Coluna Radar por César Cabral - 23 de abril de 2023

Cesar Cabral, 23 de Abril, 2023

O Pato vai pagar o pato

O ex-prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho (PL), conhecido como Pato, abriu o bico na hora errada quando afirmou que apoiou a candidatura do senador Rogério Carvalho (PT) a governador, em 2022, para tornar-se elegível. Como todos sabem, o TSE o tornou inelegível às vésperas do primeiro turno e, logo após a sua aliança com o candidato petista, o Tribunal Superior Eleitoral anulou a sua inelegibilidade, deixando o dito pelo não dito e o feito pelo não feito. Diante da declaração do Pato, o senador Alessandro Vieira (PSDB-SE) entrou, imediatamente, com um questionamento junto ao STF, pedindo ao Supremo que apure as declarações de Valmir, as quais (se verdadeiras) ferem moralmente a Corte Eleitoral. Agindo como quem não tem nada com isso, Rogério Carvalho, ao contrário do Pato, não deu um pio sequer e preferiu ficar de bico calado. Patologicamente, isso pode dar merda!

Deixem o homem trabalhar

Alheio a tudo isso, o prefeito de Itabaiana, Adailton Sousa (PL), vem realizando uma administração altamente positiva, investindo em serviços básicos e promovendo ações nas áreas da saúde e educação, capazes de melhorar a qualidade de vida dos itabaianenses. Não é à toa que boa parte do seu agrupamento político defende a sua reeleição. Sem alarde e sem patacoada, Adailton caiu na graça do povo.

Atenção trabalhadores do Brasil

Desde a última sexta-feira (14 de abril) que o STF vem analisando no plenário virtual da Corte um processo que tenta validar o retorno da famigerada cobrança do indigesto Imposto Sindical. Em 2018, os trabalhadores se livraram desse encargo, que representa o desconto de um dia de trabalho por ano em favor do sindicato da categoria, que passou, então, a ser opcional e não mais obrigatório, de acordo com a reforma trabalhista aprovada em 2017. De lá para cá, os sindicatos vêm lutando para recompor a elevada perda de receita. Por enquanto, a votação está 2x0 a favor da volta do tal desconto. Se aprovado, vai atingir todos os trabalhadores, indistintamente, sindicalizados ou não, independentemente dos seus consentimentos. Por enquanto, o julgamento está suspenso por pedido de vista feito pelo ministro Alexandre de Moraes.

Homem de palavra

Em pouco mais de três meses no cargo, o governador Fábio Mitidieri (PSD) tem dado diversas provas de que é um político de palavra, cumpridor dos acordos firmados. Além do mais, gosta e sabe fazer política como poucos. Os exemplos desses predicados estão expostos de forma escancarada em seus gestos e ações. Jovem e bem disposto, Mitidieri tem governado num pique alucinante, despachando, cumprindo audiências e mantendo reuniões de trabalho dentro e fora do estado, à cata de recursos e investidores. Ainda lhe sobra tempo para comparecer a eventos no interior, prestigiando novos e velhos aliados.

E tu, Edvaldo?

Por outro lado, do prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), não se ouve a mesma coisa. Dizem as línguas ferinas que o Ed é um bom administrador, mas detesta fazer política. São inúmeras as reclamações de aliados e correligionários que se dizem esquecidos à própria sorte pelo prefeito da capital. O que lhe sobra no esmero para administrar Aracaju falta, e muito, no cumprimento de algumas promessas. Esse seu jeito de ser, mesmo que não seja de forma proposital, certamente, foi decisivo para implodir a sua sonhada candidatura ao Governo do Estado. Por outro lado, a falta de tarimba política é responsável pela relação extremamente arranhada com a Câmara de Vereadores. Por isso, até o final do seu mandato, vai ter que amargar e engolir à seco algumas terríveis fustigadas do parlamento municipal.

Ministro forte

O sergipano Márcio Macedo é o homem de confiança do presidente Lula, neste início de Governo. Em Portugal, durante a visita do governante brasileiro, coube ao ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República receber e dialogar com representantes da comunidade ucraniana, em nome do presidente brasileiro. No encontro, Márcio disse aos ucranianos que o Brasil defende e luta pela pacificação entre os dois países (Ucrânia e Rússia) e que o assessor especial para assuntos internacionais, Celso Amorim, irá a Kiev para um encontro com o presidente da Ucrânia.

Alto lá

O presidente estadual do PT, deputado federal João Daniel, ficou azedo com o deputado estadual Ibraim Monteiro (PV) pelo fato do mesmo ter votado a favor do Governo no projeto da PPP. Enquanto João Daniel acha que todos que foram eleitos pela Federação PT/PV/PCdoB devem ser contra o Governo de Sergipe, Ibraim entende que não pode ser ingrato com Fábio Mitidieri, que nomeou João Gabriel Lula da Silva, neto do presidente Lula, com um robusto cargo em comissão. Aliás, o que pensa João Daniel sobre esta nomeação? Invasão de área? Como diz a Thais Bezerra, “um chá de camomila, please”.

Salvem Cristinápolis

O município de Cristinápolis está atravessando uma crise administrativa muito séria, em decorrência de uma queda de braço entre a prefeitura e a Câmara de Vereadores que, por birra política, não aprova remanejamento orçamentário do executivo. Por conta disso, os quase 4 mil alunos da rede municipal estão sem aula, desde o início do ano, por inexistência de transporte escolar. A prefeitura alega que não pode contratar a empresa de transporte vencedora da licitação, por falta de dotação orçamentária, mesmo tendo os recursos financeiros para tal.

Salvem Cristinápolis 2

Sabendo desse impasse e considerando o prejuízo que está sendo causado aos estudantes do município, o conselheiro substituto do TCE, Rafael Fonseca, responsável pela área, convocou o prefeito e o presidente da Câmara de Vereadores para uma reunião, com o objetivo de tentar sanar o entrave para que o ano letivo, finalmente, comece em Cristinápolis. Apesar do esforço do TCE e do Ministério Público de Contas, o avanço não foi significativo e, mesmo assim, o que foi “acordado” não ficou cem por cento garantido que seria cumprido. A Câmara não garantiu que aprovaria o projeto de remanejamento de R$ 2 milhões que o executivo mandou, como alternativa para as despesas com transporte escolar.

Pente fino

O Pleno do TCE aprovou, na última quinta-feira, a realização, imediata, de uma auditoria especial nas contas da prefeitura e da Câmara Municipal de Cristinápolis. Assim, as acusações mútuas de malversação de recursos entre os dois Poderes serão, definitivamente, esclarecidas para o povo. Em pleno feriado de Tiradentes, técnicos do TCE bateram às portas da prefeitura e Câmara Municipal e começaram as auditorias nos dois Poderes. No final das contas, é possível que alguém fique com a corda no pescoço. 

Posse no TCE

Será na próxima quinta-feira, às 10h, a posse do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe, José Carlos Felizola. Aos 40 anos, o advogado chegará à Corte de Contas com larga experiência no serviço público, pois ocupou a Secretaria da Casa Civil durante o Governo Belivaldo Chagas e, até então, vem respondendo pela Secretaria do Meio Ambiente. Coordenador da campanha de Fábio Mitidieri, foi muito importante para o resultado do pleito. Chega ao TCE com comprovado saber jurídico e elevada sensibilidade política.

Julgamento confirmado

Está marcado para a próxima quinta-feira, 27 de abril, às 14h, o julgamento pelo Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe do recurso apresentado pela defesa do prefeito e vice-prefeito de Propriá, Valberto Oliveira Lima e Rafael Sandes, respectivamente. O processo nº 0600939-68.2020.6.25.0019 trata de abuso de poder econômico, captação ilícita de votos e sufrágio de candidato eleito, em que os recorrentes são acusados.

Correndo contra o tempo

Ultimamente, a SMTT de Aracaju tem interditado, quase que semanalmente, ruas importantes da capital sergipana por conta de eventos esportivos, tais como corridas e caminhadas. Como se trata de artérias que fazem parte de corretores vitais, não precisa dizer que essas atitudes prejudicam, sobremaneira, o fluxo normal dos veículos. Esse abre e fecha de ruas e avenidas, para agradar pequenos grupos de pessoas, só tende a piorar com a proximidade das eleições do próximo ano. Haja paciência e tolerância.

Rodovia da morte

A BR-101 continua matando motoristas e passageiros que por ela transitam, no trecho que vai de Pedra Branca a Carmópolis, em Sergipe. A obra, que se arrasta por quase 20 anos, vem sendo executada a passos de cágado, com sinalização precária e sem prazo para a acabar. Trata-se do maior desrespeito com a vida das pessoas e simboliza o descaso, a malversação de recursos e a irresponsabilidade dos gestores públicos. Chega a ser revoltante tocar neste assunto e, pior ainda, noticiar mais mortes naquele funesto asfalto.

Gatos e gatunos

Sergipe passa a contar com uma Delegacia especializada em combate aos crimes de roubo de energia, água e receptação de equipamentos subtraídos das concessionárias e prestadoras desses serviços. Os famosos gatos são responsáveis por elevados prejuízos à população e às operadoras. Para se ter uma ideia, a energia recuperada no ano passado daria para abastecer o município de Itaporanga D’Ajuda pelo período de um ano. O volume de água desviado é, simplesmente, incalculável. Com a polícia especializada e de olho, é melhor os malaquias começarem a “capar o gato”. 

Atendimento horroroso

A UNIMED precisa olhar com carinho para os seus contribuintes, razão principal da sua existência, pois são os verdadeiros mantenedores da cooperativa médica. Uma senhora passou mais de uma hora para retirar o resultado de um exame na Central de Atendimento da rua Lagarto, em Aracaju. Normalmente, esse serviço, em qualquer clínica, não leva mais do que dez minutos. Um descaso com quem paga os “olhos da cara” para ter um atendimento decente.

Tragédia anunciada

A qualquer momento poderá ocorrer um acidente automobilístico de grandes proporções na rodovia dos Náufragos (Melício Machado), no acesso para a rua João Menezes de Andrade, que conduz às proximidades do Bar Parati. A SMTT de Aracaju, que arrecada mundos e fundos com os os diversos radares instalados na cidade, nada ou quase nada faz para melhorar o trânsito na capital. Uma sinalização simples, usando as chamadas “cabeças de frade” é uma solução prática e eficiente, tal como fez o DNIT, na BR-101, na cidade de Estância. As “quase colisões” que são registradas diariamente naquele local, são patrocinadas, com exclusividade, pelo descaso e irresponsabilidade da SMTT.  

Festa na Serra

Parabéns ao Itabaiana, campeão sergipano de 2023. Após 11 anos, o Tricolor da Serra voltou a dar a volta olímpica, para a alegria da sua imensa torcida. A festa em Itabaiana rolou até o dia raiar e parece não ter fim. Dentre tantos e tantos torcedores apaixonados pelo Tremendão, o RADAR lembra de Antônio Rezende, Azer dos Santos e, especialmente, José Queiroz da Costa. Esse trio foi responsável pela grandeza do time, desde o primeiro título em 1969. Parabéns aos itabaianenses!

 

O que você está buscando?

mgid.com, 539646, DIRECT, d4c29acad76ce94f amxrtb.com, 105199704, DIRECT