Avesso do Avesso! Lula vira “fantoche” e deixa “comando” com STF e o Centrão!

Habacuque, 09 de Setembro, 2023

É Constitucional: os três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) devem atuar em perfeita harmonia, mas cada um respeitando a independência do outro! Na prática temos hoje no Brasil um Executivo (Lula) que só viaja; um Legislativo (Congresso) que só “barganha” e vota em troca de cargos e espaços na administração pública; e um Judiciário (STF) que não só julga, mas “legisla e governa”, além de “executar” aqueles que se opõem, que resistem, e clama por liberdade e democracia!

Vivemos em um País altamente dividido e polarizado, politicamente falando; temos uma grande parcela da imprensa “desinformando”, vingativa, manipuladora, prejudicada, descaracterizada e sem o mesmo respaldo junto à população; foram “destruídas” pelas redes sociais (inclusive pelas fake News) e muitos hoje se “vendem” em troca da sobrevivência! A imprensa militante “esqueceu” do Brasil, dos problemas que enfrentamos diariamente, e se limita a uma pauta repetitiva, cansativa e, muitas vezes, abusiva! Segue perdendo audiência e leitura! Vive sem credibilidade...

É duro ter que reconhecer isso, ver o descrédito dos veículos de comunicação, ver grandes comunicadores “passando pano” para aquilo que está explícito para milhares de brasileiros: o presidente Lula (PT) atravessa problemas sérios de saúde, suas falas andam destoando do que seus seguidores pensam, sua esposa lhe coloca em polêmicas desnecessárias e seu maior mérito em 2023 tem sido “acumular milhas”, em inúmeras viagens internacionais milionárias! Lamentável a falta de compaixão com o povo afetando pelas enchentes e a falta de sensibilidade de seus assessores...

No nono mês de seu governo, Lula virou uma espécie de “fantoche” no cenário nacional, onde sem maioria no Congresso Nacional se viu obrigado a contradizer o discurso político de 2022, desprestigiando mulheres em troca de acordos com os partidos do Centrão, que lhe deixam de “joelhos” em troca de votos para a aprovação de seus projetos, mas é fato que já incomoda seus principais aliados, inclusive dentro do Partido dos Trabalhadores. O “amor venceu”, mas já arrefeceu! O “comando” já não é da presidência da República...

Pior ainda é ver o STF “legislando” e decidindo por Lula! Um Judiciário vingativo e corporativo! A impressão é que os dois ministros indicados pelo ex-presidente já se “contaminaram” e o mais recente já começa a dar demonstrações de como o “sistema” funciona! No Brasil aquilo que interessa ao Supremo Tribunal Federal anda “na velocidade da luz”! O que não convém, que pode esperar, “emperra”! Nada que um bom “pedido de vistas” não possa resolver! O Ministério Público (quem diria!) parece que deixou de ser “mocinho” para ser “vilão”!

Parte da imprensa e setores da Esquerda parecem querer fazer o mesmo com as forças de Segurança! É o “avesso do avesso, do avesso, do avesso”, como canta Caetano Veloso em “Sampa”, mas que agora até ele está em silêncio! Porque neste governo “Narciso acha feio aquilo que não é espelho”! Por mais espaços, o Legislativo se “entrega” pela “força da grana que ergue e destrói coisas belas”! E para o STF sobrou o “mau gosto que vi, de mau gosto, mau gosto”! Decepcionado e amargurado, parte do povo brasileiro assiste a tudo, sentindo que “alguma coisa acontece no seu coração”...

 

Veja essa!

O senador Rogério Carvalho (PT), em entrevista ao radialista Narciso Machado, na FAN FM, passou um pouco dos limites! “Justificou” sua derrota nas eleições de 2022 com uma “possível influência” do polêmico áudio sob investigação da Polícia Federal e sob uma suposta “compra de votos” na semana da eleição (ele insinuou);

 

E essa!

Rogério Carvalho só esqueceu de dizer que ele, como defensor do então candidato Lula (PT) para a presidência da República começou a perder a eleição quando se uniu com o bolsonarista declarado Valmir de Francisquinho (PL), fato que não foi bem digerido pela sociedade sergipana. O resto é “choro”...

 

Fala de Ricardo I

A polêmica em torno da fala do presidente da Câmara Municipal de Aracaju, Ricardo Vasconcelos (Rede), caiu como uma “bomba” nas rodas políticas e os veículos de imprensa do Estado se dividiram sobre o assunto: uns externaram o posicionamento e culparam o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) pela dificuldade de relacionamento.

 

Fala de Ricardo II

Já outros setores entendem que o vereador está “ameaçando” o prefeito, tentando lhe colocar, entre outras coisas, a “faca no pescoço”! Edvaldo preferiu minimizar e silenciar sobre o assunto. Um aviso para o vereador e seus seguidores: é bom ficar de olhos bem abertos, porque ele “silêncio” sempre vem acompanhando de algum “troco”...

 

Fala de Ricardo III

O fato é que Ricardo Vasconcelos disse a verdade e que ele é mais um daqueles que, por algum motivo, acreditaram, confiaram na palavra do prefeito Edvaldo Nogueira. Para os vereadores ele diz que as emendas individuais estão liberadas; lá na “ponta” tem sempre alguém “travando” a liberação, segundo o vereador.

 

Quem trava?

Como perguntar não ofende nunca, quem estaria travando a liberação das emendas individuais dos vereadores de Aracaju? Quem está impedindo que os recursos sejam usados na saúde e em outras áreas para garantir mais qualidade de vida ao povo? O Ministério Público poderia interceder...

 

“Por bem ou por mal”

A manifestação acima de Ricardo Vasconcelos não foi bem compreendida ou desvirtuada por alguns setores. O vereador quer dizer que não será enganado, como muitos outros foram! E que, pelo menos na gestão dele na CMA, o prefeito terá que cumprir a lei, gostando ou não. Né isso?

 

Adeus ao Senado?

Com a relação difícil que vem mantendo com a maioria dos vereadores aliados de Aracaju, o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) deve começar a se preocupar com seu projeto futuro de candidato ao Senado Federal. Além de aliados já de olho na vaga, agora o gestor parece cada vez mais distante de sua base política. Por enquanto sua estratégia é suicida...

 

Emília bem

Quem segue se posicionando muito bem na disputa pela PMA em 2024 é a vereadora Emília Corrêa (Patriotas). Ela tem acompanhado de perto os problemas de Aracaju e tem mantido um bom contato com a população. Mas este colunista reforça: mesmo bem popular, ninguém vence sozinho, sem grupo...

 

Olha o TCE!

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), conselheiro Flávio Conceição, e o conselheiro José Carlos Felizola participaram do curso “Quantificação de benefícios gerados pelos Tribunais de Contas”, no Rio de Janeiro (RJ). A capacitação foi promovida pela Atricon em conjunto com o Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro (TCMRio), CNPTC, Instituto Rui Barbosa (IRB) e Abracom. A coordenadora adjunta do Serviço Médico e Odontológico, Luisa Lima Dias, também compôs a equipe da Corte de Contas sergipana, junto com outras servidoras da Casa, que prestigiou o encontro no RJ.

 

Sobre o curso

Os integrantes da TCE/SE foram recepcionados pelo presidente da Atricon, conselheiro Cezar Miola (TCE/RS), e também pelo vice-presidente executivo da Associação, conselheiro Edilson de Sousa Filho (TCE/RO). O curso ofereceu, a partir da experiência do TCMRio e de outras iniciativas, conhecimentos técnicos e práticos para mensuração dos resultados gerados pela atuação dos órgãos de controle com base na metodologia do Manual de Quantificação de Benefícios editado pela Atricon (MQB), reunindo conselheiros, conselheiros-substitutos, procuradores de contas e servidores do sistema Tribunal de Contas de todo país.

 

Flávio Conceição

“É um curso muito importante já que a metodologia explanada permite a aferição do nível de efetividade dos Tribunais de Contas, o que incide na tomada de decisões estratégicas. Toda experiência técnica é válida para o aprimoramento de nossas funções no Tribunal de Contas de Sergipe. Nosso compromisso é de sempre buscar aproximar a instituição da sociedade, como um parceiro dos jurisdicionados. Quanto mais eficiente o nosso TCE, mais benefícios serão gerados para a sociedade”, concluiu o conselheiro-presidente.  

 

Yandra Moura I

A deputada federal Yandra Moura (União) protocolou o Projeto de Lei 4.186/23, que busca estabelecer diretrizes para a retomada de obras públicas inacabadas, cujos recursos tenham sido repassados por órgãos ou entidades do Poder Executivo Federal, por meio de parcerias ou convênios, com Estados, Distrito Federal ou Municípios.

 

Yandra Moura II

Segundo a deputada, a necessidade de uma legislação específica para abordar esse problema é decorrente da importância de garantir a efetivação dos princípios constitucionais que regem a administração pública. "É essencial otimizar o investimento público, evitando o desperdício de recursos e promovendo benefícios para toda a sociedade”, declarou.

 

Yandra Moura III

Ao justificar seu projeto, Yandra enfatiza que "ter leis bem definidas é de extrema importância quando tratamos de obras paralisadas. Isso não apenas proporciona segurança jurídica, mas também assegura que os procedimentos estejam em conformidade com a legislação vigente. Nossa Constituição exige eficiência na gestão pública, o que torna imperativa a retomada desses projetos. Ao evitar o desperdício dos recursos já investidos, estamos não apenas cumprindo um dever constitucional, mas também demonstrando responsabilidade na otimização dos fundos dos contribuintes", acrescentou.

 

Obras inacabadas

A parlamentar sergipana ressaltou ainda a importância de reconhecer que muitas dessas obras inacabadas impactam diretamente na qualidade de vida da população. “Estradas inacabadas, escolas inacabadas, creches e hospitais paralisados representam não apenas recursos desperdiçados, mas também a privação de serviços essenciais para toda a população”, justificou Yandra Moura.

 

Falando nela

Yandra Moura só irá discutir as eleições de 2024 “no momento oportuno”, junto ao seu partido. Ela afirmou isso à jornalista Kátia Santana, no podcast Casa de Sopapo. Nome ventilado para disputar a prefeitura de Nossa Senhora de Socorro, ela revelou que a orientação da executiva nacional do União é que a sigla tenha “o máximo de candidatos possível” no ano que vem.

 

Barrigada no Brito

O vereador campobritense, conhecido como "Rege da Autoescola" - como se diz no jargão jornalístico - deu uma "barrigada" ao publicar em suas redes sociais uma falsa pesquisa, apontando o seu pré-candidato a prefeito, Zominho, na dianteira, em sondagem atribuída por ele, ao Instituto Padrão. A  postagem circulou pela região agreste, confundindo a população e comprometendo a verdade dos fatos, o que fragiliza o processo democrático.   

 

Desmentido

Em nota pública, o diretor do Instituto Padrão, Ronaldo Joaquim, negou que tenha feito qualquer pesquisa em Campo do Brito nos últimos anos. Conhecido por todo Sergipe pela lisura e transparência, ele lamentou a publicação e o uso indevido do nome do seu instituto. Importante destacar que, antes de serem divulgadas, as pesquisas têm que ser devidamente registradas no Tribunal Eleitoral. Pelo visto, o vereador Rege da Autoescola vai ter que se explicar direitinho. 

 

Empréstimo

O relatório do senador Laércio Oliveira (PP) que assegura o empréstimo de 36 milhões de dólares (180 milhões de reais) para a saúde de Sergipe foi aprovado nesta terça-feira (5) pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado pela manhã e no Plenário no final da tarde. O financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) será destinado à melhoria da qualidade dos serviços de saúde para a população do estado, sobretudo para equipar o Hospital do Câncer de Aracaju (HCA), que atualmente está em construção.

 

Fortalecer a Rede

O senador ressalta a importância do Hospital, que tem o objetivo de fortalecer a Rede de Atenção Oncológica do estado para melhorar a qualidade da assistência aos pacientes. O Hospital do Câncer de Sergipe está com 60% das obras estruturais concluídas e deverá entrar em funcionamento em outubro de 2024, oferecendo assistência no diagnóstico e tratamento de câncer para a população sergipana. “Assim eles poderão ter uma linha de cuidado, um serviço de apoio diagnóstico e um tratamento eficaz”, afirmou o senador.

 

Mais recursos

Os recursos também serão utilizados para reformas de hospitais, como o infantil e a Nossa Senhora de Lourdes, do Laboratório Central de Saúde Pública, do prédio do Centro de Atendimento Diagnóstico por Imagem e da Escola de Saúde Pública. Além disso, inclui a aquisição de ambulâncias para a rede e a compra de equipamentos para esses postos de saúde e outras três maternidades de Sergipe. 

 

Gestão moderna

O projeto apresentado pelo Governo de Sergipe ao BID também traz como objetivo modernizar a gestão da saúde, com a aquisição de equipamentos de informática e software; a aquisição de um Sistema de Registro Eletrônico de Saúde a aquisição de um sistema de gestão hospitalar e de um sistema de gestão de serviços ambulatoriais e o desenvolvimento de um portal web para pacientes, profissionais e gestores.

 

Laércio Oliveira

Esse é um financiamento parcial do “Programa de Fortalecimento das Redes de Inclusão Social e de Atenção à Saúde – PROREDES”. Entre os objetivos do programa, está melhorar a distribuição de medicamentos para a população, reduzindo desperdícios e desvios, ampliar a oferta de serviços oncológicos e materno infantil, capacitar gestores e profissionais de saúde, entre outros. “Na minha campanha como senador, sempre defendi a melhoria no atendimento a saúde como uma das prioridades do meu mandato por isso trabalhei para que Sergipe receba esses recursos de maneira mais célere”, afirmou Laércio Oliveira.

 

Olha a FAMES!

A queda constante no repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) continua preocupando a FAMES (Federação dos Municípios de Sergipe). Vários alertas já foram feitos nesse segundo semestre em virtude da redução drástica nos valores, impactando negativamente o funcionamento das prefeituras.

 

Perda no FPM

Agravando esse quadro, segundo levantamento feito pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) com base nas informações divulgadas pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN), o montante do primeiro decêndio de setembro (que foi transferido nessa sexta-feira, 8) do valor repassado de FPM, representa queda de 28,22% em termos nominais em relação ao mesmo período do ano passado.

 

Apresenta queda

Quando o valor do repasse é deflacionado, ou seja, desconsiderando a inflação do período, apresenta queda de 31,42% comparado ao mesmo período do ano anterior. Se for considerado apenas o repasse dos primeiros dez dias de setembro, o valor é 40% menor do que o repassado no mesmo período do mês passado (agosto), quando o FPM somou R$ 5,6 bilhões.  

 

Alan Andrelino

O presidente da FAMES, Alan Andrelino, lembra que no final de agosto, a Federação mobilizou gestores e chamou a atenção da sociedade para essa grave situação. Para ele, a União deve intervir para ajudar os municípios. “Mais de 57% dos municípios estão no vermelho.  Não estamos conseguindo fechar as contas, pagar pessoal e fornecedores, que são essenciais para a realização de serviços públicos, adverte.

 

Casaca de Couro I

Referência na cultura sergipana, o músico Joaquim Antônio de Souza, mais conhecido como Joaquim Casaca de Couro, defende a implementação de projetos e eventos culturais nos bairros de Aracaju, voltados principalmente para as crianças e os jovens. A iniciativa também seria positiva para os artistas.

 

Casaca de Couro II

“É um sonho de todo artista sergipano a inclusão dos eventos, das oficinas e demais atividades culturais nos bairros de Aracaju. Isso é muito importante porque promove a inclusão social das crianças e jovens através da cultura, além de promover os artistas sergipanos e contribuir para movimentar a economia”, destaca Casaca de Couro.

 

Casaca de Couro III

Na música, Joaquim Casaca de Couro se destacou com sua banda ganhando sete prêmios ‘Sanfona de Ouro’, como melhor banda de forró do estado de Sergipe. A Banda Casaca de Couro ganhou também repercussão nacional com vários shows. Além disso, ele continua trabalhando com o teatro sergipano, onde a sua esposa, Lizete Feitoza, escreve os textos e roteiros e a banda realiza as direções musicais, todas envolvendo artistas sergipanos.

 

Orquestra Sanfônica

Joaquim Casaca de Couro também fez parte da Orquestra Sanfônica de Aracaju por 10 anos, desde o seu nascimento em Sergipe, por volta de 2004, viajando pelo estado de Sergipe e pelo Nordeste representando a cultura sergipana. “Mantenho sempre vivo em meu coração o desejo pelo que é autêntico, pela valorização da cultura e da educação de qualidade como modo de transformação social”, ressalta.

 

Alô Carira!

Entre os avanços proporcionados pela atual gestão da Prefeitura de Carira está a pavimentação em asfalto e paralelepípedo de diversas ruas da sede e de povoados do município. A iniciativa tem transformado a realidade destas localidades, garantindo mais qualidade de vida para a população e melhorando a mobilidade urbana.

 

Diogo Machado I

“Realizamos obras de pavimentação que deram fim aos tempos de lama e poeira em diversas ruas da nossa cidade. Uma nova realidade para os moradores, que agora tem um melhor acesso aos seus lares. Sem contar a alegria em ver os seis imóveis serem valorizados”, afirmou o prefeito Diogo Machado.

 

Diogo Machado II

O prefeito destacou ainda a atenção que a gestão municipal tem dado às demandas dos povoados. “A pavimentação de vias em diversos deles é mais uma prova do nosso compromisso em atender também as necessidades dos carirenses que moram fora da sede. São várias obras concluídas ou em andamento e queremos fazer muito mais por nossa gente”, enfatizou.

 

Diogo Machado III

Na lista de localidades beneficiadas com pavimentação de vias estão, além da sede, os povoados Ponto Chique, Baixa Grande, Massaranduba, Altos Verdes, Manuel Martins e Bonfim. Vale ressaltar ainda as manutenções das estradas vicinais. “Há tantos anos que eu sonhava com esse calçamento e graças a Deus agora chegou. Muito obrigado prefeito Diogo e que ele continue trabalhando bem”, afirmou Jaimira Carvalho, moradora do Ponto Chique.

 

Calçamento

“Fiquei feliz com esse calçamento, que é uma obra que a gente vinha pedindo desde as administrações passadas. Essa obra é de fundamental importância para a nossa comunidade”, salientou Jorge Almeida, do povoado Baixa Grande.

 

Netinho Guimarães I

O deputado estadual Netinho Guimarães (PL) recebeu em seu gabinete, a visita do presidente da ASMASE (Associação dos Meliponicultores e Apicultores de Sergipe, engenheiro florestal), Ricardo Tayron. Na oportunidade, o presidente explanou sobre os projetos e metas da associação em âmbito estadual. “O motivo da visita é agradecer ao deputado o apoio que a apicultura sergipana vem recebendo, bem como pleitear novas solicitações para toda a categoria. Todo apoio será de grande valia para a classe e representantes”, disse.  

 

Netinho Guimarães II

Ricardo Tayron foi organizador do 1º Encontro Sergipano de Apicultores e Meliponicultores, reunindo especialistas, produtores e entusiastas em busca de troca de conhecimento, fortalecimento da atividade e valorização dos apicultores, realizado no dia 30 de maio de 2023, no auditório da Universidade Federal de Sergipe, visando fortalecer a apicultura.

 

Netinho Guimarães III

Na época, o encontro foi promovido pela Associação Sancristovense de Apicultores e Meliponicultores, um verdadeiro marco para a apicultura no Estado. A iniciativa visou promover o intercâmbio de conhecimentos, discutir desafios e compartilhar experiências sobre a apicultura e meliponicultura na região.

 

Encontro Estadual

O presidente da ASMASE solicitou ao deputado Netinho Guimarães o apoio para a realização do segundo encontro estadual de apicultura, que deverá acontecer em maio de 2024, data especial para a atividade apícola, com exposição de produtos da apicultura e meliponicultura.

 

Ricardo Tayron I

“Estamos pleiteando ao deputado o apoio também para nossa caravana ao Congresso Brasileiro de Apicultura, a ser realizado em Brasília nos dias 24 a 26 de novembro de 2023, organizado pela Confederação Brasileira de Apicultores e Meliponicultores”, disse. O presidente também solicitou a intermediação do parlamentar junto ao governo estadual para a criação de uma unidade de beneficiamento do mel (Casa do Mel).

 

Ricardo Tayron II

Tayron agradeceu o envolvimento do deputado Netinho Guimarães e o reconhecimento da apicultura como atividade econômica. Ele informou que participará do Simpósio de Meliponicultura do Bioma Caatinga, realizado pela Universidade Estadual de Feira de Santana, na Bahia, nos dias 14 e 16 de setembro de 2023.

 

“É De Sergipe”!

O movimento “É De Sergipe” dá mais um passo em sua trajetória no fomento ao empreendedorismo sergipano e neste mês de setembro irá lançar o seu podcast oficial no Youtube. Um espaço para apresentar histórias inspiradoras e motivadoras de empreendedores sergipanos, destacando suas jornadas, desafios e caminhos para o sucesso. O podcast vai explorar diferentes setores e segmentos, desde startups e negócios locais até empreendimentos de impacto social.

 

Empreendedorismo

Cada episódio contará com a participação de um convidado especial, um empreendedor sergipano que compartilhará suas experiências, lições aprendidas e dicas valiosas para outros empreendedores e aspirantes a empreendedores. Na apresentação, os diretores do movimento Lincolin Amazonas, Anne Ferreira Costa e Maurício Menezes. O primeiro convidado foi o empresário Álvaro Déda. 

 

A pauta é Sergipe

Serão contadas histórias de coragem, resiliência e perseverança de sergipanos que transformaram suas paixões e ideias em negócios bem-sucedidos. O público descobrirá como eles superaram os desafios enfrentados no cenário empreendedor local e como utilizaram recursos e apoio disponíveis em Sergipe para alcançar o sucesso. Também serão abordados aspectos relacionados ao turismo em Sergipe como pontos turísticos, a riqueza cultural, as experiências gastronômicas e as oportunidades para empreender nos setores turísticos e de hospitalidade.

 

CRA & Postos Presidente I

O Conselho Regional de Administração de Sergipe e a Rede de Postos Presidente formalizaram um convênio que visa beneficiar os registrados ativos e adimplentes com descontos especiais. Agora, os profissionais da administração possuem 10% de desconto em alguns serviços ofertados e em setembro, em comemoração ao mês do administrador, os descontos serão de 15%.

 

CRA & Postos Presidente II

Os benefícios aplicados serão na troca de Óleo (filtro, lubrificante e aditivos) e serviços mecânicos em geral nas Lojas Trocão Lubrificantes, nas unidades da Tancredo Neves, Francisco Porto, Tecarmo, Marachel Rondon, Farolândia, Distrito Industrial, Barra dos Coqueiros e Carmopólis.

 

Carlos Eloy Filho

De acordo com o presidente do CRA-SE, Adm. Carlos Eloy Filho, o convênio visa proporcionar mais benefícios para os registrados. “Estamos ampliando o número de convênios para nossos registrados, além de terem um conselho atuante, os registrados agora contam com descontos especiais em vários serviços na Rede de Postos Presidentes”, declarou.

 

Ricardo Santos

O diretor da Rede de Postos Presidente, Ricardo Santos, ressaltou a parceria. “É uma parceria que só tem a render bons frutos, entre o Trocão, da Rede Presidente, o nosso centro automotivo, e o Conselho Regional de Administração de Sergipe. Essa parceria é essencial e os administradores poderão usufruir produtos e serviços do Trocão, sempre com alta qualidade”.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

O que você está buscando?

google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc google-site-verification=GspNtrMqzi5tC7KW9MzuhDlp-edzEyK7V92cQfNPgMc