Gás do Tecarmo será desativo pela Petrobras

Redação, 05 de Abril, 2020 - Atualizado em 05 de Abril, 2020


A Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) vai notificar a Petrobras nesta segunda-feira (06) por estar definindo a desativação de sua Planta de Gás Natural do Tecarmo (PGN/Tecarmo), na avenida Melício Machado, em Aracaju (SE), sem a devida autorização e de forma que poderá colocar a população de áreas próximas em situação de risco.

“Recebemos apenas um comunicado de que isso deverá acontecer, mas sem nenhuma iniciativa legal. Por isso, mandamos a fiscalização no Tecarmo e lá fomos informados de que tudo se encaminha para um processo de hibernação e transferência de equipamentos e atividades para o município de Carmópolis”, disse o diretor-presidente da Adema, Gilvan Das.

O dirigente da ADEMA afirmou que “a Petrobras não pode desativar as atividades deixando a tubulação no subsolo de Aracaju com o restante do gás, o que poderá gerar explosões. Sabe-se que gasoduto desativado cria situações de riscos bem piores que em funcionamento”.

A Petrobras mantém a sua planta de gás na Melício Machado há cerca de 40 anos e, como se trata de área de risco, criou uma rota de fuga. “Agora quer deixar a população realmente em maior risco. Vamos adotar procedimentos legais para barrar esse tipo de comportamento. A empresa já foi intransigente quando colocou em hibernação a Fafen (Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados), em Pedra Branca (Laranjeiras), sem a devida licença ambiental. Vamos exigir uma conduta legal, decente”.

(fonte: Blogo Primeira Mão)

O que você está buscando?