Estudo mostra que sintoma associado à demência pode aparecer ao volante

Sintoma pode se manifestar por meio de erros simples como troca de pedais

Redação, 20 de Novembro , 2023

As estimativas do projeto Global Burden of Disease indicam que, atualmente, cerca de dois milhões de indivíduos vivem com demência no Brasil, e a previsão é de que esse número triplique até 2050. Esse prognóstico é impulsionado principalmente pelo envelhecimento da população, considerado o principal fator de risco para a doença.

Apesar da ausência de uma cura definitiva, existem diversos tratamentos disponíveis para minimizar os impactos do declínio cognitivo associado à demência. Além disso, a detecção precoce da doença aumenta significativamente as chances de controle e alívio dos sintomas.

Especialistas destacam que sinais de demência podem se manifestar em situações cotidianas, como no trânsito, devido à perda de memória, um dos sintomas mais comuns da condição. É durante falhas na memória que alguns pacientes podem começar a receber várias multas de trânsito. Comportamentos suspeitos incluem cometer erros na estrada, confundir pedais e o significado das cores do semáforo, dirigir excessivamente devagar ou realizar mudanças bruscas de faixa. O esquecimento frequente é um alerta, e a busca por atendimento médico é crucial nesse momento.

A direção torna-se perigosa nesses casos, pois tarefas simples, como dirigir, podem se tornar desafiadoras para pessoas com demência, devido à deterioração gradual ou repentina da função cerebral e da atividade cognitiva.

Além da perda de memória, outros sintomas de demência incluem confusão em relação a datas, lugares e identidade, dificuldade em encontrar palavras ou compreender o que é dito, incapacidade de realizar tarefas complexas e tomar decisões, alterações no humor, comportamento e personalidade, e dificuldade em executar tarefas básicas, como se vestir ou preparar refeições.

Apesar da falta de uma cura definitiva, o tratamento visa aliviar os sintomas e melhorar a qualidade de vida do paciente, variando de acordo com a causa específica da demência. Opções incluem medicamentos, terapias cognitivas e ocupacionais, além de mudanças no estilo de vida. O diagnóstico precoce e o acompanhamento médico adequado são essenciais para um tratamento eficaz da demência.


Siga os canais do Portal 93 Notícias: YouTube, Instagram, Facebook, Threads e TikTok

Participe da comunidade da 93 Notícias no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

O que você está buscando?

google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc