Memorial de Sergipe: um presente à memória dos sergipanos

Redação, 26 de Outubro , 2023

Às vésperas do Dia da Sergipanidade, celebrado neste dia 24, a Universidade Tiradentes (Unit), juntamente com o Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP), inauguraram a nova sede do Memorial de Sergipe. Após 10 anos, o prédio foi apresentado no último dia 20 para autoridades. A sociedade em geral terá acesso a partir do próximo dia 08.


Para o idealizador do Memorial de Sergipe e reitor da Unit, professor Jouberto Uchôa, vivenciar a entrega desta nova sede significa a realização de um sonho. “Significa também o maior prêmio que Deus me concedeu que é o de lutar pela preservação da memória dos sergipanos. Estou realizado, feliz da vida, agradecido a Deus pela grandeza e às pessoas que colaboraram, aqueles que doaram tantas peças ao Memorial e a todos aqueles que ajudaram a construir essa nova sede. Costumo dizer que ‘ninguém ama o que não conhece’. Por isso, quero que as pessoas que visitem o Memorial e voltem para seus lares amando Sergipe”, conta.

O Memorial de Sergipe se torna um dispositivo vivo para as futuras gerações. “Ele evidencia, ainda, a preocupação da Universidade Tiradentes com os valores humanos que nós temos na terra, preocupados em promover e valorizar a nossa terra”, completa o reitor da Unit, professor Jouberto Uchôa. 

O acervo é diverso e conta com mais de 25 mil itens. “São peças que vão da pré-história até a contemporaneidade. Construir uma narrativa nesse tempo histórico-social, com essa marca da cronologia, foi o grande desafio, usando os objetos da cultura material, pensando a história cultural como uma fonte, afinal, um objeto não tem só aquele valor. Para a museologia, o objeto torna-se um semióforo, um objeto que traduz uma possibilidade, pois é uma fonte de pesquisa, e a partir daí nós fomos dialogando, pesquisando e construindo essa narrativa fazendo uso também da tecnologia. Os vídeos que aqui são apresentados vão justamente dialogar com a cultura material”, explica a museóloga e diretora do Memorial de Sergipe, Sayonara Viana.

Segundo ela, o acervo de Rosa Faria se tornou o fio condutor de toda a exposição do Memorial de Sergipe. “As obras de Rosa Faria são fontes históricas, porque ela pintava e no verso ela transcrevia aquele prato ou um documento e ainda datava. Isso é muito importante, porque a partir dessa data que ela colocava nos pratos, nós pudemos fazer essa narrativa histórica”, detalha Sayonara.

De acordo com o vice-reitor da Unit, professor Jouberto Uchôa Junior, entregar a nova sede do Memorial de Sergipe representa uma grande satisfação, afinal, tudo foi preparado com muito carinho. “É um projeto antigo e pessoal do reitor da Unit e que é hoje uma doação para a nossa sociedade. Reinaugurado neste espaço privilegiado na Orla de Atalaia, próximo aos turistas que nos visitam, com mais fácil acesso para todos os sergipanos, ele deixa um legado para as próximas gerações. Aqui fazemos o resgate de vários temas da nossa cultura e da nossa história, proporcionando experiência sensorial diferenciada: desde peças históricas até a tecnologia com o audiovisual, criando uma experiência diferenciada para quem nos visita. É um equipamento de cultura que a gente entrega para o povo sergipano e um resgate da nossa cultura, da nossa história”, anuncia Uchôa Junior.

O representante da Casa de Cultura Afro-Sergipana, Severo D’Acelino, faz parte de um dos vídeos explicativos e dos mais emocionantes do equipamento cultural. “O Memorial de Sergipe representa toda uma particularidade histórica e um processo de revisitação que só acontece com pessoas que têm coragem e expressão como Uchôa, para destacar a história de homens e mulheres. Não dá para ficar só pensando, não adianta, tem que agir. E hoje Uchôa está aí mostrando o modelo Uchôa de viver, fazendo a diferença”, comenta uma das principais autoridades culturais sergipanas.

Parceria de excelência

O ex-governador Jackson Barreto fez questão de evidenciar a importância histórico-cultural do Memorial de Sergipe. “Trata-se de uma obra de arte de valorização da cultura e da memória de Sergipe. Nós precisávamos muito de um instrumento como este para guardar a memória do nosso estado, dos homens públicos que fizeram o estado de Sergipe na área da economia, da cultura e da vida pública. Eu tenho orgulho de dizer que foi no nosso governo que nós fizemos a concessão passando para a Unit esse prédio que pertenceu ao estado e que nós julgamos por bem preservar nossa memória nas mãos da Universidade Tiradentes”, revela Jackson Barreto.

Representando o governador Fábio Mitidieri, o vice-governador de Sergipe, Zezinho Sobral, evidencia o potencial cultural que o Memorial de Sergipe apresenta aos seus visitantes. “Traz a cultura do nosso estado, por meio da participação do professor Uchôa, que contribui muito com a Educação e com a cultura do nosso estado. Este é um centro de cultura, é um centro de ciências, mas é também uma fonte viva de valorização da nossa cultura, de valorização da nossa gente, e esse Memorial é um grande presente que é dado a todo o povo sergipano. Na condição de representante do governador Fábio Mitidieri, eu quero fazer esse agradecimento ao professor Uchôa e a todos que fazem a Universidade Tiradentes, e dizer que nós estamos felizes e orgulhosos de termos uma instituição como essa, que avança, que cresce, que se moderniza, mas que não perde a sua referência de sergipanidade em meio à semana que se comemora essa data”, avalia Zezinho Sobral. 

Já o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, acredita que o Memorial resgata a história do Estado, a cultura, com um acervo cultural importante. “E tudo isso idealizado por Jouberto Uchôa, que tem um compromisso muito grande com a manutenção da cultura, com a preservação dos nossos valores históricos. Aqui nós vamos ter a representação da nossa história, além de um ponto turístico. Os meninos e meninas de escolas vão poder ver de perto a preservação da nossa cultura, com tudo aquilo que a gente sergipana produziu durante o nosso período histórico. O orgulho de ser sergipano tem como base a nossa história, a nossa cultura e o nosso desenvolvimento e o Memorial de Sergipe é a expressão de todo esse cabedal, né? Quero parabenizar e agradecer a Unit, principalmente ao professor Jouberto Uchôa, por esse compromisso que ele tem com a história, com a manutenção da cultura e com a preservação da nossa memória”, aponta Edvaldo Nogueira.

Memorial de Sergipe

Inaugurado em 20 de janeiro de 1998, o Memorial de Sergipe funcionou até o ano de 2013 na Avenida Beira Mar, nº 626. Por motivos estruturais, precisou ser remanejado para outro ambiente. Desta vez, a instituição museal mantida pela Universidade Tiradentes (Unit) e Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP) funcionará a partir de 08 de novembro de 2023 em nova sede, no prédio da antiga Galeria de Arte Ana Maria Alves, na Praça de Eventos da Orla de Atalaia.

A estrutura possui mais de 25 mil peças em seu acervo bibliográfico, iconográfico e museológico. O acervo se constitui de várias coleções que podem ser classificadas em artes visuais, antropologia e etnografia, ciência e tecnologia, história e imagem e som. 

A iconografia conta com diversos acervos particulares de ilustres sergipanos, que registraram a evolução urbanística da capital e do interior, como as pinturas em pratos de porcelana e azulejo de Rosa Faria, uma arte considerada única no mundo. 

O Memorial também abriga acervos de Constâncio Vieira, Lourival Baptista, Sabino Ribeiro, Francisco Rollemberg Leite, Tobias Barreto, entre outras personalidades.

Já o acervo museológico apresenta mais de 10 mil peças em exposição permanente. Os temas explorados vão desde fósseis marinhos a aparelhos telefônicos do início do Século 20, passando pela formação de Sergipe, cultura popular, entre outros.

A história é sua!

Para conhecer o Memorial de Sergipe a partir do próximo dia 08, a visita deve ser agendada previamente por meio do telefone: 79 98108-1866. O horário de funcionamento será de terça-feira a sábado das 10h às 16h e domingo das 10h às 13h. 

Local: na Praça de Eventos da Orla de Atalaia, atrás da Delegacia de Turismo, em Aracaju.


Asscom Unit


Siga os canais do Portal 93 Notícias: YouTube, Instagram, Facebook, Threads e TikTok

Participe da comunidade da 93 Notícias no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

O que você está buscando?

google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc