Livro discute como a Educação Física é ensinada para alunos com deficiência

Professor da Unit escreveu o estudo a partir de uma tese de doutorado que comparou a formação e o ensino da disciplina em Sergipe e nos Estados Unidos

Um estudo realizado no Programa de Pós-Graduação em Educação (PPED) da Universidade Tiradentes (Unit) lança luz sobre como acontece a formação e o treinamento de professores de Educação Física para a inclusão de alunos com algum tipo de deficiência, também chamados de PcD (pessoas com deficiência). Ele deu origem ao livro “Formação de Professores de Educação Física para a Inclusão: um estudo comparado”, escrito pelo professor Antenor de Oliveira Silva Neto, coordenador operacional do curso de Educação Física da Unit. A obra surgiu a partir da tese de doutorado defendida pelo autor em 2022, no próprio PPED/Unit. 

No livro, Antenor traz uma análise comparativa sobre a formação e preparação dos professores de Educação Física para lidar com a inclusão de alunos com deficiência, a partir do ensino de disciplinas específicas nos cursos de graduação em Educação Física da própria Unit, em Aracaju, e do Springfield College, no estado de Massachusetts (Estados Unidos). Além de se debruçar sobre documentos e regramentos oficiais dos dois países e das duas instituições, o autor acompanhou atividades e entrevistou docentes das disciplinas ministradas nas duas instituições. 

Segundo ele, o livro aborda diversas perspectivas, incluindo a formação de professores de Educação Inclusiva, a situação da Educação Física para pessoas com deficiência no Brasil e nos Estados Unidos, e orientações práticas para melhorar o trabalho docente com esse grupo de alunos. “Ele ainda discute a possibilidade de ampliação do número de disciplinas que abordem os saberes e conteúdos para PcD, alinhando tais conhecimentos a projetos de extensão universitária e outras atividades extracurriculares no interior das universidades, pois a construção sistematizada nesse campo da Educação Física agrega informações e promove experiências, competências e habilidades necessárias à formação nessa área”, aponta Antenor. 

Ainda segundo ele, a tese concluiu que tanto a Unit quanto a Springfield College têm conseguido dar conta de atender às necessidades estabelecidas para o trabalho dos professores na perspectiva da inclusão na conjuntura atual no Brasil e nos EUA. E considera ser necessária a implantação de um programa de formação continuada para os professores formadores e uma orientação docente para um currículo inclusivo na perspectiva da Educação Física para PcD. 

“O livro pretende contribuir para a sociedade e servir de estímulo para continuarmos buscando uma estrutura que garanta as condições para formação adequada e assegure uma educação de qualidade para todos os alunos com e sem deficiência. Espera-se que os laços da educação inclusiva sejam fortalecidos a fim de atender às necessidades contemporâneas de inclusão e enfrentarmos um mundo em constantes transformações”, afirma o professor, que decidiu reescrever o texto e atualizar as abordagens da tese para “trazer um produto que estivesse ao alcance das pessoas de forma geral, não somente de professores de educação física, mas de gestores, educadores e da sociedade em geral, pois a educação de pessoas com deficiência diz respeito a todos”.

O livro “Formação de Professores de Educação Física para a Inclusão: um estudo comparado” foi publicado pela Criação Editora e já pode ser encontrado nas livrarias. 

Autor: Gabriel Damásio

Fonte: Asscom Unit

REDES SOCIAIS

Mais Lidas

CATEGORIAS

Notícias Relacionadas