Conheça as adversárias do Brasil na Copa Do Mundo Feminina

Jose Costa, 22 de Julho, 2023

A Seleção Brasileira vai atrás do seu primeiro título mundial na Austrália e Nova Zelândia

 

O Brasil vai estrear na Copa do Mundo dia 24 de julho (segunda-feira), às 08h (horário de Brasília), no Hindmarsh Stadium, na Austrália, diante do Panamá, pelo Grupo F. Além da equipe panamenha, França e Jamaica compõe o Grupo F. Não sabe as características das adversárias do Brasil na primeira fase da Copa do Mundo Feminina? O Sport Life vai trazer na sequência.

 

Saiba mais sobre as adversárias do Brasil na primeira fase da Copa do Mundo Feminina

 

Panamá

É a primeira vez que essa seleção da América Central vai disputar a Copa do Mundo e a sua classificação só foi possível devido a vitória por 1 a 0 em cima do Paraguai na repescagem internacional. Anteriormente, ficou em terceiro na sua chave do campeonato da Concacaf (Confederação de Futebol da América do Norte, Central e Caribe).

Esse time ficou no quase com a sua estreia na Copa do Mundo em 2018, época em que perdeu nos pênaltis para a Jamaica na decisão do terceiro lugar e na repescagem perderam para a Argentina. A meio-campista Emily Cedeño é uma das esperanças do setor ofensivo do técnico Nacho Quintana.

 

França

As francesas trazem más lembranças para as brasileiras, isto é, derrotaram o Brasil por 2 a 1 na prorrogação pela Copa do Mundo de 2019. Quem vai chefiar a França será Hervé Renard, técnico que comandou a Arábia Saudita na Copa de 2022.

Após tempos de crises internas, o elenco francês realiza a sua preparação para este Mundial e conta com a experiência de Sandie Toletti, Ève Périsset e Kadidiatou Diani.

“É uma nova aventura, cheia de novidades mas com personagens e características diferentes. Estou convencido de que tomei a decisão certa e que essas meninas vão nos provar que são capazes de realizar grandes feitos”, disse Hervé Renard em entrevista coletiva nessa segunda-feira (26).

 

Jamaica

O time jamaicano vai disputar o seu segundo Mundial. O técnico Lorne Donaldson aposta na variedade de esquemas táticos com 4-3-3, 4-2-3-1 e 4-5-1. Khadija Shaw participou da segunda campanha nas eliminatórias, ostenta o status de capitã do elenco e atualmente defende o Manchester City.

Jody Brown disputa a liga universitária estadunidense pelo Florida States Seminoles e é capaz de deixar alguma adversária com temor da sua atuação. Além disso, tornou-se a melhor jogadora jovem do Campeonato Feminino da Concacaf com 18 anos.

 

Fonte: https://sportlife.com.br/conheca-as-adversarias-do-brasil-na-copa-do-mundo-feminina/ - By Guilherme Faber - Foto: Federação Francesa de Futebol

O que você está buscando?

google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc