Compras pela internet disparam por conta do coronavírus

Redação, 07 de Abril, 2020 - Atualizado em 08 de Abril, 2020

Por conta do Covid-19 a necessidade do isolamento social impactou no aumento das compras on-line, já que os próprios consumidores buscaram evitar qualquer tipo de contato direto com outras pessoas a fim de se protegerem do coronavírus. Para se ter ideia, a procura cresceu tanto que foi comparado por especialista à Black Friday, onde, dados da Associação Brasileira do Comércio Eletrônico (ABComm) apontam que as vendas pela internet dispararam e registraram um crescimento de 30%. 

“Diante do momento que estamos vivenciando por conta da quarentena é notório observar a mudança no comportamento do consumidor. Hoje o E-Commerce tornou-se um dos principais protagonistas no setor de comércio digital e a tendência é que este cenário continue a crescer, tendo, por sua vez, consumidores engajados nas compras à distância", enfatiza a supervisora de E-Commerce do Ferreira Costa, Jaqueline Alves.

Pesquisas mostram que categorias de bens de consumo chegaram a ter crescimento de mais de 100% no comércio online, como saúde (111%). Segundo Jaqueline, as vendas no Home Center também cresceram significamente. “Através do nosso E-Commerce recebemos uma média de 210 pedidos por dia, onde muitos desses pedidos estão sendo retirados em loja, através da opção Click e Retire, atendendo, claro, todos os parâmetros e requisitos de segurança conforme as orientações da Organização Mundial de Saúde. Além do consumidor ter a oportunidade e facilidade de comprar seus itens on-line, quando ele chega em loja recebe toda estrutura de segurança e conforto. Tudo é realizado muito rápido para evitar qualquer tipo de aglomeração, até porque antes do cliente chegar  à loja o seu nome precisa está confirmado na entrada juntamente com seu pedido”, afirma Jaqueline.

Acostumado a comprar pela internet, o fotógrafo Danillo França comenta que precisou retirar sua compra no Home Center e, ao pegar seu item na loja afirma estar impressionado com a estrutura. “Tudo está sendo devidamente respeitado. Além de termos a opção do produto chegar em casa, caso o cliente precise ir até à loja retirar o seu produto, como foi o meu caso, todo o processo está sendo feito muito rápido. Quase não há nenhum tipo de contato e isso é um fator muito importante”, diz. 
 
Mas, para aqueles que não sabem comprar via internet e precisam obter itens de casa ou até mesmo de material de construção, o supervisor de vendas, Maurício Bispo, afirma que a loja preparou outras alternativas para este tipo de consumidor, como, por exemplo, o serviço de televendas. “Toda a compra é realizada via telefone. O cliente faz todo o processo instruído por um atendente especializado, como estivesse em um driver thru. Assim que a compra for finalizada via telefone, o cliente só terá acesso ao seu item com nome na lista, justamente para evitar qualquer tipo de aglomeração. Ao chegar em loja, seu produto já estará separado e pronto para pagamento. Essa ideia vem agradando muitas pessoas, pois, desde que começamos com esse sistema estamos recebemos inúmeras ligações através do número (79) 3305-2525 ”, finaliza Maurício, enfatizando, ainda, que este serviço está sendo realizado de segunda à sábado das 9h às 18h.

Fonte: Assessoria de Imprensa.
Foto: Reprodução/Internet

O que você está buscando?