Porto reacende uma disputa interna entre os dois que é bem antiga no parlamento municipal, desde os tempos de Democratas, quando eram liderados pelo ex-governador João Alves Filho (in memoriam).

 

E essa!

Nitinho e Vinícius travaram nos bastidores da CMA uma disputa pela indicação para a presidência da Casa. Na última gestão de João na PMA, Vinícius foi o presidente por quatro anos. Já com Edvaldo, Nitinho venceu a “queda de braço” e presidiu a Câmara por seis anos. Recentemente, quando Vinícius ensaiava um retorno apoiado por Edvaldo, Nitinho atuou para Ricardo Vasconcelos vencer a eleição.

 

Poucos votos

Já sobre Bittencourt, Nitinho lembrou que o “líder” Edvaldo Nogueira o apoiou para deputado federal em 2022 e o vereador não obteve a eleição com menos de 1.800 votos nas urnas. “Um amigo como estes (Edvaldo), que o senhor acompanha há 28 anos, eu não vejo uma movimentação do seu líder a seu favor! Eu não quero um amigo desses ao meu lado”.

 

Alô Salgado!

A coluna recebeu uma série de apelos dos sofridos moradores do povoado Quebradas 3, no município de Salgado. As denúncias são de total abandono e profundo descaso da prefeitura municipal. As pessoas reclamam do acesso ao povoado, onde a estrada vicinal fica impraticável nos dias chuvosos.

 

Descaso total!

Os denunciantes reclamam que nos dias de chuva a estrada fica tão ruim que muitos veículos não conseguem acessar o povoado, deixando os moradores do Quebradas 3 quase que ilhados! A Prefeitura de Salgado precisa não apenas se pronunciar a respeito, como também tomar as devidas providências. Não adianta cuidar da sede do município e deixar as demais localidades de lado!

 

Exclusiva!

Um prefeito do interior sergipano conversou com este colunista e sentenciou: a queda nos repasses do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) vai quebrar uma série de pequenas prefeituras, sobretudo da região Nordeste. Sem outras receitas, os prefeitos estão insatisfeitos com o início do governo Lula (PT) e já planejam uma “paralisação geral” em breve...

 

Bomba!

O mesmo prefeito explicou para este colunista: “se não tiver uma resolução para o problema financeiro das prefeituras, no final deste ano teremos uma onda de demissões de cargos comissionados e atrasos nos salários dos servidores. Muitas prefeituras não terão como pagar o 13º salário nas condições atuais”. Detalhe: o prefeito disse que aconteceu algo parecido nos governos de Dilma Rousseff (PT). Que fase!

 

Breno Garibalde I

O vereador Breno Garibalde trouxe mais uma vez o alerta sobre os acidentes com ciclistas na capital sergipana, citando o atropelamento de mais uma pessoa. O fato ocorreu na avenida Hermes Fontes. “Aconteceu mais um acidente com ciclista em Aracaju. O que está acontecendo com a nossa cidade? É ciclista todo dia sendo atropelado em Aracaju. Até quando a gente vai ficar vendo isso acontecer e não fazer nada? Precisamos entender sobre a importância da mobilidade ativa. Pedestres e ciclistas precisam ser prioridade, e eles não são vistos dessa forma em Aracaju”, declara Breno.

 

Breno Garibalde II

Para o parlamentar os corredores de ônibus vêm com uma grande vantagem, visto que dá mais rapidez e facilita o deslocamento da população que reside em áreas mais afastadas da cidade e anda de ônibus. Mas, ainda é preciso fazer mais pela mobilidade urbana de Aracaju. “É a terceira vez nesse mês, que eu subo na tribuna para falar de acidente com ciclista em Aracaju. Sabemos dos esforços da SMTT para educar o trânsito na Hermes Fontes, mas não pode continuar do jeito que está. Mobilidade só funciona quando todos os modais estão integrados”, disse o vereador.

 

Breno Garibalde III

Ainda segundo Breno, a população precisa ser incentivada a usar a bicicleta como transporte. “As pessoas não podem ficar com medo de andar de bicicleta na nossa cidade, saírem sem saber se vão voltar. É necessário refletir sobre o modelo de cidade que queremos para viver. Por isso, deixo mais uma vez o apelo para que tenhamos educação no trânsito com os ciclistas, com os pedestres. Precisamos rever a nossa política de mobilidade urbana em Aracaju”, pontua. 

 

Alô São Cristóvão!

Festival de Artes de São Cristóvão (Fasc) passa a ser bem de interesse cultural. O projeto de Lei de autoria do deputado estadual Paulo Júnior (PV) foi aprovado reforçando a importância histórica e cultural de São Cristóvão, a quarta cidade mais antiga do País.

 

Festival de Artes

O Festival reúne diversas manifestações culturais (música, teatro, literatura) sendo um espaço de produção e divulgação cultural, atraindo turistas e movimentando a economia local. Este ano, a 51º edição está prevista para dezembro. De acordo com a Prefeitura do município, as atrações ainda não estão definidas, mas o público pode esperar uma programação plural, voltada para atrair pessoas de todas as idades, interessadas em conhecer a amplitude do universo artístico.

 

Paulo Júnior

“O Festival de Artes é um patrimônio de São Cristóvão e de Sergipe. Um espaço diverso e de resistência cultural, política, social. São 50 edições reunindo artistas sergipanos e nacionais e sendo palco de novos talentos. O dinamismo do Fasc ultrapassa o território de nossa cidade para se firmar, de forma justa, como bem de interesse cultural do estado. É na cidade mãe que nossa identidade é exaltada e ressignificada, todos os anos, no Festival de Artes de São Cristóvão. Agradeço aos colegas pela aprovação do projeto”, disse Paulo Júnior.

 

Alessandro Vieira I

O senador Alessandro Vieira divulgou a lista dos projetos classificados para a etapa final do Edital de Emendas Participativas 01/2023. Ao todo, são 125 projetos inscritos por Organizações Sem Fins Lucrativos e Cooperativas de Agricultura Familiar ou de Reciclagem; Hospitais Filantrópicos; Instituições Públicas de Ensino da Rede Federal (UFS, HU-UFS e IFS); Guardas Municipais e Superintendências Municipais de Transportes e Trânsito (SMTTs) e que vão para a etapa final, de votação popular.


Alessandro Vieira II

O Edital de Emendas Participativas é uma iniciativa do senador Alessandro que inovou a forma de destinar recursos públicos para Sergipe. As emendas participativas colocam o poder de escolha do destino do recurso na mão do cidadão, que acessa o site e vota no projeto que ele quer ver beneficiado.

Alessandro Vieira III

“Através das emendas participativas, estamos colocando o poder de escolha nas mãos dos sergipanos, que decidirão quais projetos merecem ser apoiados, quais iniciativas trarão um impacto duradouro e positivo para nossas vidas. Essa abordagem não apenas fortalece a voz de cada um, mas também reforça a ligação entre a esfera política e a comunidade que serve”, ressalta Alessandro. Este ano, um total de 230 projetos foram inscritos. Após análise técnica e verificação dos critérios do Edital, 125 projetos vão para a etapa final, de votação popular, que ocorre de 28 de agosto a 11 de setembro, através do site .

 

Eleição Fecomércio

O Conselho do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac em Sergipe se reunirá na próxima quarta-feira (30) para eleger um presidente interino, que terá 15 dias para organizar uma nova eleição para a presidência da instituição. A informação vem após decisão da Justiça, que identificou fraude no processo eleitoral realizado no ano passado e mandou afastar Marcos Andrade do comando do Sistema.

 

Laércio Oliveira I

Em entrevista à TV Senado, Laércio Oliveira (PP) elogiou o parecer favorável da AGU à pesquisa exploratória na Margem Equatorial, que se estende do Amapá ao Rio Grande do Norte, e voltou a defender a exploração de petróleo e gás no litoral norte e nordeste do país. 

 

Laércio Oliveira II

Laércio destacou o imenso potencial da região e disse que o país deve aproveitar a riqueza do povo brasileiro que está no subsolo. Ele defendeu a atuação do Petrobras na região e lembrou que a empresa seguramente está entre as mais qualificadas do mundo para as atividades de exploração em águas profundas e ultra profundas.

 

Laércio Oliveira III

“A margem equatorial é uma realidade do Brasil. A região norte precisa desta riqueza. É possível cuidar do meio ambiente sem impedir o desenvolvimento. Hoje nós temos uma tecnologia avançada e um time de técnicos e especialistas extremamente competentes. Por isso não podemos ficar presos a dogmas e princípios ultrapassados”, afirmou.  

 

Pastor Diego I

Facilitar o cotidiano do cidadão e favorecer a mobilidade urbana é o que o vereador Pastor Diego (PP) entende que seja necessário de o poder público disponibilizar para contornar as diversas reclamações acerca dos novos corredores exclusivos de ônibus. O parlamentar alertou para a necessidade de permitir que veículos que fazem transporte escolar e taxistas também possam trafegar nestas faixas.  

 

Pastor Diego II

“Precisamos, com urgência, rever algumas situações. É necessário incluir o transporte escolar e veículos de táxi, no direito de acessar as vias que hoje são exclusivas para ônibus. Essa é uma forma de desafogar o que, infelizmente, tem acontecido em nossa cidade. É importante que haja revisão porque senão, estes veículos que também integram o sistema de transporte coletivo, não conseguiram levar o aluno no tempo adequado. Isso vai gerar cada vez mais transtornos”, ressaltou Diego.  

 

Pastor Diego III

Atualmente, a capital conta com quatro corredores: Beira Mar, Augusto Franco, Centro/Jardins e Hermes Fontes. Desde o dia 11 de agosto começaram a entrar em funcionamento e há um esforço por parte da Prefeitura em promover campanhas educativas. Porém, não somente o esclarecimento tem sido necessário para otimizar o fluxo do transporte público e reduzir o estresse do cidadão.

 

Audiência Pública

Enquanto nos três primeiros citados, é permitida a circulação de automóveis em dias e horários preestabelecidos, no corredor da Hermes Fontes as faixas são exclusivas para os ônibus em tempo integral. “Se for o caso, que promovamos uma Audiência Pública e nessa ocasião, vamos ouvir os vereadores da Casa, o Ministério Público, SMTT, representante dos taxistas, lotação, motorista de aplicativo, transporte escolar e afins. Até mesmo ciclistas e toda sociedade para discutir o que está posto e o que pode ser feito para melhorar”, idealizou o vereador.

 

Georgeo Passos I

O deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) solicitou ao governador do Estado, Fábio Mitidieri, e ao secretário de Educação, Zezinho Sobral, que enviem para a Assembleia Legislativa um Projeto de Lei para o pagamento da Gratificação por Atividade em Tempo Integral (GATI) aos secretários escolares que atuam nos Centros de Excelência de Educação em Tempo Integral (CEETI). 

 

Georgeo Passos II

O parlamentar lembrou que os diretores e coordenadores que trabalham nesses centros de excelência já recebem a gratificação e, portanto, nada mais justo do que os secretários também a receberem. “Eles estão se dedicando em tempo integral à atividade escolar, assim como os demais colegas. Não é justo que eles não tenham acesso a esse benefício e que recebam tratamento diferenciado. Isso precisa ser reconhecido e corrigido o quanto antes”, defendeu. 

 

Georgeo Passos III

Para que o pagamento ocorra, é necessário que a Assembleia vote e aprove uma Lei concedendo o benefício. Sendo assim, Georgeo ressalta que espera do governador e do secretário a sensibilidade para corrigir essa injustiça. “São profissionais que estão dedicando suas vidas ao ambiente escolar. Que o Governo possa reconhecer o trabalho deles e oferecer o mesmo tratamento dado aos diretores e coordenadores, incluindo as mesmas gratificações”, finalizou. 

 

Alô Rosário!

Em entrevista concedida ao radialista George Magalhães, da Sim FM, o prefeito César Resende reafirmou que o Município de Rosário do Catete vai ingressar com uma ação judicial para impedir a diminuição de receitas a partir da Lei n° 9.263/23, que dispõe sobre a apuração do Valor Adicionado Fiscal (VAF) e a distribuição de receita proveniente da arrecadação do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS).

 

Inconstitucional!

De acordo com o prefeito, César Resende, esta lei é inconstitucional e vai de encontro à Lei Federal n° 63/90, que dispõe sobre critérios e prazos de crédito das parcelas do produto da arrecadação de impostos de competência dos Estados e de transferências por estes recebidos, pertencentes aos Municípios. “Os critérios definidos pela Lei Federal já são suficientes e são justos na garantia dos direitos do Município de Rosário do Catete. Infelizmente, o maior prejudicado é o povo rosarense”.

 

César Resende I

“A aprovação do projeto foi feita de forma urgente, sem a abertura de um canal de diálogo conosco. Vamos acionar o jurídico para ingressar com uma ação, a fim de garantir que o direito do nosso povo seja respeitado. Tenho diversos programas sociais, projetos, obras, serviços básicos essenciais…enfim, uma gestão! A aprovação desta lei é uma injustiça com o nosso povo!”, desabafou o gestor.


César Resende II

Um dos pontos destacados pelo prefeito, que consolida a injustiça com o município de Rosário do Catete refere-se ao art. 5º § 1º, que estabelece que em relação à produção de substâncias minerais, quando a área da jazida se estender por mais de um município, a apuração do valor adicionado será feita proporcionalmente. “A medida afetará a receita do Município, pois parte destes recursos, seriam enviados para outros municípios. Cabe destacar, que a principal empresa, que paga este imposto, está localizada em Rosário do Catete”, concluiu o prefeito César Resende.

 

Yandra Moura I

A deputada Yandra Moura (União) reafirmou um dos princípios fundamentais que orienta seu mandato: fomentar oportunidades de emprego para os jovens. Ela considera esse assunto de suma importância e uma causa que abraça desde o início de sua carreira política.

 

Yandra Moura II

Ao aprofundar o tema, Yandra celebrou a diminuição da taxa de desemprego no país, mas mostrou preocupação com o índice entre os jovens brasileiros. “Presenciar o desemprego cair para 8% no segundo semestre deste ano é, sem dúvida, motivo de esperança; no entanto, entre os jovens, essa cifra ultrapassa um pouco mais de 16%, o dobro”, informou a deputada.

 

Yandra Moura III

Ao defender a importância de iniciativas que gerem emprego para os jovens, a parlamentar sergipana enfatizou que as empresas procuram por profissionais com experiência, pois geralmente não possuem o tempo nem os recursos financeiros para investir na formação de novos colaboradores. “Os jovens, por outro lado, anseiam por uma oportunidade para desenvolverem-se”, disse ela.

 

“Primeiro emprego”

Yandra enalteceu a ação do governador Fábio Mitidieri (PSD) e do secretário de Estado do Trabalho, Emprego e Empreendedorismo, Jorge Teles, ao lançarem o programa ‘Primeiro Emprego’ em Sergipe. "Uma proposta excepcional, na qual o Governo vai financiar a entrada de jovens que nunca tiveram experiência formal no mercado de trabalho, fornecendo uma bolsa financeira durante os primeiros seis meses", detalhou Yandra.

 

Governador acertou

Para ela, o governador Fábio Mitidieri acertou em cheio com esse projeto, pois, além de cumprir uma promessa de campanha, está atendendo a uma necessidade real do país, que é inserir os jovens no mercado de trabalho. A deputada também ressaltou seu Projeto de Lei 411/2023, que propõe uma política de estímulo à contratação de jovens entre 16 e 29 anos que buscam seu primeiro emprego formal. “Com isso, avançamos, criamos oportunidades e proporcionamos um futuro mais digno para nossa juventude”.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

 

  

  


Siga os canais do Portal 93 Notícias: YouTube, Instagram, Facebook, Threads e TikTok

Participe da comunidade da 93 Notícias no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

O que você está buscando?

google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc api.clevernt.com/3ed9a8eb-1593-11ee-9cb4-cabfa2a5a2de/ google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc UA-190019291-1 google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc