DRCC alerta para golpe que utiliza a marca Netflix

Uma mensagem está sendo enviada pelo Whatsapp visando obter o controle do aplicativo de mensagem da vítima.

Aparecido Santana, 20 de Março, 2020

A Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) alerta para um novo golpe que vem surgindo durante o período de isolamento social decorrente da propagação da COVID-19. A ação criminosa ocorre a partir de mensagens enviadas pelo Whatsapp, com a informação de que a Netflix estaria oferecendo gratuitamente serviços durante esse período. O objetivo do crime é clonar o aplicativo de mensagens. 

De acordo com a delegada Rosana Freitas, as pessoas recebem uma mensagem pelo Whatsapp contendo a informação de que a Netflix estaria concedendo acesso durante o período do isolamento. Há um link que redireciona para uma página com as características visuais do site da plataforma de vídeos, onde os criminosos pedem que seja feito um cadastro com perguntas a serem respondidas sobre cuidados na pandemia do vírus. 

A vítima então é orientada a preencher o número de telefone, que muitas vezes é aquele que vinculado ao Whatsapp. Minutos depois, uma mensagem é recebida pelo usuário pedindo que informe uma numeração que foi enviada ao celular. No entanto, esse código é o de ativação do aplicativo de mensagens. Com isso, os criminosos então passam a ter o controle do Whatsapp da vítima, que tem o acesso bloqueado. Eles então se passam pela vítima e passam a pedir transferências bancárias aos contatos dela. 

A Polícia Civil alerta que as pessoas fiquem atentas aos golpes nesta época de isolamento social. Segundo as investigações que seguem em todo o país, os criminosos estão passando a utilizar temas de grande relevância relacionados a COVID-19 para obter dados das vítimas e aplicar golpes em nome delas. Informações e denúncias sobre essas ações criminosas podem ser repassadas pelo Disque-Denúncia (181). 

“Infelizmente os criminosos têm se aproveitado desse momento de epidemia e fragilidade social para aplicar golpes em modalidades cada vez mais diversificadas envolvendo a internet. Eles têm encaminhado links falsos pelas redes sociais e com isso tem atraído um número cada vez maior de vítimas. Um dos golpes tem sido esse link, pelo que verificamos o objetivo é que a pessoa forneça um SMS com seis dígitos que é a senha do Whatsapp para habilitação em outro aparelho. Deixamos o alerta para que não acesse esse tipo de link e que apenas baixe os aplicativos pela loja oficial”, alertou a delegada.

 Atendimento no Depatri apenas pelo telefone: (79) 3194 3100.

SSP-SE.

O que você está buscando?